30/05/2016

As Relíquias do "Colecionador Fantasma" (Parte 8): "Depressa! Dê-Me Um Exemplar de Batman"...

As "Relíquias do Colecionador Fantasma" (colaborador do blog) são uma série de postagens que nos remetem diretamente aos tempos da EBAL e outras editoras que marcaram época para nossos pais, avós, e até pra alguns de nós mesmos (que tiveram o privilégio de viver essa fase do mercado nacional)!

Nesta 8º Parte das relíquias... O "Batman" tenta comprar um gibi dele próprio (!) O "Superman" é acusado pela morte de "Luthor", O "Flash" enfrenta o "Cap. Frio", O "Fantasma" e os "Homens-Rã", e o "Ferdinando" tira uma soneca (bem acompