11/12/2014

Plantão HQ (Parte 1): "Star Wars", "Dark Horse", "Juíz Dredd", "Shazam", "Valiant", e Mais....

Em ritmo de "Comic-Con Experience" (mega-evento que rolou em SP).... Uma nova enxurrada de lançamentos e novidades promete bombar nas bancas e livrarias nesta reta final de ano: Fechando 2014 com chave de ouro (foi um ano bastante fértil pra leitores de HQs). Assim, nesta 1º parte do "Plantão HQ", teremos:

"Star Wars - O Assassinato de Darth Vader", "Arlequina Invade a Comic-Con", "Esquadrão Suicida 3", "X-O Manowar 10" (o início da saga: "Planeta Morte"), "Universo Valiant 5", "Dark Horse Apresenta 2", "Shazam & A Sociedade dos Monstros" (de Jeff Smith), "Juíz Dredd 18", "Juíz Dredd - Mega-Almanaque", e "Skurge - O Executor" (Miniatura Marvel Especial)....

Confira abaixo (e não perca em breve a "Parte 2" desta matéria):

"Star Wars - O Assassinato de Darth Vader": A revista mensal "Star Wars" da Panini ganha uma "Edição Zero" (lançada na Comic-Con - e que será distribuída nas bancas após o evento). A edição custa apenas R$ 1,50 (mas também com apenas 12 pág - em papel LWC) e traz uma história completa envolvendo uma tentativa de assassinato à "Darth Vader". A trama tem ligação com a série de Brian Wood (a principal da revista mensal - cujo Nº 2 já está nas bancas, após um longo atraso)!!!

"Arlequina Invade a Comic-Con" + "Esquadrão Suicida 3": Dose dupla com a "Namorada do Coringa". O especial da "Arlequina" originalmente se passa na convenção de "San Diego" (mas aqui, por razões óbvias, ela invade é a "Comic-Con", rs). A ed. tem 44 pág, papel LWC, R$ 6,50 (história completa). A "piradinha" (como diz aquela música) também estrela o 3º encadernado do "Esquadrão Suicida", trazendo as ed. 24-30 da série, em 156 pág, R$ 16,20 (e com participação do "OMAC"). Recentemente divulgaram na mídia o elenco do FILME do "esquadrão", no qual a "Arlequina" será interpretada pela bela Margot Robbie!!!

"Shazam & A Sociedade dos Monstros" (de Jeff Smith): Essa HQ havia sido prometida há muito tempo e era uma das mais esperadas pelos fãs do personagem. Pois bem, aí está: Em formato de luxo (capa-dura), 212 pág, R$ 27,90. A história é uma reinterpretação da origem de "Shazam" (que também tem um FILME em andamento), onde o herói/menino enfrenta o "Dr. Silvana" (seu inimigo tradicional dos bons tempos). A série foi muito elogiada pela crítica no exterior, mas o traço cartunesco poderá não agradar à todos os leitores!!!

"X-O Manowar 10" + "Universo Valiant 5" + "Dark Horse Apresenta 2": Após um longo período de atrasos, a HQM retomou a publicação de 3 das revistas mix mais interessantes do mercado nacional. Em "X-O" tem o início da saga: "Planeta Morte" (a mais importante e emblemática na cronologia do herói). Já em "Universo Valiant", uma outra saga se desenrola: "As Guerras Harbinger" (que também trarão consequências à toda a linha Valiant). E no 2º número de "Dark Horse Apresenta", o destaque (entre várias histórias curtas de autores consagrados) é a série: "Blood" (de Neal Adams). A revista, já levou 3 vezes o Prêmio Eisner (entre outros igualmente cobiçados). Cada uma das 3 ed. custa R$ 12,90!!!

"Juíz Dredd 18" + "Mega-Almanaque": O Nº 18 da revista do "Dredd" fechará todos os arcos das séries em andamento - "Dredd", "Sláine", "Renegado", "Nikolai Dante", e "Choques Futuristas" (possibilitando que novos leitores comecem uma nova coleção a partir do Nº 19). A Mythos também lança nas bancas um mega-encadernadão de encalhe (com as 6 primeiras revistas do "Dredd") custando R$ 39,90 e com 384 pág. Essa ed gerou um debate interessante nas redes (face) sobre a estratégia da editora, que por um lado poderá afastar leitores da revista mensal (há quem prefira esperar por encadernados assim) e por outro, poderá atrair novos leitores (é um incentivo e uma ótima oportunidade pra quem perdeu as 6 primeiras edições de "Dredd" - que são altamente recomendáveis)!!! 

"Skurge - O Executor": Mais uma "Miniatura Marvel" da série: "Especial" (pra personagens de maior estatura física).... Na FOTO abaixo, vocês conferem a figura: Um antigo inimigo de "Thor" (mais conhecido por ser um capacho da maquiavélica "Encantor" - que seduzia o "executor" pra usá-lo como fantoche de seus planos contra o "Deus do Trovão"). A peça (que custa R$ 59,95) é bastante imponente, e sua venda é exclusiva pelo site da Eaglemoss neste "LINK"!!!

Até+

PS: Pra quem quiser ver e acompanhar mais detalhes da Comic-Con Experience, o canal "Central HQ" (do Youtube) fará uma série de vídeos mostrando de perto como foi evento.... O 1º deles pode ser visto neste "LINK" (é o mais próximo que eu achei apresentando a real dimensão da feira)!!!

171 comentários:

  1. Oi Leo!

    Outra origem do SHAZAM? Sinceramente...

    Eu tenho uma que considero absoluta, que é aquela publicada pela Abril em 1997, que foi escrita e desenhada por Jerry Ordway. Eu considero esta HQ uma das melhores que eu tenho, fora a arte que é magnífica, uma pena que tenha sido publicada em papel LWC!!

    A Panini deveria ter republicado esta que citei acima em papel de melhor qualidade, tenho certeza que iria agradar muito mais que esta do Jeff Smith a qual passarei longe!

    A Dark Horse Apresenta é uma revista que não me agradou, portanto ficarei somente com a edição n° 01. Demorou muito para vir esta n° 02, até achei que iria parar na primeira edição.

    Essa da Arlequina é um desses caça-níqueis sem-vergonha, e é outra da qual passarei bem longe, fora que este Esquadrão Suicida é bem fraquinho. Só gastarei dinheiro com a Arlequina, quando a miniatura dela chegar lá pelo meio do ano que vem!!

    Falando em miniaturas, já me presenteei antecipadamente de aniversário comprando a miniatura da Mulher Aranha, uma das minhas personagens favoritas da Marvel, porque para ela chegar aqui na minha cidade só em 2016, e eu não tenho paciência para esperar tanto por uma das personagens que mais gosto.!

    É impressionante como as peças destes personagens que fazem parte da era Vingadores do Bendis vendem que nem água na loja da Eaglemoss, comprei a minha assim que ela surgiu na loja, e em 20 minutos todas haviam acabado.

    Assisti ao episódio em que o Arqueiro enfrenta o Ra's Al Ghul e somente tenho uma coisa a dizer: PQP!

    Além do episódio ser surpreendente e extremamente violento, foi mostrado o "VERDADEIRO" Ra's Al Ghul, um brilhante estrategista mestre em artes marciais absoluto seja em combate corporal ou combate com armas, e extremamente cruel e impiedoso. O final do episódio é de cair o queixo!!

    Tenho certeza que nosso amigo José Carlos Belo irá reafirmar meu comentário sobre este episódio!!

    Acabei de ler uma reportagem em que os escritores da série dizem que este Ra's nada tem a ver com o dos filmes do Nolan, pois, este segue a linha Dennis O'Neil, fiel ao seu conceito de criação e mitologia dos quadrinhos.

    Abraços!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa lembrança essa da minissérie do Jerry Ordway contando a origem do Capitão Marvel e o primeiro combate com o Adão Negro!

      Ordway é um ótimo roteirista e um grande artista. Gosto muito da sua fase com o personagem, e acompanhava as histórias mensais produzidas por ele na revista “Shazam!”, publicadas pela Abril nos idos da década de 1990. Infelizmente o título teve vida curta.

      Entretanto, tinha curiosidade em ver o Capitão Marvel na versão do Jeff Smith, porque gosto do seu estilo cartoon e a ilustração da capa me agradou bastante. Mas fiquei um pouco decepcionado com a arte interna.

      Excluir
    2. Grande Élcio,

      concordo com vc em gênero número e grau no que diz respeito ao Shazam do Jerry Ordway. Eu sou fã dessa fase e colecionava a revista mensal da Abril. Tive tb essa especial com a origem, q realmente merecia uma reimpressão de melhor qualidade. Infelizmente nao tenho mais essas edições. Só tenho os scans...

      O episodio do Arrow ainda não vi. Na verdade estou aqui em PoA de férias com a patroa. Hoje tive o privilégio de conhecer nosso Guru do Submundo o Leo, q se revelou um grande cicerone!!!

      Mas fico feliz q os autores da série sigam a versão do Ras mais fiel às HQs! Nada contra o Ras al Ghul do Nolan. Cada um tem seus próprios méritos.

      Leo, por razões óbvias fiquei curioso sobre a aparição do Omac no Esquadrao Suicida. Pode falar mais sobre como foi isso? Vale à pena comprar essa revista por isso?

      Abs Zé.

      Excluir
  2. Beleza, Léo?

    Mais um capítulo da série: Desvendando Alan Moore! Segue algumas explicações acerca da programacão Monarca:

    O Monarca é uma evolução do Projeto MK Ultra de controle mental criado pela CIA q teria como objetivo inserir um código no cérebro do escravo a fim de transforma- lo no agente secreto perfeito(q realizaria missões sem ao menos ter consciência disso). Minha teoria é q V seria um monarca q teria quebrado o controle, o q geraria um tipo de confusão mental fazendo V manifestar outras alter-personas( uma delas a do estranho Marionetista - um sadico totalmente oposto a ele)! De forma q o Marionetista seria um "manipulador das mentes" enquanto V seria o "manipulado". Ao longo do gibi encontramos outras pistas:

    A cena clássica do dominó: Na abertura de cada tomo vemos um dominó sendo empurrado pela mão de V... Nesta cena há 2 sentidos simultâneos: 1 - a revolução feita por V conforme a ordem dos acontecimentos... 2 - representação de 1 programa q ativaria diferentes programas de suicídio simultaneamente( como uma reação em cadeia)!

    A máscara de Guy Fawkes: esta máscara representa a programacão: "Rosto de Porcelana" na qual o escravo monarca é induzido hipnoticamente a acreditar q perdeu seu próprio rosto... Uma palavra-chave ativaria seu lado Hitman para cumprir as "missões".

    Vale lembrar também q o esconderijo de V é repleto de gatilhos mentais: espelhos, carrocel, manequins, dominós...e em dado momento V compara a galeria das sombras com o cérebro de Evey( onde o topo seria a mente consciente e o andar inferior o subconsciente, ambos ligados por 1 escada em forma de espiral hipnotica! Mas enfim, são muitas referências colocadas estrategicamente( Moore estudou a fundo o assunto) em uma HQ lançada em 82!

    Abs

    JOÃO RAMOS

    ResponderExcluir
  3. "Outra origem do SHAZAM? Sinceramente..."


    Oi, Elcio.... tdo bem?

    Eu sei q mtos fãs e a crítica internacional idolatra essa série do "Shazam".... Mas te confesso q não me impressionou nem um pouco: Achei bem fraquinha por lembrar uma espécie de "fábula infantil" (tipo: "Alice no País das Maravilhas" - qdo o molequinho adentra um "mundo estranho com seres estranhos" e tudo envolto num clima de "conto de fadas" - é uma puta sensação de "Déjà Vu", sabe)? Realmente, eu prefiro MIL VEZES tbm a versão do Jerry Ordway (q tem boas chances de ser republicada na época do FILME)!

    Essa "Dark Horse 2" tá bem melhor q a 1º.... Ainda não é o suficiente pra ter me tornado um fanzaço da revista, mas eu gostei bem mais dessa nº 2 (parece q as histórias tem mais conteúdo e rendem mais do q na nº 1). Mas te entendo perfeitamente, e fica uma sensação de q ainda "falta algo" pra essa revista emplacar (mas ainda tá entre as boas opções num mar de revistas mix dispensáveis nas bancas). Já a "Arlequina", eu gosto dessa personagem (e de mulheres malvadas e psicóticas em geral, rs).... Tbm tô ansioso pela "miniatura" dela ano q vem!

    A "Mulher-Aranha" eu tbm comprei.... é uma bela peça (embora a pintura tenha ficado bem meia-boca - pelo menos na minha). Ano q vem eu tiro umas FOTOS dela aqui pro blog (nessa correria de fim de ano, acabei atrasando um monte de postagens aqui e tem várias miniaturas q andei comprando - Marvel/DC/Star Wars - e q ainda não fotografei (mas farei isso nas férias). E no mais, fiquei com vontade de assistir esse episódio do "Arqueiro" agora (parece ter ficado fodástico mesmo).... Achei q o "Ra's" no filme do Nolan ficou devendo (vilãozinho bem mequetrefe, rs): Mas essa versão agora parece ser mais fiel à do gibi pelo visto. Porém, tbm precisarei deixar este mês passar pra voltar a botar meus filmes e seriados em dia (vou ver as 2 primeiras temporadas do "Arqueiro" numa tacada só)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu realmente estranhei que a versão do Ordway não esteja na coleção Graphic DC da Eaglemoss que teve os números divulgados na Europa, (mesmo sabendo que pode haver alteraçãoes por aqui) para dar uma dimensão da pluralidade da coleção esse material deveria estar incluído, mas não há nada do Shazam nela...

      Cesar Leal

      Excluir
    2. Oi Leo,

      sobre o Ras do Nolan, acho q ele tem seus méritos. O fundamentalismo e a mente estratégica 3 passos à frente do Batman está ali. Adoro a cena em que ele está no metrô prestes a morrer e simplesmente fecha os olhos aceitando seu destino.

      O que faltou nele pra mim foi a megalomania e o subtexto religioso q cerca o personagem nas HQs clássicas da década de 70/80.

      Abs, Zé.

      Excluir
    3. Leo e João,

      só pra jogar uma pimenta na discussão, não foi essa a interpretação q fiz de V de Vingança. A história parece um "o que aconteceria se o fascismo/nazismo vencesse a 2a guerra mundial".

      O local onde V, Valéria e outros foram vítimas de experiências hediondas eram claras recriações dos campos de concentração. O segregacionismo, os chuveiros, está tudo ali. Em nenhum momento os experimentos tratavam de controle mental. Eram testes farmaco-quimicos para aprimoramento físico.

      V de Vingança é um thriller político denso com uma pegada forte de 1984 de Orwell (e não Laranja Mecânica, q seria a inspiração óbvia para uma abordagem de controle mental), q tenta mostrar os caminhos para a verdadeira liberdade. Mostra q as grades de uma prisão estão na nossa mente e q a própria felicidade pode ser uma armadilha.

      Mas estou aberto pra ouvir mais sobre essa teoria q é muito interessante e já foi tema de muitos filmes.

      Abs, Zé.

      Excluir
  4. "Mais um capítulo da série: Desvendando Alan Moore! Segue algumas explicações acerca da programacão Monarca:"


    E aí, JOÃO RAMOS.... blz?

    Obrigado mesmo por mais essas interessantes teorias e análises sobre a obra do Moore.... Com certeza, renderiam uma bela tese ou dissertação acadêmica de HQs. Alan Moore sempre parece pesquisar à fundo quaisquer temas com os quais trabalhe: E isso inclui diversas áreas da ciência, física quântica, História da arte, literatura clássica, e até magia e ocultismo!!!

    Por mais q alguns leitores (nas redes sociais) tenham se habituado a criticar e ridicularizar os excessos e atitudes rabugentas do autor (q adora uma boa polêmica na mídia e quer sempre estar metido em tretas homéricas).... é preciso reconhecer acima de tudo, q Alan Moore se destaca da grande maioria dos demais roteiristas de GIBIS por ser um pesquisador (de várias áreas) e repassar parte de seus conhecimentos em sua obra: Diferente dos autores q parecem escrever no "piloto automático" (e não produzem nada de genial ou relevante que possa ser apreciado por leitores mais exigentes)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  5. BOm diA Leonardo!!!!


    Brother ontem eu comprei aqui em Goiânia-Go o encadernado do BATMAN 66, ele custou R$22,90.


    Leo eu curti pra caramba essa edição do BATMAN 66!!!! Show de bola! É uma leitura suave, cômica e "descompromissada".

    Bom, esse é um encadernado que eu recomendo muito! Principalmente para os quarentões como nós dois. Pois talvez essa geração de garotos de hoje, ache esse BATMAN 66 meio "brega", mas para quem assistiu o seriado pela TV vai adorá-lo!!!


    Enfim, eu avalio essa edição mesclada de nostalgia como MUITO BOM****.

    Amigo agora estou no aguardo do seu REVIEW desse encadernado aqui no SUBMUNDO, pois você possui um "faro fino" para avaliações muito melhor do que eu.

    Abrçs!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Fala Leo,

    Já tem um tempo que estou querendo acompanhar Juiz Dredd, porém não gosto do formato das "Megazines" (acho muito grande rs), mas este almanaque me chamou muita atenção, acho até que vou investir nele, justamente por ser encadernado.

    Mais uma coisa, por acaso você tem alguma novidade da "Coleção Marvel Terror"? No mais, excelentes dicas, como sempre.

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem, o formato é o original britânico. Se a gente reduzisse, teria pessoal reclamando que reduzimos. Não há solução para isso!

      Excluir
  7. E aí, Leo? Beleza?
    Olha, eu tenho a hq do shazam importada, que comprei justamente porque achei que jamais sairia no Brasil.
    Gostei muito da história e dos desenhos, que recuperam e atualizam o clima das histórias originais do C.C. Beck.
    Mas, por incrível que parecça, acho que o trabalho recente do Geoff Johns com o personagem foi superior. Comprei o importado também, até porque saiu aqui em um mix xexelento na revista da liga, com aquele papel horroroso que desmerece a bela arte do Gary Frank.
    Recomendo muito.
    Infelizmente, não li a fase do Ordway com o personagem e não consegui encontrá-la nem em inglês.
    Será que vale a pena mesmo?
    Abração e parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zelig,

      vc encontra a fase do Shazam do Ordway no Darkseid Club.

      Abs, Zé.

      Excluir
  8. Faz tempo que não acompanho a 200AD, mas eu gostava bastante da revista, não só pelos roteiros e ilustrações de qualidade, mas também pela proposta da publicação em si -- uma antologia de histórias curtas estreladas por personagens carismáticos, com humor, violência e críticas sociais.

    A ideia de criar arcos em seis partes é boa para renovar o público, mas já vi algumas sagas do Dredd na 2000AD que tinham bem mais partes, então não sei se o número "seis" é fixo.

    Como não me preocupo em ter os últimos lançamentos em mãos, normalmente espero os encadernados (desde que a encadernação do encalhe não seja tão tosca a ponto de dificultar a leitura na região da dobra das páginas). Mas concordo que acompanhar a revista mensal é uma experiência bem diferente -- e que era uma das coisas que eu gostava quando lia quadrinhos na infância. Por isso vou cogitar a comprar as mensais do Dredd a partir do ano que vem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por enquanto as sagas mais longas têm saído em encadernados. Também não sai só um capítulo de Dredd por edição, mas entre quatro e seis. Ou seja, potencialmente podemos publicar até sagas de 36 partes nesses arcos de seis edições!

      Isso é o bastante para QUASE todas as sagas do Juiz, mas é possível que mais adiante a gente repense essa política. Por enquanto está funcionando.

      Excluir
  9. LEO, esse Mega-Almanaque, tu sabe se é um dos famosos encalhernados, ou é um encadernado normal?

    ResponderExcluir
  10. E aí Leo, blza?
    Cara, não consta no post mas vai sair a fase do BENDIS dos G.da Galáxia.
    Vingadores Cósmicos.
    Eu comprei aquela versão da panini q saiu uns 3 meses atrás e gostei!
    Do Abnett.
    Sabe me dizer se essa fase do BENDIS é boa tbm?
    E vi tbm q saiu na CCXP uma com 20 pag e custando R$ 5.
    Só não entendi onde se encaixa aquela formação, saca só:
    http://www.comix.com.br/product_info.php?products_id=22820

    Valeu!

    ResponderExcluir
  11. Encontrei na banca hj a edicao do Boba Fett e SW legends 2 todavia a numero 0 da materia nao encontrei.

    Voce acompanha os comics da valianta (x-o e universo) o que tem achado?

    ResponderExcluir
  12. Eai Leo blz?
    Cada dia q passa fico mais interessado nestes gibis da linha valiant, comprei o 1° encadernado de X-O e acho q fui com mta cede ao pote e acabei achando apenas boa, mas com arcos como "Planeta Morte" e estas capas fantasticas sempre bate uma vontade de ler rsrsrsrsrs.
    Vc saberia sobre um possivel vol.2 ou algum encadernado de alguma outra série desta linha??

    E aproveitando oq vc acha dos Eternos (novo lançamento da salvat)?
    Me pareceu algo bem similar a Kirby Genesis, estou errado? se for vou comprar pois adorei.

    Outra coisa estou no aguardo pela sua lista de 100 melhores HQs, quero saber se Marvels entrou na lista e se encontrou em qual posição. Até agora nesta minha curta vida de leitor de HQs (quase 4 anos) não li nada que me desse mais prazer.
    PS - Aguarde segredo quanto uma possivel classificação de Marvels, vai ser mais legal descobrir de surpresa rsrsrsrsrs.

    Abr

    ResponderExcluir
  13. blz leo?

    se achar fácil de todas estas so vou compra a mega-almanaque dredd

    abraço

    ResponderExcluir
  14. E ai Leo, meu nome é Alex Miller descobri teu blog faz alguns dias e achei ele muito legal, gostaria de saber se o "Mega-Almanaque" do Dreed irá relançar as 6 primeiras edições da Juiz Dreed Megazine pois se for isso não irei comprar uma vaz que tenho todas as Megazines que já sairam.
    Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  15. E aí Leo,tudo beleza?
    Agora é a minha oportunidade de ter as primeiras edições da Juiz Dredd Megazine(apesar de não ter gostado da capa!).Também vou conferir esse assassinato de Darth Vader.

    Ainda bem que desse plantão foram poucas que me despertaram o interesse. Meu bolso vai ter mais um pouco de sossego!

    ResponderExcluir
  16. "Ordway é um ótimo roteirista e um grande artista. Gosto muito da sua fase com o personagem, e acompanhava as histórias mensais produzidas por ele na revista “Shazam!”, publicadas pela Abril nos idos da década de 1990. Infelizmente o título teve vida curta."


    Oi, Martin.... tdo bem?

    Eu cheguei a ter algumas ed. dessa revista do "Shazam" na época.... Era excelente mesmo e eu diria q a melhor fase do personagem (q eu tenha lido). Tbm lamentei o fim prematuro da revista (q tinha capas sensacionais tbm). Taí eu material q eu compraria certo se fosse relançado hj!

    Abs!

    ResponderExcluir
  17. "Leo, por razões óbvias fiquei curioso sobre a aparição do Omac no Esquadrao Suicida. Pode falar mais sobre como foi isso? Vale à pena comprar essa revista por isso?"


    E aí, ZÉ Carlos.... blz?

    Pra mim tbm foi um privilégio poder conhecer pessoalmente um leitor tão participativo aqui do blog... e vindo do outro lado do país ainda por cima, rs. Vc e sua patroa são gente-finíssima e espero q tenham curtido tbm o tour nerdístico de hj (o passeio foi ótimo, mas cheguei tão pregado da caminhada e do balanço dos busões - q dormi direto e só fui acordar agora: quase 3 da matina, rs): Mas valeu a aventura, pois fazia mto tempo q eu não atravessava a cidade toda indo só em livrarias e lojas de gibis, hehe)!

    Qto à sua dúvida sobre "OMAC".... Já vou procurar agora mesmo os scans dessa ed. pra ver se presta (depois te digo, blz)? Pois ainda não li esse material e só vi pela sinopse oficial q o tema central seria o OMAC (parece q vão querer utilizar ele como arma de guerra ou coisa assim)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  18. "Eu realmente estranhei que a versão do Ordway não esteja na coleção Graphic DC da Eaglemoss que teve os números divulgados na Europa, (mesmo sabendo que pode haver alteraçãoes por aqui)"


    Oi, Cesar.... tdo bem?

    Realmente, uma das maiores críticas dos leitores sobre essa coleção da DC.... tem sido justamente a FALTA de alguns heróis importantes da mitologia da editora. Parece inadmissível q uma coleção de 60 Vol. dedicadas à DC tenha deixado de fora o "Shazam" e tbm o "Aquaman" (pelo menos 1 ed. pra cada um não teria feito mal pra seleção de material, né)?

    E se eu tivesse q escolher uma fase ou arco do "Shazam" pra ser publicado.... com certeza seria do Jerry Ordway tbm (q soube reformular o personagem com dignidade e respeitando suas características clássicas)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  19. "sobre o Ras do Nolan, acho q ele tem seus méritos. O fundamentalismo e a mente estratégica 3 passos à frente do Batman está ali."


    Oi, ZÉ Carlos..... Eu não sei, não consegui gostar desse filme e nem da caracterização do "Ra's": Acho q esses detalhes q vc citou (megalomania e subtexto religioso) fizeram falta mesmo - pois acabei não conseguindo identificar o vilão no filme!

    Aliás, na trilogia do Nolan.... esse 1º filme eu achei tão fraco e arrastado em linhas gerais q nem quis ter na minha coleção de DVDs: Passei a considerar apenas o 2º e 3º filmes (q eu achei ótimos, rs)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  20. "só pra jogar uma pimenta na discussão, não foi essa a interpretação q fiz de V de Vingança. A história parece um "o que aconteceria se o fascismo/nazismo vencesse a 2a guerra mundial"


    Oi, ZÉ Carlos.... Na verdade, esse comentário do João Ramos é uma "continuação" de um outro q ele tinha feito semanas atrás aqui no blog explicando melhor sua visão sobre a obra!

    Infelizmente, não lembro em q postagem foi q o debate surgiu pela 1º vez (foi no meio de uma matéria q em algum momento falou de Alan Moore).... Mas achei um ponto de vista bastante interessante (e q foi melhor defendido e justificado nessa 1º parte do comentário q ele fez)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  21. "Brother ontem eu comprei aqui em Goiânia-Go o encadernado do BATMAN 66, ele custou R$22,90."


    Oi, Marcio.... tdo bem?

    Essa ed. tbm achegou aqui no sul.... e te confesso q fiquei surpreso com o preço (eu achei q fosse custar mais caro qdo soube q seria em formato luxo, mas 22 pila tá melhor q a encomenda, rs)!

    Mesmo assim, como a minha pasta já tava carregada de outros gibis hj (Demolidor 6, Star Wars, etc).... acabei deixando pra pegar essa ed. na minha próxima ida à loja. E pode deixar q vou incluir ela no próximo "review" sim, aliás já fiz uma matéria só sobre esse material (em outubro) mas como na época eu tinha lido só por scans, vou deixar pra avaliar de novo após ler a versão traduzida q saiu agora. Porém, como é um gibi q já me agradou mto, minha avaliação será no mínimo um "MUITO BOM" (4 estrelas) tbm, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  22. "Já tem um tempo que estou querendo acompanhar Juiz Dredd, porém não gosto do formato das "Megazines" (acho muito grande rs)"


    E aí, John wobhm.... blz?

    Esse encadernado do "Dredd" vai ser um mega-tijolão pelo visto.... pois o formato continuará o mesmo da revista (grande), rs. Meu maior problema com as "megazines" é na hora de acomodá-las na estante: Pois pra evitar q elas fiquem tortas qdo guardadas em pé, tenho q jogar umas 6 delas juntas num mesmo plástico (e pressioná-las na prateleira com outras revistas na volta)!

    E sobre a "Coleção Marvel Terror".... Bem, a "Tumba de Drácula" (após um belo atraso) finalmente foi lançada lá na Comic-Con e semana q vem deve estar chegando às bancas tbm (o Vol. 2 trará a 1º aparição do "Blade - O Caçador de Vampiros")!

    Abs!

    ResponderExcluir
  23. "Infelizmente, não li a fase do Ordway com o personagem e não consegui encontrá-la nem em inglês. Será que vale a pena mesmo?"


    E aí, Zelig.... tdo bem?

    A fase do Ordway (feita lá por 1995) vale mto à pena sim.... Eu li parte dela qdo saiu em formatinho pela Abril e achava excelente: É tudo num estilo bem épico mesmo q lembra as grandes HQs feitas em homenagem à personagens ou períodos clássicos dos gibis (Marvels, Reino do Amanhã, A Era de Ouro, Astro City): O "Shazam" do Ordway segue essa linha: enaltecendo a mitologia do herói e respeitando suas características originais! No LINK abaixo tem as capas e sinopses (em inglês) de todas as 47 ed. q essa fase durou (só pelas capas já percebe-se o alto nível dessa série):

    http://www.mycomicshop.com/search?TID=109121

    Ah, e eu achei ótima tbm essa fase q vc mencionou com arte do Gary Frank.... Li ela em scans, pois tbm não gosto desse papel usado nas mensais da Panini: Tai um belo material pra republicarem encadernado (num papel melhor) na época do FILME do "shazam", hein?

    Abs!

    ResponderExcluir
  24. "A ideia de criar arcos em seis partes é boa para renovar o público, mas já vi algumas sagas do Dredd na 2000AD que tinham bem mais partes, então não sei se o número "seis" é fixo."


    Oi, Martin..... tdo bem?

    Realmente, a proposta da revista do "Dredd" é excelente ao mesclar material variado (com diversos autores e artistas ingleses) e de diferentes épocas da revista "2000 AD": Numa mesma ed. de "Dredd", temos clássicos dos anos 70 e 80 (em P&B) e o melhor do material recente (anos 90/2000 pra cá). Os gêneros tbm se misturam mas sempre dentro da ficção científica (Renegado, Área Cinzenta) e fantasia (Sláine, Áquila)!!!

    Sobre os arcos de histórias.... Bem, existem sagas mto extensas do "Dredd" sim, e uma delas foi a "Origem" dele (dividida em umas 22 partes): Nesses casos, o material é lançado encadernado ou num "Especial" (tipo: "Democracia"). Mas a revista mensal da Mythos sempre consegue fechar todos os arcos de todas as séries a cada 6 ed. Isso é ótimo pro leitor q quiser acompanhar a revista a partir de uma numeração mais avançada (é como se a revista fosse zerada a cada 6 meses)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  25. "tu sabe se é um dos famosos encalhernados"


    Oi, Miltão.... blz? Sim, é encalhe puro!

    Abs!

    ResponderExcluir
  26. "Cara, não consta no post mas vai sair a fase do BENDIS dos G.da Galáxia.
    Vingadores Cósmicos."


    E aí, Adriano.... blz?

    Esse novo encadernado dos "guardiões" eu não esqueci não, só deixei pra parte 2 desta matéria (onde essa ed. deverá ser até o destaque principal da postagem, hehe). Mas não cheguei a ler ainda essa fase do Bendis, e vou tentar baixar neste findi pra ver se presta... minha ideia é tentar ler esse material à tempo de escrever a próxima postagem aqui do blog, rs!

    Pelo menos sei q um amigo meu q coleciona a revista "Universo Marvel" me recomendou esse encadernado agora... e segundo ele, os "guardiões" do Bendis então entre as melhores séries no mix da revista (até pelo preço bem em conta, eu deverei arriscar direto - caso não encontre os scans)! E sobre essa ed. do link q vc postou, me pareceu ser uma história fechada e sem ligação com essas fases q saíram encadernadas. Eu tbm gostei do último encadernado com capa metalizada dos "guardiões" q saiu há pouco tempo (bom material)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  27. "Voce acompanha os comics da valianta (x-o e universo) o que tem achado?"


    Oi, Murilo.... tdo bem?

    Eu acompanho sim, todo o universo da Valiant (tanto pelas ed. da HQM qto por scans).... E acho um material sensacional (bem melhor construído e coerente q os universos da Marvel/DC na atualidade). Minhas séries favoritas da linha são: "X-O Manowar" (excelente), "Bloodshot", "Shadowman", e as ainda inéditas por aqui: "Eternal Warrior", "The Unity", e "Ninjak"!!!

    E sobre os "Star Wars"... Tá saindo uma ed. de cada vez mesmo: num dia saiu o "Boba Fett" (q eu comprei e gostei - recomendo), no dia seguinte o n] 2 da mensal (q tá mto bom tbm), e semana q vem deve chegar nas bancas daqui esse tal Nº ZERO (q eu não sei se presta, mas vou arriscar por custar apenas 1,50)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  28. "E aproveitando oq vc acha dos Eternos (novo lançamento da salvat)? Me pareceu algo bem similar a Kirby Genesis, estou errado? se for vou comprar pois adorei."


    E aí, Guilherme.... blz?

    Olha... infelizmente, esses "Eternos" do Neil Gaiman (Salvat) eu achei apenas regular: Ficou devendo MUITO à fase original do Kirby (q saiu apenas uma parte aqui em antigos formatinhos da Abril). Não é um material q eu recomendaria, pois achei superficial e mto chato/arrastado. Cheguei a comprar a mini-série (em 4 partes) q saiu pela Panini, mas acabei me livrando dela em seguida: É o trabalho mais fraco do Gaiman q eu já li na Marvel (e fica bem abaixo tbm de "1602")!

    Sobre o "X-O Manowar".... Eu tbm tenho o encadernado da HQM, e essa série é a minha favorita de toda a linha Valiant. Te garanto q ela melhora constantemente (já li umas 30 ed. em scans) e nunca perde o pique. A saga do "Planeta Morte" é a q eu mais gostei até agora. E qto aos próximos encadernados da HQM: bem, parece q "Harbinger" ganhará seu Vol. 1 encadernado (e já li em algum lugar - acho q na pág da HQM do face - q teremos tbm um Vol. 2 do "X-O")!

    Já o meu "TOP 100".... Te confesso q tá sendo mais difícil elaborar essa lista do q eu imaginava, hehe. Pois tô sendo bem minucioso e não quero esquecer de nenhum gibi importante q eu possa acabar deixando de fora da lista por não ter lembrado na hora. Pra isso, tô tendo q revisar com calma minha coleção de gibis (o q não é fácil, já q tenho cerca de 2.500 espalhados nas estantes, rs). Mas com certeza: "MARVELS" estará na lista sim, pois é uma das minhas HQs favoritas de todos os tempos (até pq, sou marvetinho, hehe)... Só q na minha lista, não poderei classificar os gibis numa ordem/ranking de melhores, pois me deparei com um problema qto à isso: q seria as séries ou fases q não valem como uma edição só (por exemplo, o "Justiceiro MAX" do Ennis entrará na lista como um item único)! Mas cá pra nós, "Marvels" seria um dos meus "TOP 10" (dez), rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  29. "se achar fácil de todas estas so vou compra a mega-almanaque dredd"


    E aí, gustavo.... blz?

    Dessa lista acima eu devo ficar com: "Star Wars", "Dark Horse", "Dredd 18", "X-O", e (talvez) o "Esquadrão 3".... como já tenho as 6 primeiras do dredd, vou deixar passar o mega-encalhe (mas recomendo, sem dúvida)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  30. "E ai Leo, meu nome é Alex Miller descobri teu blog faz alguns dias e achei ele muito legal, gostaria de saber se o "Mega-Almanaque" do Dreed irá relançar as 6 primeiras edições da Juiz Dreed Megazine"


    Oi, Alex Miller.... tdo bem?

    Seja bem-vindo ao "Submundo" então, e obrigado por ter curtido o blog (apareça mais vezes tbm, blz)?

    E qto à sua dúvida.... Sim, o "Mega-Almanaque" é um encalhe das 6 primeiras edições da revista mensal. Tbm vou deixar passar essa, pois (da mesma forma q vc) já tenho a coleção completa até aqui, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  31. "Agora é a minha oportunidade de ter as primeiras edições da Juiz Dredd Megazine(apesar de não ter gostado da capa!).Também vou conferir esse assassinato de Darth Vader."


    Oi, andre.... blz?

    Essa é uma chance de ouro mesmo (e com um ótimo preço) pra vc conferir a revista do "Dredd" (depois q vc ler esse almanacão, diz aí o q achou, blz)? Mas espero q vc curta o material (q eu sempre recomendei aqui no blog). Já a capa ficou meia-boca mesmo: É a imagem do nº 2, mas eu acho q teriam capas mais fóda pra escolherem no lugar dessa (das 6 primeiras, minha preferida é a nº 5: com o "Dredd" espancando uns punks, rs)!

    Já esse "Assassinato" do Vader, deve ficar só na "tentativa" mesmo (mas pelo preço, vou comprar direto tbm - nem perderei tempo procurando o scan pra ver se presta)... E vamos esperar o próximo "Plantão" antes de fecharmos o balanço do nosso orçamento mensal (ainda não finalizei a postagem, pois tô esperando o "X-9" me confirmar umas novidades até o findi - vamos ver o q nos espera ainda, rs)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Star Wars 0 com o Assassinato de Vader é boazinha, do mesmo Brain Wood que está fazendo a principal saga da revista mensal tendo sido lançada lá fora durante o Feee Comic Book Day tem apenas doze páginas e se trata de uma aventura sem maiores pretensões, mas vale mesmo pelo preço de R$ 1,50

      Cesar Leal

      Excluir
  32. "Bem, o formato é o original britânico. Se a gente reduzisse, teria pessoal reclamando que reduzimos. Não há solução para isso!"


    Oi, Hunter.... blz?

    Eu lembro das críticas q a Pandora recebia dos leitores por ter reduzido o formato magazine pra um menor ainda q o tradicional "formatéco" (usado pela Devir em "The Boys"). Eu tenho aqueles 2 encadernados da Pandora com o "Dredd" ("Juízes do Apocalipse" e "Os Punhos de Stan Lee"): E além do formato pequeno, ainda haviam margens mto largas (q reduziam ainda mais a arte)! São ed. excelentes (pelas histórias em si), mas se algum dia (se o mercado permitir) a Mythos republicar esse material num formato melhor (e maior) q as edições da Pandora, eu certamente compraria de novo pra substituir essas edições!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em 2015 algumas dessas histórias VÃO ser republicadas. Aguarde e confie!

      Excluir
  33. "Isso é o bastante para QUASE todas as sagas do Juiz, mas é possível que mais adiante a gente repense essa política. Por enquanto está funcionando."


    Eu (falando apenas por mim).... Tenho gostado desse sistema de intercalar a revista mensal com encadernados (pra sagas mais longas) e especiais (tipo: "Lei de Canon" e "Democracia"). Sei q o mercado atual parece arriscado pela grande quantidade de títulos e lançamentos (e q deixam parte dos leitores sem condições de comprar todos os gibis q gostariam - e tendo q cortar uns pra poder comprar outros).... Mas às vezes uma única ed. do "Dredd" num mês fica parecendo pouco (eu costumo ler uma ed. inteira do "Dredd" no dia mesmo em q chego da banca) e aí um encadernado ou especial acaba quebrando o galho pra matar a vontade imediata de continuar lendo mais, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  34. Grande Leo,

    Valeu meu Brother, vc é gente finíssima também.

    Nossa "jornada" pela cidade foi uma aventura e tanto. Cansativa, mas ao mesmo tempo divertida e produtiva (6 encadernados e 1 revista!!!).

    No sábado não esqueça de pegar seu presente, eheh.

    Fico no aguardo da informação sobre o Omac!!!

    Abs, Zé.

    ResponderExcluir
  35. "Fico no aguardo da informação sobre o Omac!!!"


    Valeu mesmo, ZÉ Carlos....

    E se na nossa peregrinação pelas lojas de gibis eu saí apenas com o "Demolidor 6".... Nesta madrugada fechei minha cota com uma "Miniatura Especial": O "Fanático" (q já tá à venda no site e será notícia na parte 2 desta matéria, rs)!

    Qto ao "OMAC".... Acabei de baixar e ler todo o conteúdo desse "Esquadrão Suicida 3": E achei uma BOSTA. Material mto ruim, e embora o "omac" apareça bastante, o roteiro é fraquíssimo (e a arte é pior ainda). O "REI" deve estar se revirando no túmulo com isso. Ah, e esse tbm será o último encadernado do "esquadrão" (cancelaram a tosqueira - mas anunciam uma reformulação em seguida: q não deve ser mto melhor)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz, acabei de ver a Fanático no site... vai-se mais uma grana... Não entendi porque eles não lançaram na Comic Con, teria sido pelo menos mais visível e mais barato para quem comprasse por lá sem pagar frete... Por sinal eles tinham dito em uma entrevista tempos atrás que lançariam o Mojo na sequencia das especiais e já tivemos duas (executor e fanático) e nada do Mojo, será que desistiram? Um amigo comentou que a Mojo foi uma peça muito complicada de lançar lá fora pois ela quebra com muita facilidade...

      Cesar Leal

      Excluir
    2. Poxa Leo,

      uma pena ver um grande personagem como Omac desperdiçado dessa forma. Pra mim, só autores como Moore, Gaiman (em Sandman, não em Eternos), Byrne e Morrison conseguiram honrar o legado do Rei Kirby.

      Vamos torcer pra saga Convergence trazer nosso Omac e outros grandes herois de volta e esquecer essa balburdia nonsense dos Novos 52...

      Abs Zé

      Excluir
  36. O Drácula saiu aqui no RJ. Mas nada de Vingadores 3 ou Star Wars 0 (que estou com medo de perder por causa do preço baixo).

    Peguei também o Boba Fett e os Guardiões da Galáxia de 5 pratas. E já estou receoso de quando o Star Wars virar semanal...

    Aproveitando a postagem, essa semana tirei da fila dois quadrinhos dos chamados "alternativos".

    "Azul é a Cor mais Quente" achei bem mais ou menos. A edição é caprichada, a arte é linda, mas achei a história aquém do hype. E está muito longe de ser uma HQ erótica, o que talvez para mim tivesse elevado o nível (rs). Vamos ver se o filme agrega algo além da putaria softcore, pois já estou ciente de que há mudanças no enredo.

    "Coraline" eu achei excelente! Tenho me interessado pelas obras "infantis" de Neil Gaiman e não resisti ao descobrir que essa virou HQ. Vai demorar um pouquinho para eu deixar ao alcance da minha filha (rs), mas recomendo para quem tem filhos e/ou consegue ler uma história com os olhos de uma criança. Vou até ver o filme (elogiadíssimo por sinal).

    E acabo de me dar conta que as duas leituras geraram filmes sucessos de crítica! E tem gente que ainda subestima quadrinhos...

    ResponderExcluir
  37. Saindo um pouco do assunto, mas eu tinha que comentar em algum lugar: no facebook da Veneta, os editores comentaram que acabou de chegar a quarta edição de Do INferno. Isso mesmo, já sairam QUATRO TIRAGENS!

    A HQ de 70 e poucos reais tá vendendo bem pra caramba! Uma das obras mais herméticas e difíceis de ALAN MOORE, ainda assim vende pra caralho!

    Enquanto isso, certa editora punheteira do Grant Morrison, boicota o material que detem os direitos, quando muito os lançando da maneira mais porca e descuidada possível! Alguém pode entender qual a lógica desse povo da Mythos? Alguma estúpida motivação política, questão de gosto? O pessoal da Panini Itália sabe que está deixando de ganhar dinheiro por causa desse tipo de birra?

    ResponderExcluir
  38. Quanto à Valiant vai a dica: podem comprar sem medo. Todas as histórias são boas com destaque, a meu ver para: Bloodshot, Harbinguer e X-O. Menção honrosa a Archer. Ass Rodrigo Ricardo. Obs.: pena a HQM estar descuidando tanto da periodicidade, mas as edições 4/5 da Un. Valiant e 9/10 de X-O chegaram todas ao mesmo tempo no RJ (onde comprei) e em Teresina -PI (onde passo semanalmente).

    ResponderExcluir
  39. "O Star Wars 0 com o Assassinato de Vader é boazinha, do mesmo Brain Wood que está fazendo a principal saga da revista mensal"


    E aí, Cesar.... blz?

    Tbm gostei dessa historinha (q na verdade tem 8 pág - são 12 contando com as 4 capas, rs).... Mas realmente, a arte é boa tbm e vale com toda certeza os R$ 1,50 q custa: Apesar de poucas pág, o autor soube aproveitar bem cada quadro e balão de texto!

    Abs!

    ResponderExcluir
  40. "Em 2015 algumas dessas histórias VÃO ser republicadas. Aguarde e confie!"


    Opa... valeu mesmo. Hunter!

    Ficarei no aguardo então.... e se numa dessas futuras republicações puder rolar tbm o "Sláine" (q saiu pela Pandora): Melhor ainda, rs! (Esse eu tenho em mini-série, mas um encadernado seria muito bem-vindo)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  41. "Putz, acabei de ver a Fanático no site... vai-se mais uma grana..."


    Pois é, Cesar.... Esse "Fanático" veio de repente mesmo e só fiquei sabendo pq um amigo meu me avisou pelo face q já tava à venda (aí acabei comprando na hora, pois essa é uma das peças q eu mais queria)!

    Só q aumentaram o preço desses especiais da Marvel tbm (q agora custam o mesmo q os da DC: R$ 65).... E a merda é q o frete sai caro tbm (18 reais)! Sobre o "MOJO": Ele tá na lista dos próximos, e por enquanto a Eaglemoss tá lançando em sequência todas as peças prometidas no começo do ano (o "Fanático" tava na lista tbm). Ainda faltam sair (entre as já anunciadas da Marvel): "Galactus", "Ka-Zar & Zabu", "Apocalipse", "Ronan - Acusador", "MOJO", e "Homem-Coisa" (q não devem tardar, pelo visto)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  42. "uma pena ver um grande personagem como Omac desperdiçado dessa forma. "


    Verdade, ZÉ Carlos....

    Somente autores (MUITO) competentes conseguem trabalhar bem com personagens q ficaram tão marcados por grandes mestres do passado. Obviamente NÃO é o caso aqui, rs. E vc sabe bem minha opinião sobre os "Novos 52": Não adianta ficarem insistindo em algo q não tá funcionando direito! Vamos ver no q vai dar essa "convergência"!

    Abs!

    ResponderExcluir
  43. "O Drácula saiu aqui no RJ. Mas nada de Vingadores 3 ou Star Wars 0 (que estou com medo de perder por causa do preço baixo)."


    E aí, SEMI.... blz?

    Essa do "Drácula" eu tô esperando sair aqui (deve chegar semana q vem)... Mas esse "SW" de R$ 1,50 acho q tem q ser rápido no gatilho mesmo: Pois o preço tá mto atrativo até pra quem não curte a série (não acho q essa ed. vá durar mto nas bancas com um valor desses)!

    E sobre "Azul é a Cor mais Quente".... Posso te garantir q o FILME é BEM melhor q a HQ: E não foi à toa q ganhou a "Palma de Ouro" em Cannes (aliás, é a 1º adaptação de GIBI a ganhar tamanha honraria). O filme é mais barra-pesada, não apenas nas cenas de sexo (q não tem nada de "soft", rs) mas principalmente por ter excluído da adaptação aquela aura de "romantismo" q tem no gibi. O Filme é mais "brutal" (por assim dizer) e as longas sequências de sexo entre as 2 protagonistas deixam a "delicadeza" de lado e partem pro "sexo selvagem" mesmo, rs (lembrando mto as cenas tórridas de "Instinto Selvagem" - só q com 2 mulheres). E por incrível q pareça: Tudo isso NÃO é gratuito no filme, e essa mudança na abordagem se reflete de tal forma, q altera completamente o final da história (tanto, q a autora da HQ não gostou da película - mas eu te confesso q achei o filme bem superior ao gibi)!

    E "Coraline" eu ainda não vi.... mas pretendo ver o filme antes de ler a HQ. Tbm tô com "Persépolis" na fila de espera pra ler lida e assistida, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá explicado o "mimimi" da autora. A HQ é claramente autobiográfica e qualquer alteração na história, mesmo que para melhor incomodaria os envolvidos.

      Cada um com seu cada um, mas eu gosto de ler HQs antes de ver os filmes e ver os filmes antes de ler os livros.

      Quando vejo um filme antes do livro, as imagens ajudam na imersão da história que, em 99% dos casos é aprofundada nos livros.

      Já adaptações em HQs, acho que ver os filmes antes compromete a leitura, pois os desenhos acabam confrontando o visual dos filmes (e em muitos casos, perdendo).

      Coraline é um exemplo típico. A arte da HQ é realista. O traço da animação é muito, mas muito diferente. Acho que é um caso em que compromete a leitura ainda mais do que um filme live action.

      Excluir
    2. Entendo que a Azul é uma HQ semi-autobiográfica, então é claro que a autora tem problemas com as mudanças feitas para o filme, né?

      Excluir
  44. Boa tarde Leo!

    Eu li agorinha na página da Editora VENETA no facebook que saiu a quarta edição de DO INFERNO onde os erros ortográficos foram corrigidos.

    Agora sim, eu vou comprar esse encadernado!!!!

    Aliás, como pretendo adquirir em loja física, quando eu for comprá-lo, antes de ir para o CAIXA, eu vou folhear para verificar se realmente é a "quarta edição".


    Abrçs!!!!

    ResponderExcluir
  45. "no facebook da Veneta, os editores comentaram que acabou de chegar a quarta edição de Do INferno. Isso mesmo, já sairam QUATRO TIRAGENS! "


    Oi, Nano.... tdo bem?

    Caramba, dessa eu não sabia.... 4 tiragens em tão pouco tempo? Uma coisa eu já notei no caso de "Do Inferno": Uma PILHA gigantesca q tinha na Livraria Cultura (ao preço de capa: R$ 94) desapareceu em poucas semanas (o mesmo ocorreu na Saraiva daqui). Ou seja: É visível o quanto a demanda dessa obra tá sendo alta nas livrarias (mesmo custando mais de 90 reais - já q nas lojas físicas daqui não tem desconto)!

    E é uma HQ bastante "difícil" mesmo.... No sentido de q não parece ser o tipo de obra q irá atrair um público tão amplo. A complexidade do texto e abordagem psicológica dos personagens, os excessos e detalhes de violência, e a própria arte diferenciada (q divide opiniões). E ainda assim, tá sendo um tremendo sucesso de vendas e procura nas lojas! Agora... Já pensou se fosse um "Miracleman" (com proposta mais abrangente de público) q tivesse saído encadernado? E dizer q até a Salvat anda pensando em deixar de fora o "Cap. Britânia" (só pelo fato do personagem não ser dos mais populares aqui - e esquecendo completamente o NOME do autor q assina a obra)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não só Miracleman e Capitão Bretanha que a Panini é dona dos direitos, como também da praticamente inédita PROMETHEA, TOM STRONG, TOP TEN, TERRA OBSCURA, TOMORROW STORIES (que nunca saiu completa por aqui), ALBION, TESLA STRONG (spin-off do Tom Strong)...

      Não dá pra entender que a editora prefira lançar material ruim e que sabidamente foi um fracasso de vendas como se esperava (Loveless, Clube Vampiro, Cuba Minha Revolução), enquanto BOICOTA o Alan Moore. Até o lançamento do Monstro do Pantano em papel vagabundo parece uma ação de sabotagem.

      Excluir
    2. Não comentei no outro post, sobre o Capitão Bretanha, é aquilo que eu já disse... A Salvat praticamente só republica o que a Panini lançou em determinado momento... Como a Panini nunca publicou Capitão Bretanha, não tem arquivos digitais disso em português (que é parte da parceria da Panini com a Salvat, ou seja, fornecer os arquivos digitais para composição dos encadernados da coleção).

      Então em parte a culpa é da Mythos... Que graças ao seu boicote ao trabalho do barbudão, impede que ele saia inclusive na coleção da Salvat. :(

      Excluir
    3. Ei, não culpem a Mythos! Tem Alan Moore em todas as edições do Dredd e Halo Jones sai no ano que vem em encadernado...

      Excluir
  46. "Quanto à Valiant vai a dica: podem comprar sem medo. Todas as histórias são boas com destaque, a meu ver para: Bloodshot, Harbinguer e X-O. Menção honrosa a Archer."


    Oi, Rodrigo.... tdo bem?

    Concordo plenamente com vc.... e esse material da Valiant eu tenho recomendado aqui no blog desde q começou a sair pela HQM. Aliás, tbm torço pra q a editora se acerte na periodicidade (pra q essa linha se fortaleça cada vez mais nas bancas)!

    Minhas favoritas da linha são "X-O" e "Bloodshot".... Mas gosto de todas as outras tbm (q acabam sendo uma leitura de qualidade no mix das revistas - um mix onde se aproveita tudo)! E te garanto q as novas séries q estão pra estrear ("Eternal Warrior" e "The Unity") são igualmente mto boas!

    Abs!

    ResponderExcluir
  47. "Eu li agorinha na página da Editora VENETA no facebook que saiu a quarta edição de DO INFERNO onde os erros ortográficos foram corrigidos."


    Oi, Marcio..... tdo bem?

    Brigadão pelo aviso: Eu não sabia q na 4º edição eles tinham corrigido os tais erros.... Bom saber, embora eu já tenha comprado a edição (não sei se tentarei destrocar agora - talvez não, só pra não ter q me incomodar, hehe)!

    Mas te recomendo essa.... se vc curte esse estilo mais alternativo tbm (é uma HQ bem densa e pesada)! Valeu mesmo, brother!

    Abs!

    ResponderExcluir
  48. "Até o lançamento do Monstro do Pantano em papel vagabundo parece uma ação de sabotagem."


    Oi, Nano.... Pior q dá raiva mesmo qdo a gente vê nas bancas encadernados com porcarias em formato luxuoso à preços econômicos ou em capa-cartão mas com papel de qualidade ("Ascensão de Thanos", "Defensores", "Vingança", e até o "Deadpool" do Rob Liefeld, rs): E fica imaginando pq justo o "MP do Moore" foi sair com papel xexelênto? qdo bastava fazerem q nem as demais séries da Vertigo (em papel LWC)!

    É perceptível na Panini o qto as preferências pessoais dos editores costumam ter influência na seleção do material.... O Morrison parece ser o favorito mesmo, enquanto alguém na editora parece ter alguma bronca com o Kirby, Moore, e Ennis (q além de terem material negligenciado, qdo sai alguma coisa deles geralmente parece feito nas coxas: Tradução didática no "Preacher", capas feias em "Hellblazer", histórias puladas e fora de sequência do Kirby nas "CHM", e por aí vai)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Tradução didática no "Preacher""

      ???????????
      ate hoje so li alamo mesmo pra saber como terminava a serie.
      vou reler tudo d'uma vez so.

      abraço

      Excluir
    2. Quanto a tradução didática do Preacher, é verdade. Quando eles (re)lançaram o primeiro volume, inicialmente era um alegria ver minha hq preferida em capa dura e formato original desde o começo... Mas daí ao abrir, a decepção com a tradução. Eu já me acostumara com as referencias pops e titulos bem sacados da Metal Pesado. Escrevi na lata avisando pro Oggh no blog da Panini, não sei se adiantou algo, mas fiz minha parte como leitor.

      Excluir
  49. "Não comentei no outro post, sobre o Capitão Bretanha, é aquilo que eu já disse... A Salvat praticamente só republica o que a Panini lançou em determinado momento"


    Bem, nesse caso.... temos até o momento uma única ed. da Salvat com material q não havia saído pela Panini antes: "O Nascimento de Venom" (´q trazia material publicado apenas pela Abril - à exceção da última história, com a 1º aparição do vilão). E ainda na "fase de testes", tivemos recentemente o Vol. 1 da coleção de capa-vermelha da Salvat, q trazia "A Vingança de Ultron" (arco do Pérez q tinha saído nas Premiuns da Abril)!

    Mas tudo indica q a ed. pulada da Salvat aqui no Brasil (q foi substituída pelo "CA - Tempo Esgotado") seja mesmo o "Cap. Britânia" (o q é lamentável). A recente confirmação de q o arco do "Cap. América" (Guerra ao Terror/Novo Pacto) sairá mês q vem, reforça a tese q a ed. pulada seja a do Alan Moore mesmo!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguém sabe ou tem uma lista dos erros em "Do Inferno".

      Não costumo me importar muito com esse tipo de erro, mas como não vou ler tão cedo, quero saber se eles justificariam uma troca.

      Excluir
    2. Puta q pariu, que merda. Cap. Britânia de Moore era a edição que eu mais esperava da Salvat.

      Excluir
    3. Se fosse pra pular algo, deveriam ter pulado a Escolha, não faz parte da cronologia, não é aquilo tudo, e já tinha sido lançado com capa dura e preço barato pela própria Panini.

      Excluir
  50. Boa noite Leonardo! :-)

    Rapaz eu cheguei agorinha da SARAIVA e lá tinha dez unidades do "DO INFERNO". Mas não comprei, pois folheei todos e neles NÃO cita qual edição é.
    Pois no início da obra deveria constar se é a primeira, segunda, terceira ou a quarta edicão, que é a qual eu almejo comprar.


    Abrçs!

    ResponderExcluir
  51. Oi Pessoal ! Tudo bem com vcs ?? Tenho lido scans atualmente...existem inúmeros blogs...e muitos deles fazem tradução....algumas traduções infelizmente não ficam legais (mesmo assim parabenizo o pessoal...pois é um trabalho de dedicação de quem ama os quadrinhos)...pergunto pra vcs: As scans que vcs leem são em língua inglesa...se sim...poderiam passar o endereço ou nome dos blogs...pois prefiro ler o original em inglês....
    Caso leiam scans de grupos de tradução...poderiam me indicar os melhores para eu conferir ?
    Grande abraço a todos

    ResponderExcluir
  52. Leo meu amigo . Primeiramente gostaria d elogiar o belíssimo trabalho que vc vem realizando no blog.

    Gostaria , se possível, que vc me explicasse se toda essa enxurrada de Hqs lançadas atualmente de Star Wars estarão inseridas nos encadernados da Planeta dagostini. Estou colecionando os encadernados e gostaria de saber se como fá da saga terei que colecionar os demais Hqs tb . Um abraço meu amigo

    ResponderExcluir
  53. Oi, Léo tudo bem?

    Sobre a minha análise em torno de V de Vingança só um pequeno esclarecimento: foi apenas um ponto de vista (pessoal) da obra de Moore. Minha intenção na verdade é trazer um novo ângulo sobre HQs conhecidas analisando símbolos e mensagens subliminares ( q o próprio Moore admite colocar em seu trabalho). Dito isso, vamos analisar outros simbolismos:

    V de Vingança se destaca por ser uma obra atemporal: q pode se prestar as mais diversas interpretações. Eis aqui as 3 mais importantes:

    - A narrativa visível: a história de um governo corrupto e ditatorial q foi derrubado pela rebelião causada por V.

    - Narrativa subjacente: Por trás desta história uma outra bem diferente está sendo contada ( a dura realidade de um escravo monarca).

    -narrativa pessoal: a iniciação gnostica vivida por Alan Moore na vida real( personificado pelo investigador Finch).

    A 1° é mais fácil de identificar, mas outras requerem conhecimento específico. Minha teoria se sustenta pelos seguintes motivos:

    - O fato de V não se lembrar do passado ( a amnésia é um sintoma clássico de vítimas de controle mental).

    -O fato de ele precisar de uma máscara para externalizar sua personalidade ( o alter anarquico V.)

    -Referências Monarca em vários pontos da HQ ( se vc fizer uma análise quadro a quadro encontrará muitas delas: a citação a Alice no país das maravilhas - filme utilizado em programas reais de controle mental, simbolismo de máscaras e espelhos...)

    -No 2° ato ( Este vil cabaré) V pronuncia a frase : " mulheres com gravatas - borboleta" ( A borboleta monarca é o principal símbolo do controle mental).

    Para finalizar, observe o terno do Marionetista: ele segue um padrão preto- e -branco exatamente como no símbolo Yin e Yang ( q representa a dualidade: bem e mal) nos dando uma boa dica sobre sua personalidade dividida. (Além de uma cena bastante significativa: mais a frente são mostradas diferentes máscaras sobrea cabeça de V enquanto este conversa com Evey (inclusive a do Marionetista q usa um terno listrado dualistico q se mais se parece com uma espiral hipnotica) representando suas alter- peesonas.

    Bem eu poderia me dar por satisfeito e parar por aqui mas me ocorre outro detalhe: O nome original do personagem V seria " O Boneco" ( alguém q é manipulado por mãos invisíveis) conforme Moore revela nos extras da edição. Ele também cita q V passou por uma experiência q MEXEU COM SUA MENTE !( E tem ainda outra espiral hipnotica atrás de Evey quando ela se sente tentada a retirar a máscara de V mas para por um instante percebendo q mais forte do q um simples rosto são suas ideias.

    Bem, espero ter ajudado. Porém o mais importante é q este tema foi capaz de nos trazer um rico debate acerca desta desta magnífica HQ! Inglaterra triunfa! rs

    Abs

    JOÃO RAMOS


    ResponderExcluir
  54. "Cada um com seu cada um, mas eu gosto de ler HQs antes de ver os filmes e ver os filmes antes de ler os livros."


    Oi, SEMI.... blz?

    Eu já prefiro ler HQs E Livros antes de ver os filmes baseados neles.... Mas nem sempre essa ordem é possível, e às vezes acabo tendo q assistir um filme antes de ler a versão original. Um exemplo disso foi "Kick-Ass": Minha mulher queria ver logo o filme e eu ainda não tinha lido o gibi (q tava na pilha das "atrasadas") aí não teve jeito: tive q ver o filme 1º (a contra-gosto). O mesmo vai ocorrer em relação à "Guerra dos Tronos": Eu não vou arrumar tempo pra ler os livros antes de começar a assistir o seriado de TV (q já tá bem adiantado)!

    Atualmente, eu tô me apressando pra terminar de ler TODOS os livros do "Sherlock Holmes" (pra poder assistir o seriado dos anos 80/90 e tbm a NOVA versão q tá rolando). Sobre o filme do "AZUL", esse eu li 1º a HQ e depois comprei o filme em DVD (e foi um dos raros casos em q gostei mais do filme do q do gibi)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kick-Ass eu li primeiro. Você provavelmente não ficou tão irritado quanto eu com o final feliz amoroso do filme (rs).

      Mas "Guerra dos Tronos" é um exemplo claro da vantagem de ler as HQs primeiro (embora nesse caso eu admita ser impossível). Se bem que nesse caso, mais do que a comparação com o visual da série, me incomodou a arte mesmo, muito super-heroística pro meu gosto. Todo mundo bonitão e fortão, com sorrisos que parecem ter saído de um comercial de pasta de dentes.

      Lembro de um fã dos livros ter retrucado que no texto todos eles são mais jovens e descritos como bonitos nos livros. Tá certo, Catelyn Stark então pode ter aqueles belos seios depois de ter amamentado 5 filhos... rs

      Mas mesmo assim, esse é um que eu vou ver a série e aprofundar nas HQs, afinal elas estão muito atrasadas mesmo. Os livros dessa vez eu vou passar.

      Excluir
    2. Boa sorte com Sherlock Holmes,pois existem centenas de livros e contos do Sherlock,mas deve saber disso claro hehe.

      Excluir
  55. "Entendo que a Azul é uma HQ semi-autobiográfica, então é claro que a autora tem problemas com as mudanças feitas para o filme, né?"


    Oi, Hunter..... Caramba, eu não sabia q o "Azul" era uma obra auto-biográfica:

    Sendo assim, não é de se admirar mesmo q a autora tenha detestado o filme, rs. Pois além do TOM da história ser completamente diferente da HQ, o final segue um rumo bem oposto da mensagem q a HQ tenta passar. Embora eu continue preferindo o filme (até pela excepcional interpretação das 2 atrizes). é mais q justificável a indignação da autora com essa "adaptação"!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SEMI-autobiográfica! É baseada na vida e experiências dela, mas não uma transcrição exata. Acho que dá para entender por que ela não gostou das mudanças, não?

      Excluir
    2. Mas até aí é o mesmo caso quando a obra mesmo não sendo auto-biografica vai CONTRA o que o autor queria dizer. Não precisa ser auto-biografica pra reconhecermos a razão do autor. Não é só em obras auto-biograficas que ele passa sua visão do mundo, nas historias de ficção também acontece, é impossivel escrever qualquer coisa sem passar sua visão do mundo ou algo que voce esteja querendo dizer.

      Por exemplo acho extremamente válidas todas as críticas do Moore ao filme dele, pois o que ele pretendia em V de Vingança era diferente do que o filme retratou. Watchmen foi uma adaptação cosmética, que dá a ilusão de fidelidade a forma, mas em ultima analise não é fiel ao conteúdo. (Do ponto de vista político, o novo final não faz sentido, por exemplo). Watchmen tem muito subtexto que dá vazão a INTERPRETAÇÕES diferentes, que pertencem a cada leitor. A que eu vi na tela foi a do Snyder, é que uma intepretação "massavéio" que talvez seja a mesma de muito leitor infantilizado de super-herói, mas não é a minha e de muitos leitores. E pelo que li em muitas entrevistas, também não é a mesma do barbudão.

      Excluir
  56. "Ei, não culpem a Mythos! Tem Alan Moore em todas as edições do Dredd e Halo Jones sai no ano que vem em encadernado..."


    Na Panini é q alguém não parece gostar mto do Alan Moore, rs.... "MP" em papel jornal, "Miracleman" com grampo, e na Salvat (em parceria com a Panini) o risco é cada vez maior de deixarem justo o "Britânia" de fora da coleção.

    Mas qto ao "Dredd" (da Mythos) vc tem razão: Tem tido Moore em todas as ed. até agora (não sei até qdo ainda haverá material pra ser publicado dele, mas espero q ainda haja bastante). E a "Halo Jones" não me escapa agora.... até pouco tempo atrás eu vivia procurando aquela ed. da Pandora (q eu perdi na época)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O MP é em papel jornal até lá fora. Tenho a série toda em capa dura e papel lixão da DC Comics! Culpe quem merece.

      Eles vão publicar os encadernados do Miracleman grampeados (o que não faz sentido) ou a mensal grampeada (que faz)?

      Excluir
    2. Quem produz as revistas da Panini é a Mythos. E eles inclusive RECOMENDAM séries para a Panini. Agora podemos talvez culpar os editores da Mythos que cuidam da panini (Lopes, Oggh, levi). Dredd é responsabilidade do Dorival, do Hunter e do Fernando, então nada a ver com essa turma aí.

      Excluir
    3. Certo, eu não devia descartar algum "boicote" lá da matriz. É só que muita gente esquece que o pessoal da Mythos edita as revistas, e tem certa influencia também, né. Um cara no face comentou que as orientações politicas de alguns editores da Mythos por serem radicalmente de direita teriam algum preconceito com o Moore (por ele ser assumidamente anarco-comunista), o que eu particularmente acho um absurdo. Afinal a natureza do capitalismo é ganhar dinheiro, e deixando de lançar essas hqs eles deixam de ganhar dinheiro, mas que capitalistas de araque são esses? se bem que o dinheiro é da panini, então se não faz sentido a panini deixar de ganhar dinheiro com o Moore, até que faz sentido algum boicote por editores da Mythos, já que se a editora perde dinheiro, o dinheiro não é pra eles mesmo.

      Excluir
  57. "ate hoje so li alamo mesmo pra saber como terminava a serie."


    Oi, gustavo..... blz?

    A tradução da Panini pro "Preacher" não chega a ser ruim.... Mas tá mto longe de ser a melhor q já tivemos no Brasil. Estragaram a graça de vários diálogos q em outras adaptações soavam bem mais engraçados. Eu posso falar, pois já tive TODAS as edições da série (sem exceção) já publicadas aqui!

    Abs!

    ResponderExcluir
  58. "Alguém sabe ou tem uma lista dos erros em "Do Inferno"


    Oi, SEMI.... Já li no face alguns erros apontados por leitores, mas nem me lembro em q grupo foi (o ruim do face é procurar e achar comentários postados há semanas atrás)!

    Tbm não lerei tão cedo essa ed (pois acabei de ler em scans e preciso acelerar outras leituras agora).... mas do pouco q percebi, não vou me incomodar em trocar (ainda mais q já foi difícil achar uma ed. q não estivesse com a capa arranhada, rs - eu sei, sou chato pra essas coisas tbm, hehe)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  59. "Puta q pariu, que merda. Cap. Britânia de Moore era a edição que eu mais esperava da Salvat."


    E não é só vc, Gustavo:

    10 a cada 10 leitores q eu conheço.... esperavam ansiosamente a ed. do "Britânia" pela Salvat. Essa editora vai fazer uma SENHORA CAGADA se realmente pular justo uma ed. do Alan Moore numa coleção q já tá repleta de merdas dispensáveis e repetécos (Supremos, Zumbis, Cap. América) q ninguém aguenta mais ver pela frente!

    Abs!

    ResponderExcluir
  60. Ae Leo no Sul já chego o Star Wars 6 da Deagostini ?

    ResponderExcluir
  61. "Rapaz eu cheguei agorinha da SARAIVA e lá tinha dez unidades do "DO INFERNO". Mas não comprei, pois folheei todos e neles NÃO cita qual edição é. "

    Oi, Marcio..... tdo bem?

    Realmente, em algum lugar deveria constar em q edição está.... se não diz nada, é provável q seja a 1º mesmo (q podia estar em estoque e foi "desovada" agora pela loja)! Só compre se tiver certeza então de q se trata da ed. revisada (é melhor prevenir)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  62. "As scans que vcs leem são em língua inglesa...se sim...poderiam passar o endereço ou nome dos blogs..."


    Oi, Fábio.... tdo bem?

    Eu só leio scans em inglês..... Tbm parabenizo a disposição da galera q traduz, mas prefiro ler no original (de gibi traduzido pra mim, só o q eu compro impresso mesmo). E todos os scans q eu baixo vem do mesmo lugar (mas tem q ter o Torrent instalado):

    http://kickass.so/

    Abs!

    ResponderExcluir
  63. "Gostaria , se possível, que vc me explicasse se toda essa enxurrada de Hqs lançadas atualmente de Star Wars estarão inseridas nos encadernados da Planeta dagostini."


    E aí, amigo.... blz?

    Brigadão mesmo por estar curtindo o blog (só tenho a agradecer: Valeu)!

    E sobre a sua dúvida.... Tbm coleciono "Star Wars" pelas 2 editoras, e pode comprar as ed. da Panini sem medo q essas HQs NÃO estarão nos encadernados da Deagostini: A NÃO SER: As adaptações dos 6 filmes (q a Panini prometeu pra breve): Essas SIM, estão inclusas na coleção da Deagostini. Todo o resto, é só pela Panini mesmo, blz?

    Abs!

    ResponderExcluir
  64. E ae léo
    desculpa ae pela "pisada na bola",referente ao xadrez marvel (nem reparei na diferença,rs)
    Quanto ao encadernado do demolidor,vem 2 histórias do homem aranha (desenhadas pelo Miller)porém,eu senti a falta da conclusão deste arco do aranha (embora entenda que o encadernado compilará só a fase do Miller com o demolidor).
    Obs:Faço coro juntamente com o Zé e o Elcio:Arrow, Flash e atpé Agentes da Shield (que apresentou os inumanos),vale muito a pena assistir
    Matt

    ResponderExcluir
  65. "Sobre a minha análise em torno de V de Vingança só um pequeno esclarecimento: foi apenas um ponto de vista (pessoal) da obra de Moore. Minha intenção na verdade é trazer um novo ângulo sobre HQs conhecidas analisando símbolos e mensagens subliminares ( q o próprio Moore admite colocar em seu trabalho)."


    Oi, JOÃO RAMOS.... tdo bem?

    Eu entendo perfeitamente o q vc quis dizer.... E te agradeço por compartilhar aqui no blog um ponto de vista tão diferenciado sobre essa magnífica obra do Moore. Eu mesmo, não conhecia todos esses detalhes e nunca tinha pensado na obra por essa ótica e com essas referências!

    Sendo publicitário, é natural q eu me interesse (e muito) por temas ligados à mensagens subliminares (e lavagem cerebral).... São áreas de estudo com as quais a propaganda (em linhas gerais) tem evitado uma maior aproximação (de forma oficial), embora a gente saiba bem da seriedade em torno dessas pesquisas. As faculdades não gostam de passar a impressão de q técnicas pra gravar mensagens e chamadas na mente das pessoas é algo q possa ser facilmente ensinado. Mas acredito q um autor do calibre do Moore deva ter conhecimentos dessas áreas e possa ter jogado várias referências a respeito na sua obra. Valeu mesmo!

    Abs!

    ResponderExcluir
  66. "Ae Leo no Sul já chego o Star Wars 6 da Deagostini ? "


    E aí, Elias..... blz?

    Não, aqui no sul é um dos últimos estados onde essa coleção chega.... a última q veio pra cá foi a 5!

    Abs!

    ResponderExcluir
  67. "desculpa ae pela "pisada na bola",referente ao xadrez marvel (nem reparei na diferença,rs)"


    Oi, Matt.... tdo bem?

    Tranquilo, eu é q te agradeço por vc ter me avisado do lançamento desse xadrez marvel.... Mesmo não sendo a versão da Eaglemoss (q tá bombando lá fora) não deixa de ser uma notícia interessante pra colecionadores da Marvel em geral (não descarto comprar algumas peças se chegarem aqui - dependendo do preço, é claro, rs)!

    Sobre o "Demolidor" do Miller..... Eu devo postar semana q vem aqui no blog uma matéria completa a respeito, mas sei q histórias são essas do "Aranha" (eu tenho a saga toda completa numa "Teia" da Abril). E de fato, nessa coleção de luxo da Panini só vai ter o q for essencialmente do Miller! No mais, pode deixar q vou baixar e assistir todos esses seriados de TV em breve (as 2 primeiras do "Arqueiro" eu até já baixei pra ver nas férias)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  68. Grande Leo,

    sobre assistir Guerra dos Tronos antes de ler os livros, não se preocupe, não vai tirar o prazer da leitura.

    O livro e a série se completam lindamente, quando vc lê depois de assistir fica encantado com o respeito e o carinho q os produtores tiveram pela obra do George R R Martin. Até as (pequenas) mudanças em relação aos livros são compreensíveis, uma vez q o formato da TV tem suas especificidades.

    Como estou vivendo a experiência de ler depois de assistir, posso destacar como ponto positivo q o livro permite aprofundar detalhes sobre lugares e personagens mostrados na série.

    Guerra dos Tronos, tanto a série como os livros são altamente recomendáveis. É uma abordagem do mundo de Capa e Espada como nunca se viu antes. Uma visão desglamourizada e contundente do universo medieval (ainda q numa realidade alternativa), um tapa nos sentidos!!!

    Abs Zé.

    ResponderExcluir
  69. Oba Leo,

    já tinha sinalizado isso uns posts atrás e trago agora a notícia mais concreta, o retorno de Gerry Conway ao Homem-Aranha.

    Pode ser uma boa noticia pro Aranhoso (ele bem q tá precisando, tanto nas HQs como nos cinemas):

    http://www.marvel616.com/2014/12/gerry-conway-de-volta-amazing-spider-man.html

    Abs, Zé.

    ResponderExcluir
  70. Oi Leo tudo bem.
    Saberia dizer se na coleção Star Wars da Planeta D'Agostini irão publicar as duas histórias escritas pelo Alan Moore para essa série.

    ResponderExcluir
  71. "sobre assistir Guerra dos Tronos antes de ler os livros, não se preocupe, não vai tirar o prazer da leitura."


    E aí, ZÉ Carlos.... blz?

    Bom saber então q ver a série antes não prejudicará a leitura depois.... Pois essa série tá na fila pra eu baixar assim q eu terminar de ver "Breaking Bad". Pretendo baixar logo pelo menos 3 temporadas dos "Tronos", e depois (quem sabe) partir pros livros (se eu achar em formato menor com um bom desconto - aquelas versões em tamanho grande eu passo, livro pra mim só em pocket - devido à falta de espaço, rs)!

    Bom saber tbm q a série de TV respeita a obra original.... Diferente dessas séries de merda tipo "Constantine": Produzidas por quem não entende do assunto e nem do personagem!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comigo aconteceu de eu não ter lido o livro mas depois da série eu desisti de ler. No meu caso porque não gostei mas alguns amigos, mesmo adirando a série, porque não quiseram encarar tudo aquilo sabendo da história.

      Excluir
  72. "o retorno de Gerry Conway ao Homem-Aranha."


    Finalmente uma notícia boa pro "aranha", hein?

    Claro, q temos de ver se o escritor ainda mantém a boa "vibe" q marcou época na melhor fase do aracnídeo.... Pois o tempo já provou ser cruel pra outros autores, rs. Seja como for, a simples notícia da volta desse grande escritor já é um bom incentivo pra tirar o "aranha" desse ostracismo criativo deplorável q temos presenciado nas últimas décadas!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema maior acho que é mais os editores e o publico de hoje do que o escritor.

      Acho o Lemore interessante por exemplo mas assumindo um personagem como o Arqueiro Verde, por mais elogiada que seja a fase dele ainda acho bem meia boca e dispensável.

      Mas as vezes ele pode acertar se realmente não perdeu a Vibe.

      Excluir
  73. "Saberia dizer se na coleção Star Wars da Planeta D'Agostini irão publicar as duas histórias escritas pelo Alan Moore "


    E aí.... blz?

    Acho q ele escreveu mais de 2 histórias de "SW" (pelo q eu me lembre).... Lá pelos anos 80, né? Mas não sei te dizer se elas estarão inclusas na coleção da Deagostini. Seja como for, pretendo ir avaliando e comentado cada edição lançada dessa coleção aqui no blog - em matérias de "notícias" e "reviews" (à medida em q forem divulgando o conteúdo da versão nacional)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  74. As histórias de Moore e de Steve Moore (sem parentesco) sairam nos EUA em uma mini pela Dark Horse chamada Star WArs Classics Devilworlds e encadernada em um dos Omnibus em que se baseia a série da Deagostini mas NÂO está na coleção lançada na Europa e até o momento não há expectativa de sair por aqui (só se for em uma alteração da coleção como já foi mencionado aqui no BLOG na edição 39 que ainda não sabemos o que ficará no lugar). Mas se trata de um material de qualidade questionável (mesmo sendo Moore) e não acho que sairia na colação Deagoistini...

    Cesar Leal

    ResponderExcluir
  75. "Quanto a tradução didática do Preacher, é verdade. Quando eles (re)lançaram o primeiro volume, inicialmente era um alegria ver minha hq preferida em capa dura e formato original desde o começo... Mas daí ao abrir, a decepção com a tradução."


    Oi, Nano..... Legal saber q "Preacher" tbm é a sua HQ favorita (Essa já é "TOP 1" pra mim desde q comecei a ler a série)!

    E tbm concordo q a melhor tradução até agora foi a da Metal Pesado (seguida pela Brainstore - q apesar das críticas qto à péssima impressão e preços abusivos, tinha uma tradução q valorizava bastante os diálogos). Na Panini eu não sei se melhoraram o "timing" do humor negro na tradução, pois li apenas os Vol. 7-9 (e tô esperando completar os 6 primeiros pra reler tudo de novo desde o começo)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  76. "Se fosse pra pular algo, deveriam ter pulado a Escolha, não faz parte da cronologia, não é aquilo tudo, e já tinha sido lançado com capa dura e preço barato pela própria Panini."


    Tbm acho q essa aí seria a mais dispensável da Salvat (pelos motivos q vc citou e mais o fato de já termos mtos títulos do "capitão" nessa coleção - já tá virando "piada pronta" nas redes sociais, rs)!

    Outra q podia ter sido limada direto é a dos "Zumbis Marvel".... q tinha acabado de sair numa coleção até bem mais completa q a ed. da Salvat (q trazia apenas a mini original em 5 partes, enquanto a versão capa-cartão trazia tbm uma ed. especial de 40 pág com a origem dos zumbis)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  77. "Mas "Guerra dos Tronos" é um exemplo claro da vantagem de ler as HQs primeiro (embora nesse caso eu admita ser impossível)."


    Oi, SEMI.... blz?

    Os GIBIS de "Guerra dos Tronos" eu achei todos horríveis.... digo, nem consegui ler, só folhei nas lojas e o estilo de arte/visual eu achei completamente inadequado pro q eu imagino da série: É tudo mto "limpinho" (com arte e cores retocadas no photoshop) e todo mundo jovem e bombado (como naquelas merdas de gibis da Image dos anos 90, rs). Não gostei do q vi e preferi nem tentar essas HQs.... Dos "Tronos" vou ficar só como seriado de TV por enquanto (talvez eu encare os livros mais pra frente - "se" eu virar mto fã da série)! E de fato, "Kick-Ass" não me incomodou em nada por eu ter visto o filme antes, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  78. "Boa sorte com Sherlock Holmes,pois existem centenas de livros e contos do Sherlock,mas deve saber disso claro hehe."


    Sei sim, rs.... Na verdade são uns 60 contos e mais 4 romances (de umas 200 pág cada um): E eu já tenho todos!

    Saiu tudo completo pela L&PM dividido em 12 livros (no formato pocket).... é barbada achar todos pq tão sempre republicando eles!

    Abs!

    ResponderExcluir
  79. "SEMI-autobiográfica! É baseada na vida e experiências dela, mas não uma transcrição exata. Acho que dá para entender por que ela não gostou das mudanças, não?"


    Sim.... é perfeitamente compreensível agora, rs!

    E é curioso tbm as diferenças de abordagem desse tema na visão de uma mulher (a autora) e de um homem (o diretor do filme): O foco parece mudar completamente (e a personalidade das protagonistas tbm)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  80. "Watchmen tem muito subtexto que dá vazão a INTERPRETAÇÕES diferentes, que pertencem a cada leitor."


    É verdade, Nano....

    Apesar de eu ter gostado de algumas coisas do filme, tá mto longe de ser a adaptação q EU imaginava, pois eu já tinha (no meu imaginário) uma visão completamente diferente daquilo q eu vi na tela. A narrativa e os balões de pensamento do Rorschach, por exemplo, fizeram uma falta danada... e na minha mente o visual seria bem mais "tosco" dos uniformes (uma malhazinha colante fina e com cores berrantes nos heróis - pra ser ridículo mesmo, como devia ser a intenção do Moore: E não aqueles uniformes mais bem elaborados e com visual moderno demais)!

    Enfim, sei bem como é essa sensação de quem escreve.... pois já tive artigos meus "adaptados" por outras pessoas (pra se adequarem à outros meios) e q mudavam completamente as ideias básicas q eu havia tentado passar. A gente se sente difamado (ou logrado) pois parece q nos atribuem coisas q na verdade não dissemos!

    Abs!

    ResponderExcluir
  81. "O MP é em papel jornal até lá fora. Tenho a série toda em capa dura e papel lixão da DC Comics! Culpe quem merece."


    Oi, Hunter.... Mas aí entramos em uma outra questão:

    A Panini era obrigada a usar o mesmo papel com q a obra saiu lá fora? Ou poderia ter feito melhor q o material original? A Pixel, por exemplo, apresentou um trabalho mto bem feito qdo lançou o Vol. 1 do MP: Em capa-dura, papel couché, e até incluindo uma ed. q não constava no encadernado gringo (e passou a constar depois). Uma pena q ficou apenas no 1º Vol!

    No mais, eu tô comprando as ed. da Panini assim mesmo, pois nunca li a fase do "MP" completa, e preferi não esperar mais tempo por uma "incerta" republicação futura em formato luxuoso. Apesar de um preferir q tivesse saído num formato melhor (pelo menos o papel do miolo), não é um problema q me impediria de comprar qualquer HQ (sou mais exigente pra problemas de impressão, tradução, e/ou cortes e pulos de histórias... do q o papel utilizado)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei como funciona isso já que não tenho experiência nessa parte do trabalho editorial. Talvez publicar com bom papel e impressão material preparado para papel e impressão ruins não fique bem, não sei.

      Excluir
    2. O pessoal da Panini deve responder melhor,mas pelo que me parece,eles lançam as edições como o pessoal da DC quer,já que eles precisam de autorização para mudar qualquer coisa,vide as capas que eles pedem para mudar quando não gostam,e ai demoram para lançar,que parece ser o caso do MP do Len Wein e do Bernie Wrightson

      Excluir
    3. As editoras brasileiras publicam NO PAPEL QUE QUISER. Tanto que muita coisa lá sai em papel normal, aqui sai em LWC ou couchê. E o papel "normal" das revistas lá é diferente do daqui, é mais liso. Qualquer um que já comprou gibi importado já sentiu a diferença, então não dá pra comparar o papel "lixão" de lá com o "lixão" daqui...

      Excluir
  82. "Um cara no face comentou que as orientações politicas de alguns editores da Mythos por serem radicalmente de direita teriam algum preconceito com o Moore (por ele ser assumidamente anarco-comunista), o que eu particularmente acho um absurdo."


    Oi, Nano..... Pior q eu já li comentários e teorias similares à essas em grupos do face tbm:

    Nomeando os bois (pra não parecer q estou alimentando opiniões "anônimas") um dos grupos em q li posicionamentos assim foi no "Caixa de Gibis" (do Mauro Tavares): Ele costuma ter seus textos copiados e colados em vários outros grupos tbm. Não sei se foi dele q partiu essa teoria em relação à Mythos, mas te confesso q (particularmente falando) não acredito nisso, até pelo absurdo q seria. Se faz sentido de um lado (pelo fato do Moore ser anarco-comunista), perde a razão por outro: Já q a Mythos tem publicado material do Moore diretamente na mensal do "Dredd" e (lembrei agora) tbm lançou um livro em capa-dura sobre a vida do Moore (O Mago das Histórias).... Sem falar q em breve lançará a "Halo Jones" (e tbm um encadernado da "Vampirella" com histórias do Moore). Mas é engraçado como a tal teoria se fortalece mais qdo são analisados os problemas envolvendo as ed. do Moore mais ligadas à "Turma da Panini" (oggh, lopes, saladino, etc) e a Salvat (q tá com esse mimimi pra lançar o "britânia").

    Claro q não boto minha mão no fogo por ninguém, rs.... Mas falando bem sinceramente, eu acharia um absurdo se algo assim tivesse chance de ser real, pois seria uma demonstração quase "extra-terrestre" de uma mente fechada (supondo q exista alguém em algum lugar boicotando gibis do Moore por razões políticas). EU, por exemplo, sou de extrema-direita (e nunca escondi minha visão política), mas mesmo assim, me considero com a mente livre de ideologias exageradas, até pq sou fã do Alan Moore. Se eu consigo separar minhas preferências políticas de forma q consigo ler e curtir coisas independente do q eu penso sobre elas, prefiro acreditar q um profissional da área editorial tbm consiga (mas nunca se sabe, né)?

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem decide no final das contas o que sai ou não sai na Panini são os italianos. Eu sei bem, já que eles tomaram umas decisões arbitrárias absurdas na linha européia que publicaram há alguns anos (e em que eu estive envolvido).

      Já a Mythos eu garanto que não recusa Moore porque o barbudo vende e o pessoal da ediitora não gosta de rasgar dinheiro!

      E já que estamos nisso, alguém que boicotasse o Moore pelas suas posições políticas não boicotaria também o Morrison?

      Excluir
    2. Da Mythos em si não se vê boicote, afinal olha a Juiz Dredd Megazine, e é fato que o barbudão ajuda a vender a revista... Não tenho dúvidas que se a Mythos tivesse os direitos de mais obras do Moore as lançaria com gosto, pois o Helcio como um bom capitalista, gosta de dinheiro, rsrs.

      Só falei o que falam por aí de "alguns editores da Mythos", mas também acho a tese meio absurda, admito. Mas não duvido mais nada, haja vista tanto surtado que a gente encontra nas redes sociais, esse país anda numa onda de fanatização perigosa, daqui há pouco vão estar batendo em estudante de arte só porque ele anda com algum livro sobre "cubismo", rsrsrs.

      Quanto as posições políticas do MOrrison elas são bem diferentes do Moore. Ele é anarquista, mas está mais pra anarquista-liberal ou o que chamam de "anarco-capitalista". É um anarquismo de direita, totalmente o contrário do "anarquismo de esquerda" do Moore. A ideologia é tão diferente que até na prática o MOrrison mostra isso na sua relação com a DC e a Warner.

      Excluir
  83. "Comigo aconteceu de eu não ter lido o livro mas depois da série eu desisti de ler. No meu caso porque não gostei mas alguns amigos, mesmo adirando a série, porque não quiseram encarar tudo aquilo sabendo da história."


    Oi, gustavo..... blz?

    Tem esse lado tbm: Depois q a gente já conhece a história e sabe o q vai acontecer.... dá um tremendo desânimo em pegar um livrão gigantesco pra ler (porisso eu tô correndo com os do "Sherlock Holmes", pois seu eu souber como terminam os casos, não terei saco de ler os livros depois)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  84. "O problema maior acho que é mais os editores e o publico de hoje do que o escritor."


    Pois é.... As interferências editoriais estragam mta coisa mesmo:

    E pra piorar, mtas vezes o escritor tem q adequar uma boa história de forma q ela se encaixe dentro de alguma mega-saga (ou coisa do tipo)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  85. "As histórias de Moore e de Steve Moore (sem parentesco) sairam nos EUA em uma mini pela Dark Horse chamada Star WArs Classics Devilworlds e encadernada em um dos Omnibus em que se baseia a série da Deagostini mas NÂO está na coleção lançada na Europa e até o momento não há expectativa de sair por aqui "


    Oi, Cesar.... tdo bem?

    Brigadão mesmo pelas explicações.... Vou tentar baixar ao menos esse material pra ver se presta (ou não)!

    E vamos ver o q entrará no lugar do Vol. 39 da Deagostini.... Acredito q não devem tardar mto a anunciar, já q o site oficial tá acelerando as sinopses das próximas ed. da coleção!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parte do mistério revelado... O nome da edição 39 no site da Deagostini é Sombras do Império... Shadows of the Empire deve então mesmo sair na coleção, ótima decisão. Como a mini tem 6 edições resta saber qual será o restante do encadernado pois o site ainda não dá o conteúdo. Se for baseado na edição Omnibus americana pode ser a continuação Shadows of the Empire Evolution (que é muito fraca mesmo tendo sido escrita pelo mesmo autor da primeira) ou Mara Jade by the Emperor´s Hand que é escrita pelo Timothy Zhan e é muito legal, mas acabaria apresentando a personagem antes da edição 40, onde há a quadrinização dos livros de Zhan onde ela aparece pela primeira vez. Como no total do Omnibus americano temos 6 edições de Shadows 1, mais 5 de Shadows Evolution e 6 de Mara JAde acho que não publicariam tudo por aqui na coleção por ficar uma edição muito grande.

      Cesar Leal

      Excluir
  86. Guerra dos Tronos tem que ler o livro !!!! Não vi nenhum episódio da série e nem me arrependo !!! Melhor cenografia, diretor e ator é o nosso cérebro !!!! Abraços

    ResponderExcluir
  87. "Melhor cenografia, diretor e ator é o nosso cérebro !!"


    Valeu pela dica, Fábio....

    E vc tem razão, nenhum cenário, elenco, ou efeitos especiais.... superam aquilo q a gente visualiza na nossa imaginação, né? (Salvei sua frase no meu arquivo de textos, rs: gostei dessa)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  88. "Depois q a gente já conhece a história e sabe o q vai acontecer.... dá um tremendo desânimo em pegar um livrão gigantesco pra ler"

    Oba Leo,

    eu vivi isso porque estou lendo os livros de G dos T dpois de ver 4 temporadas da série.

    Mas como o livro aprofunda e enriquece o universo visto resumidamente na TV, o prazer da leitura não se perde. Como eu disse, a série e os livros se completam.

    As duas experiências valem muito a pena!!!

    Abs Zé.

    ResponderExcluir
  89. "Não sei como funciona isso já que não tenho experiência nessa parte do trabalho editorial. Talvez publicar com bom papel e impressão material preparado para papel e impressão ruins não fique bem, não sei."


    Oi, Hunter.... tdo bem?

    Eu não tenho mto material pra comparação (apenas 5% da minha coleção é de material importado).... E foram raros os casos (que eu tenha visto ao vivo) de edições brasileiras que superam as originais nos quesitos gráficos:

    Mas o "Monstro do Pântano" da Pixel, ficou mesmo um trabalho excelente: A impressão era bem nítida e o papel couché deixou a arte ainda mais viva e detalhada (pequenos detalhes nos cenários e paisagens q perdem o realce no papel pisa-brite). Ficou mais do q perfeito nesse caso (pena q eu fiz a burrada de ter vendido essa ed. pra ficar com a coleção padronizada, rs - hoje me arrependo, eu devia ter mantido o 1º arco pela Pixel e continuado a partir daí pela Panini)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No tempo da Abril era rotineiro as edições brasileiras serem melhores do que as ammericanas. Mas se tem UMA coisa boa que a Revolução Image fez foi aumentar a qualidade do material americano! Papel, impressão e cores melhoraram muito ao longo dos anos 90 nos EUA, só que conhecia na época é que consegue entender o progresso que foi!

      Excluir
  90. "O pessoal da Panini deve responder melhor,mas pelo que me parece,eles lançam as edições como o pessoal da DC quer,já que eles precisam de autorização para mudar qualquer coisa"


    Bem, eu tbm não sei direito quais os limites de liberdade pras editoras nacionais publicarem as coisas diante da autorização (ou não) das editoras gringas. Mas acredito q se a Pixel conseguiu lançar um "MP" em capa-dura e papel-couché, a Panini tbm conseguiria esse mesmo privilégio (eu "acho" - sem ter certeza)!

    Já o lance das capas.... Rolou esse problema com o "MP" do Len Wein mesmo (cuja novela sobre a publicação do Vol. 2 de "Raízes" se arrastará pelo ano q vem tbm, rs). Mas dizem q o controle exercido pela Valiant (sobre a HQM) é ainda mais rigoroso: Lembro qdo o nº 6 da revista do "X-O" atrasou pq a HQM teve q mudar a cor de fundo da capa (divulgada inicialmente com a cor azul - e inclusive postada aqui no blog antes da mudança exigida: Onde terminou com um fundo laranja/vermelho e lançada meses depois)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahahahah, desculpe, mas me explica então a COLEÇÃO HISTÓRICA MARVEL?

      Ela é feita de material que é publicada LÁ NOS EUA na Marvel Masterworks, a Biblioteca Histórica Marvel, em papel COUCHÊ e na ordem cronológica de publicação. Aqui a Panini seleciona como quer e publica em off-set.

      outro exemplo, ela pega encadernados americanos e divide em dois, como no caso dos x-men, e os mais recentes do batman e do MP.

      e o que falar da coleção hellblazer orgiens? ela é coisa da panini, pois não é desse jeito que a dc está republicando o hellblazer em encadernados definitivos la´fora. alias, eles sairam em capa dura e papel liso. aqui a panini construiu cada volume do jeito que quis, e tacou pisa-brite.

      então de boa, usar os gringos como desculpa é fácil, mas não livra a cara da editora não.

      Excluir
  91. "E o papel "normal" das revistas lá é diferente do daqui, é mais liso. Qualquer um que já comprou gibi importado já sentiu a diferença, então não dá pra comparar o papel "lixão" de lá com o "lixão" daqui..."


    Oi, Nano.... Isso é verdade:

    A diferença de qualidade do papel jornal de lá é visivelmente superior ao pisa-brite usado no Brasil.... É mais branquinho, liso, e a impressão não fica tão escura qto a daqui. Eu notei isso pela 1º vez qdo comprei os 4 TPs importados de "Birds of Prey" (fase Ed Benes) e comparei com algumas histórias soltas q eu tinha nas revistas mix dos "Titãs": é uma diferença gritante mesmo!

    Tbm tenho o 1º TP importado do "Homem-Animal" (Morrison) q tbm é impresso em papel jornal, mas é tão branquinho q parece até o papel Off-Set (usado nas "CHM")!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leo,

      a mesma coisa meu encadernado importado do Omac, papel mais branquinho, impressão show!!!

      Concordo com Nano. O lixão de lá dá de mil no lixão daqui.

      Excluir
  92. Digo amém pro Élcio,

    eu tenho a mini dos Inumanos da Mythos, mas se saísse o encadernado compraria nas horas!!!

    ResponderExcluir
  93. "Quem decide no final das contas o que sai ou não sai na Panini são os italianos. Eu sei bem, já que eles tomaram umas decisões arbitrárias absurdas na linha européia que publicaram há alguns anos (e em que eu estive envolvido)."


    Oi, Hunter.... Eu lembro de alguns problemas q vc comentou sobre isso (acho q numa postagem q eu fiz de "Séries Inacabadas no Brasil" - q abordava parte desse material europeu) e q pareciam ser decisões absurdas mesmo da matriz impostas ao trabalho q tava sendo feito:

    Sei tbm q a Panini tentou emplacar aqui algumas coisas q foram vetadas depois pelos Italianos (a começar pela linha de "Maiores Clássicos", onde ficamos com o "4F" do Byrne pela metade). E acho uma pena q essa linha européia não tenha vingado (ainda mais agora, q no embalo dessas coleções do Moebius da Nemo, acabei me interessando muito em ler e adquirir material vindo da Europa). Na época em q saíram essas ed. européias, eu era mais bitolado por outros gêneros (e ainda não tinha evoluído tanto meu paladar pra HQs de melhor qualidade, rs). Se fosse hoje, teria sido diferente, e de bobeira, tbm perdi outras coisas boas do tipo lançadas pela Devir (tipo: os 4 Vol. dos "Metabarões")!

    E sobre boicotar o Morrison.... Eu "acho" (suposição) q em se tratando de uma mesma pessoa q tenha um profundo desprezo pelo Moore, esse sentimento tbm se estenderia ao Morrison sim, por suas ideias de anarquismo (e até por atos de terrorismo - recorrente em sua obra: "Marvel Boy", "Invisíveis", "Novos XM"). A menos q existam 2 pessoas distintas nesse caso (uma q odeia o Moore e outra q idolatra o Morrison). As diferenças de gosto e opinião entre pessoas com poder de decisão sobre o material a ser publicado tbm é um fator q poderia pesar dentro dessa "conjectura", rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  94. "Parte do mistério revelado... O nome da edição 39 no site da Deagostini é Sombras do Império... Shadows of the Empire deve então mesmo sair na coleção, ótima decisão. "


    Oi, Cesar.... tdo bem?

    Muito obrigado mesmo por essa excelente notícia.... Gostei mto de saber q a escolha desse Vol. 39 foi essa (sendo assim, será uma ed. imperdível mesmo)!

    Qto ao resto do conteúdo.... Vc delineou bem a questão: são essas as possibilidades e opções pelo visto (considerando-se o material do Omnibus). Se a sequência for fraca mesmo, eu prefiro q publiquem a da "Mara Jade", mas aí cai nesse problema da 1 º aparição dela na ed. seguinte). Vamos ver, seja como for, só pela saga principal já estará valendo!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cronologicamente a história da mini Mara Jade se passa antes dos eventos do número 40, assim publicar essa mini não causaria tantos entraves, apenas corta um pouco do mistério da personagem apresentada em Herdeiros do Império (que estará no 40) mas em termos de ordem de leitura fica certinho. E é uma história muito superior a continuação de Shadows, além de ter sido escrita pelo próprio Timothy Zhan (autor de herdeiros mas que não assina a adaptação e criador de Mara).

      Cesar Leal

      Excluir
  95. "Mas como o livro aprofunda e enriquece o universo visto resumidamente na TV, o prazer da leitura não se perde. Como eu disse, a série e os livros se completam."


    E aí, ZÉ Carlos.... blz?

    Vamos ver então, pois eu não descarto a ideia de adquirir os livros dos "Tronos" mais pra frente tbm (se eu curtir a série).... De qq forma, acabarei assistindo as temporadas da TV antes (pois a patroa tá ansiosa pra começar a ver, rs)!

    Sei q a série tá bem dentro do estilo q eu curto: conteúdo adulto, barra-pesada, baixarias e violência em geral.... Dentro desse gênero (capa-espada-fantasia) todos os elementos q eu acho essenciais pra um maior realismo estão aí (já vi 2 episódios e tô botando fé no resto)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  96. "eu tenho a mini dos Inumanos da Mythos, mas se saísse o encadernado compraria nas horas!!!"


    Oi, ZÉ Carlos.... Esse encadernado dos "Inumanos" já chegou a ser anunciado pela Panini há uns 5 anos atrás: Junto com um encadernado de luxo do "Poder Supremo". Mas pelo visto, abortaram esses planos (vamos ver se o futuro filme dos inumanos faz a editora rever o caso)!

    E sobre "Omac".... esse encadernado importado tá na minha lista pra futuras aquisições, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na coleção vermelha que a Salvat está publicando está previsto um número com os Inumanos e como parte da fase clássica vai sair na extensão da coleção preta é possível que lá fora seja mesmo esse material a sair na vermelha... Se for o caso aqui deve sair tb sendo que antes a Panini lança o mesmo material com uma capa brilhante ou uma coisa ou outra a mais.
      Cesar Leal

      Excluir
  97. Pois é Leo,

    e os Inumanos tão fazendo 50 anos agora, terão filme próprio e uma importância imensa em Agents of Shield, então a hora é essa né?

    Abs Zé!

    ResponderExcluir
  98. "então a hora é essa né?"


    Sim, pela lógica o melhor momento pra se republicar "Inumanos" é agora.... Mas vale lembrar q a Panini já deixou o cinquentenário do "4F" passar completamente em branco (sinal de q eles não ligam mto pra datas comemorativas mesmo). Mas com o FILME vindo aí, pode ser q as chances melhorem!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pena que os inumanos é uma cópia descarada de mutantes. Tirando esta mini que é legal mesmo,o resto das histórias são bem fraquinhas.Tirando dos quatro fantásticos também. Agora eles sozinhos mesmo, nas séroes deles mesmos,,eu não gosto.

      Excluir
  99. Leo boa tarde. Li mais acima seu comentário dizendo que a revista mensal de Star Wars da Panini não está inclusa no encadernado da Planeta Dagostini. Recentemente comprei o volume zero da Legends e pude perceberque a história se passa entre o episódio IV e V , que é justamente o arco compreendido no momento pelos encadernados. Tb já vi que está a venda uma versao de luxo da própria panini com histórias do Boba Fett , personagem esse que tb terá uma grande arco incluso nos encadernados da Dagostini. Vc saberia me informar se ambos Legend e Boba Fett tratam de arcos diversos dos abordados pela Dagostini ? Ou se na verdade seria uma espécie de rebot do universo expandido (já que os quadrinhos que a planeta Dagostini vem encadernando foram lançadas a muito tempo atrás. ..) . Odrigado Leo !

    ResponderExcluir
  100. Achei o Star Wars Zero numa banca mequetrefe aqui perto de casa. Filho único com capa amassada, mas por R$ 1,50 não quis correr o risco de ficar sem! rs

    ResponderExcluir
  101. "Da Mythos em si não se vê boicote, afinal olha a Juiz Dredd Megazine, e é fato que o barbudão ajuda a vender a revista... Não tenho dúvidas que se a Mythos tivesse os direitos de mais obras do Moore as lançaria com gosto, pois o Helcio como um bom capitalista, gosta de dinheiro, rsrs. "


    Oi, Nano.... blz?

    Qdo vc mencionou o monte de gente "surtada" q se encontra nas redes sociais (e especialmente nesse universo de leitores, editores, e colecionadores de gibis)... Me veio à mente uma série de lembranças de arrepiar, rs:

    Eu tbm não duvido de mais nada, e por mais absurdas q algumas teorias conspiratórias possam parecer, não acho impossíveis q sejam verdade diante da evidente sandice de algumas pessoas. As questões políticas podem acabar influenciando sim algum radical q tente "empurrar" suas ideias e ideologias nos gibis q editam: A polêmica em torno do termo: "Petralhas" (incluído num balão de texto em um gibi da Panini é um bom exemplo disso). Outra, é a ed. especial da Disney: "O País dos Metralhas" (uma evidente referência ao livro sobre os "petralhas"). Mesmo já tendo meus posicionamentos políticos bem estabelecidos, não gosto qdo tentam me "empurrar" qq ideologia "camuflada" nos gibis q eu coleciono (mesmo q estejam de acordo com o q eu penso, o ato em si de se adulterar um texto ou título pra passar uma "ideia" pessoal é algo q eu considero inadequado (até por ser publicitário e perceber qdo tentam me empurrar "propaganda" barata com mensagens desse tipo)!

    Entre os leitores não é diferente.... e tem cada maluco por aí q eu não sei como continuam "soltos", rs. Conheci pessoalmente um qdo estive em SP, q era famoso nos fóruns por RASGAR e AMASSAR propositalmente gibis nas bancas (por questões pessoais contra lojistas, editores ou editoras) - e o cara ainda narrava seus "feitos" como se fosse algo a se orgulhar, rs. Outro, ligado à Disney (e q trabalha na área) tem o hábito de "arrumar" as revistas nas prateleiras das bancas por onde passa: colocando os gibis da Disney na FRENTE dos da Mônica (pra dar uma força pra Disney, rs)!

    Como podemos ver.... Diante desses exemplos, não é de duvidar de mais nada mesmo!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tão grave quanto o termo "petralha" colocando uma palavra com carga ideológica no texto de um autor estrangeiro que no original não queria dizer aquilo, acho que foi aquele caso de quando o Tex foi "racista".

      É uma tradução de um Tex gigante onde ele chama um negro de "macaco". Isso causou (na época) um fuzue em alguns foruns, com gente acusando o Tex de racista e outros defendendo que o Tex era um homem de sua época e que era questão de "realismo" mostrar ele como passivel de defeitos. Bonita tese só que NO ORIGINAL ITALIANO Tex não tinha chamado o cara de "macaco". Na verdade, ele o tinha xingado como xingaria qualquer bandido, de qualquer cor. Ou seja, foi cagada do tradutor. E culpa do editor pois deixou isso passar, esquecendo que o Tex é um verdadeiro "escoteiro" no aspecto ético e moral, inclusive já tendo sido acusado de ser "politicamente correto demais". Tex é praticamente o equivalente ao Superman lá na Itália. A Sergio Bonelli Editore nunca se arriscaria a que o personagem fosse retratado como racista ou preconceituoso de alguma forma.

      Excluir
  102. "No tempo da Abril era rotineiro as edições brasileiras serem melhores do que as ammericanas. Mas se tem UMA coisa boa que a Revolução Image fez foi aumentar a qualidade do material americano! Papel, impressão e cores melhoraram muito ao longo dos anos 90 nos EUA, só que conhecia na época é que consegue entender o progresso que foi!"


    Oi, Hunter.... Isso eu posso atestar mesmo:

    Pois tenho alguns gibis importados da Marvel dos anos 80 e 90 (especialmente da série "What If") e realmente, a impressão era horrível demais: Mto escura, com cores q borravam as imagens, e com aquele efeito q parecia q os personagens estavam com "sarampo" (ficavam uns pontinhos vermelhos nas figuras). Quem tiver gibis dessa época, poderá constatar o mesmo se rever eles agora!

    Pior q a Marvel ainda demorou um bom tempo pra melhorar essas falhas.... O auge da "Era Image" já tinha acabado (no final dos anos 90) e ainda se publicavam gibis graficamente mto ruins: Um exemplo é a mensal dos "Vingadores" na fase Busiek/Pérez (q eu comprei importada a partir de 1998): Continuava bem "a desejar" (nesse ponto, as versões da Abril nas Premiuns e da Panini em suas primeiras ed. eram bem superiores às originais, pois usavam o papel LWC)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  103. "e o que falar da coleção hellblazer orgiens? ela é coisa da panini, pois não é desse jeito que a dc está republicando o hellblazer em encadernados definitivos la´fora."


    Pois é, Nano.... Essa coleção de "Hellblazer -Origens" tá tendo sua versão própria aqui no Brasil:

    Pra começar, a Panini já pulou a mini-série: "A Horrorista" (que chegou a ser prometida pro final da fase Delano. E agora alteraram o nome da coleção de "Origens" pra "Infernal" (pra cobrir a fase do Garth Ennis): Lembrando q lá fora tudo isso faz parte da mesma coleção. Pelo menos aí, temos uma vantagem, pois qdo a coleção mudou pra "Infernal", a Panini passou a usar o papel LWC (ao invés do pisa-brite de "Origens")!

    Esse negócio de dividir encadernados em 2 partes, eu até entendo (por questões comerciais - já q é mais fácil empurrar um gibi de 20 pila pro leitor do q um de 40 ou 50 - mesmo q contenha o dobro de histórias), mas te confesso q (falando por mim), não gosto dessa prática de se dividir TPs: Sem falar q isso pode causar transtornos tipo a novela q se desenrolou com "MP - Raízes"!

    Abs!

    ResponderExcluir
  104. "Cronologicamente a história da mini Mara Jade se passa antes dos eventos do número 40, assim publicar essa mini não causaria tantos entraves, apenas corta um pouco do mistério da personagem apresentada em Herdeiros do Império (que estará no 40)"


    Opa, valeu mesmo pelas explicações, Cesar....

    Bom saber q essa história poderia ser lida de boa se publicada no Vol. 39.... Não li nenhuma dessas séries ainda, mas se essa da "Mara Jade" for superior mesmo à sequência de "sombras", prefiro q ela seja publicada então: Até pq, sempre tive curiosidade em conhecer melhor essa personagem "Mara Jade" (pois tbm tô ansioso pra ler a saga do casamento dela com o "Luke" - q tá prevista pra sair lá pra frente na coleção)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. comprei os quatro volumes de star wars na cultura, inicialmente estava decidido a comprar pelo menos os 12 primeiros que são a fase da Marvel, mas vendo a qualidade da publicação, e como cada volume é baratinho, não seria um peso tão grande continuar (o meu maior problema é mesmo o espaço em casa, pois tenho hqs, livros, dvds e cds, e meu escritório acabará pequeno, rsrs). Mas gostaria de saber eles estão publicando em alguma ordem, seja cronológica ou de publicação? aparentemente parecia de publicação por começar justamente das priemiras hqs (as da marvel), mas depois não sei.

      Excluir
  105. "Na coleção vermelha que a Salvat está publicando está previsto um número com os Inumanos e como parte da fase clássica vai sair na extensão da coleção preta é possível que lá fora seja mesmo esse material a sair na vermelha... "


    E aí, Cesar.... blz?

    Bom saber q teremos "Inumanos" na extensão da Salvat e na coleção de capa-vermelha tbm:

    Mas tenho receio de q se a Salvat publicar a fase do Jenkins/Jae Lee.... ela seja retalhada, pois são 12 edições e não sei se caberia inteira numa ed. nos moldes da Salvat (lembrando q ela costuma dividir em 2 encadernados essas sagas maiores com 12 ed, a exemplo de: "Guerras Secretas", "Justiceiro - Bem Vindo de Volta", e "Vingadores Eternamente")!

    Abs!

    ResponderExcluir
  106. "Pena que os inumanos é uma cópia descarada de mutantes."


    Não acho q seja, não.... Nas histórias clássicas dos anos 60 (do Kirby) pelo menos, tavam longe de serem uma mera cópia. Pois eles já eram um indício da fascinação do Kirby pelos mistérios da Ufologia e raças alienígenas (q ele desenvolveria melhor em "Eternos")!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom Leo,

      vamos comparar:

      - Os Inumanos são resultado de uma intervenção alienígena da civilização Kree que, através das névoas terrígenas, buscavam o aperfeiçoamento da espécie humana numa obsessão quase religiosa.

      - Os mutantes são pessoas que nasceram com habilidades especiais como consequncia direta do advento da era nuclear.

      Realmente, tem tuuuudo a ver (estou sendo irônico pra quem não notou... rsrs)

      Abs, Zé.

      Excluir
    2. EDUARDO CESAR20/12/2014 10:59

      Para quem acompanha há anos as hqs como nós, sabe realmente dessas diferenças. Porém se observarmos a obra Terra X os leitores mais novos podem realmente se confundirem pois na propria obra o efeito das névoas terrígenas anunciadas mais ao longo da história, são confundidas pelos personagens como mutações (ou personagens mutantes). Abs

      Excluir
    3. EDUARDO CESAR20/12/2014 11:05

      Além disso a Marvel Studios (ou melhor Disney rsrs!), está com claras intenções de transformar seus Inumanos em "novos" X-Men devido aos problemas dos direitos de utilização, que nesta franquia não deve voltar para a Marvel nunca, e criar seu próprio super-grupo "pária" ainda mais embalados no sucesso dos "desconhecidos" Guardioes da Galáxia modernos, que podem realmente fazer com que isto aconteça.

      Excluir
  107. "Vc saberia me informar se ambos Legend e Boba Fett tratam de arcos diversos dos abordados pela Dagostini ? Ou se na verdade seria uma espécie de rebot do universo expandido"


    E aí..... blz?

    Embora as histórias novas q a Panini tá publicando na revista mensal (Legends) se passem na mesma época dos clássicos da Deagostini.... Elas são totalmente independentes do q havia sido feito no universo expandido. O escritor (Jason Aaron) criou um arco fechado de 20 histórias (mais essa ed. nº "zero") q não possuem maior relação com fases mais antigas!

    Já a série "Dark Times" (q tbm sai no mix da mensal da Panini).... essa sim, é continuação direta da cronologia da Dark Horse (mas o material q a Panini tá publicando não fará parte da coleção Deagostini)! Já o encadernado do "Boba Fett" q saiu pela Panini tbm ficará de fora da Deagostini (q lançará 3 encadernados com histórias mais antigas do "Boba")!

    Abs!

    ResponderExcluir
  108. "Achei o Star Wars Zero numa banca mequetrefe aqui perto de casa. Filho único com capa amassada, mas por R$ 1,50 não quis correr o risco de ficar sem! rs"


    Oi, SEMI.... blz?

    Por esse preço, acho q essa ed. não vai durar mto nas bancas mesmo.... vc fez bem em garantir a sua (tbm vou agilizar essa qdo sair aqui pra não perder)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  109. Li Star Wars Zero e gostei muito. Apesar de curta (ótima edição de banheiro), deu vontade de mais. Mas como na Panini 0 vem depois de 2, isso não é problema. rs

    E aproveitando: O casamento de Mara Jade com Luke não saiu naquelas revistas Star Wars da Ediouro? Lembro que comprei várias edições, mas não gostei da maioria das histórias que saíram nela.

    ResponderExcluir
  110. "E aproveitando: O casamento de Mara Jade com Luke não saiu naquelas revistas Star Wars da Ediouro?"


    Oi, SEMI.... saiu sim:

    Mas nessa época eu não colecionava esses gibis de SW.... Porém, o "casamento" será republicado pela Deagostini numa futura ed. intitulada: "Academia Jedi" (desta vez, não me escapa, rs)!

    Sobre a ed. "0".... concordo com vc, essa é tão curtinha q dá pra ler até durante uma mijada, hehe: Mas é boa sim, provando q quantidade de pág e texto não são essenciais pra se narrar uma boa história!

    Abs!

    ResponderExcluir
  111. "Tão grave quanto o termo "petralha" colocando uma palavra com carga ideológica no texto de um autor estrangeiro que no original não queria dizer aquilo, acho que foi aquele caso de quando o Tex foi "racista"


    Oi, Nano..... Caramba, eu não sabia dessa polêmica envolvendo o "TEX":

    Deve ter rolado numa época em q eu já tava me desligando de fóruns em geral (e acabei não vendo menção à isso em outras redes).... Mas agora me interessei em ver a repercussão do caso, e vou pesquisar pra ver onde rolou essa treta (até pq, tudo referente ao "Tex" é do meu total interesse, rs)!

    Seja como for, esse exemplo mostra bem como a simples adulteração de uma expressão pode mudar completamente o sentido do texto.... e até as características básicas de um personagem. Eu jamais imaginaria o "Tex" usando um termo racista pra se dirigir à alguém, ainda mais sendo ele chefe dos "Navajos", já constantemente vítimas de preconceito por parte do homem branco com termos do tipo: "Focinho-Vermelho". Quem conhece a índole do personagem, sabe q termos assim jamais seriam proferidos por ele! O pior erro de tradução é aquele feito de forma proposital (pra passar uma ideia pessoal) ou aquele q pode distorcer o caráter e a personalidade de um personagem!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poisé, mesmo que a intenção do tradutor seja de demonstrar o Tex como um "homem típico do século XIX, com os preconceitos da época", tradutor está ali pra TRADUZIR não pra interpretar personagem INSERINDO palavras que não estavam no texto original. Quem fazer isso é o ESCRITOR original, se o escritor quisesse demonstrar isso teria colocado no texto, ou seja, eis o caso que o tradutor DESFIGUROU o sentido da obra, mesmo que seja por um diálogo. E coloco aí também a culpa do editor brasileiro, pois ele deveria ter tido mais atenção, pois ele é guardião do personagem. Ele deveria ficar no mínimo com a pulga atrás da orelha quando visse um cara tão escoteiro quanto o Tex chamando um negão de "macaco", e conferir se era assim mesmo que estava no texto.

      Excluir
  112. "Mas gostaria de saber eles estão publicando em alguma ordem, seja cronológica ou de publicação? aparentemente parecia de publicação por começar justamente das priemiras hqs (as da marvel), mas depois não sei. "


    Oi, Nano.... Por falar em falta de espaço, finalmente aconteceu o q eu sempre temi aqui em casa: Acabou (literalmente) o espaço pros gibis, rs: Já vou começar a virada do ano com reformas aqui em casa: Possivelmente reduzindo meu roupeiro pra colocar no lugar uma nova estante pra gibis (tenho mais gibis do q roupas, então essa é a melhor solução pra espaço no momento, rs)!

    E sobre a coleção de SW (Deagostini).... A fase clássica da Marvel estará completa nessas 12 primeiras edições (foram uns 125 números e mais alguns especiais). Depois, já na Dark Horse, a coleção será divida por fases da cronologia da série: começando lá nos primórdios da linha temporal com os "Cavaleiros da Antiga República", passando pela época dos 6 filmes (com sagas q se passam pouco antes, durante e depois dos filmes), e por fim: Histórias do "futuro" (tipo: o Casamento de Luke com Mara Jade e a Morte do "Chewbacca"). Eu gostei dessa divisão assim, fica melhor pra gente se situar na cronologia da série (na época de lançamento era tudo misturado e ficava confuso até pro fã mais ardoroso da franquia, rs)!

    Ah, só mais uma coisa.... Eu tbm acho o preço dessa coleção bem acessível (35 pila pra uma média de 10 histórias por ed. tá mais q bom), mas é bom lembrar q a coleção passará a ser semanal depois do Vol. 15, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  113. "Além disso a Marvel Studios (ou melhor Disney rsrs!), está com claras intenções de transformar seus Inumanos em "novos" X-Men devido aos problemas dos direitos de utilização"


    É verdade, EDUARDO:

    A Marvel vai ter q investir nos "Inumanos" com esse propósito mesmo.... Pois tbm acho q jamais vai reaver os direitos dos "X-Men" (da mesma forma q o "Aranha" não deverá mais sair da Sony). Esses estúdios não vão querer mais largar esse "osso", ainda mais sabendo q eles rendem mto além das bilheterias (gerando lucros em diversos outros produtos e tranqueiras)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  114. "eis o caso que o tradutor DESFIGUROU o sentido da obra, mesmo que seja por um diálogo. "


    Oi, Nano.... tdo bem?

    Finalmente, pude acompanhar essa polêmica em torno da tradução de "TEX" (q ocorre mesmo justo numa das ed. "Gigante" q eu comprei atrasada e ainda não li, rs).... Foi uma pisada de bola feia mesmo, pois os comparativos de imagem mostram q o texto original não tinham expressões racistas partindo diretamente do Tex). Esse eu considero um caso extremo onde uma única palavra mal-traduzida acaba completamente com a boa índole de um personagem q nem o Tex. E pra quem quiser conferir do q estamos falando, Segue abaixo um LINK do blog (TOP Gibi) com as imagens comparadas (e até uma menção à vc, Nano):

    http://www.topgibi.com.br/2011/03/racismo-em-tex.html

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acessei o link agora, e por coincidência essa "polêmica" é do último gibi do Tex que li (Gigante 24). Então a história está bem fresca na minha cabeça.

      Evidentemente a tradução foi infeliz, mas se não fosse esse post eu nem teria notado. Mas na história, Tex está enfrentando uma tribo de feiticeiros negros, e o "ofendido" se destacava dos demais pelo seu tamanho e força. Sinceramente acho que a tradução quis fazer menção ao fato do cara ser praticamente um gorila ou até mesmo um primata pelo seu tamanho e não pela cor da pele.

      E logo no quadrinho seguinte, Tex chama o líder dos negros de "babuíno" que também é uma espécie de macaco, mas que pelo visto passou desapercebido.

      Sinceramente? O termo deveria ter sido evitado sim, mas de qualquer maneira acho que estão botando pelo em ovo. Depois vão reclamar do lado "sombrio" da força.

      Excluir
    2. Ou seja, não basta ele chamar um de "macaco", logo em seguida ele chama o outro de "babuíno"? Cara, isso não é pelo em ovo, acho que o tradutor realmente tem problemas.

      Pra você pode parecer uma situação menor, mas isso me lembra um amigo meu que releva essas pequenas "discriminações" contra os negros, mas se falar dos judeus, ele fica puto (porque ele é judeu). 0u seja, a maioria das pessoas só entende a violência da discriminação quando é com elas. é sempre "deixa disso", "é muito barulho por nada", é pelo em ovo. Até pisarem no seu pé.

      Excluir
    3. "E pra quem quiser conferir do q estamos falando, Segue abaixo um LINK do blog (TOP Gibi) com as imagens comparadas (e até uma menção à vc, Nano)"

      isso saiu até em sites jornalísticos como o GGN, Leo. Foi uma surpresa pra mim na época, pois um comentário meu num fórum de repente tava em vários blogs e sites por aí. Desde então sou "jurado de morte' pelo pessoal da Panini , rsrsr.

      Excluir
  115. "Evidentemente a tradução foi infeliz, mas se não fosse esse post eu nem teria notado."


    Oi, SEMI.... tdo bem?

    Eu tenho essa ed. tbm (é o Gigante 25), só q ainda não li.... comprei só pela arte do Suaréz (q conheci através do "Almanaque 46")!

    Polêmicas à parte.... Eu acho q essa expressão não condiz com o perfil do Tex: Talvez eu até não tivesse estranhado se tivesse partido do Carson (q tem um jeito mais desbocado e cabeça-quente), mas pro Tex não combina mesmo - ainda mais q não era nada disso q dizia o texto original!

    Abs!

    ResponderExcluir
  116. "Desde então sou "jurado de morte' pelo pessoal da Panini , rsrsr. "


    Oi, Nano.... Por essas e outras, q eu sempre peço autorização qdo vou destacar uma frase ou comentário de alguém: Pois nem todo mundo gosta das repercussões q uma "fama repentina" possa atrair (às vezes os elogios vem acompanhados de pedradas tbm, rs)!

    E essa polêmica aí acabou rendendo mesmo, hein? Pesquisando a respeito, vi q toda essa treta se espalhou por fóruns, blogs, e outras redes. Só eu q acabei perdendo essa na época e só fui tomar conhecimento do fato agora (bem, antes tarde do q nunca)!

    Abs!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...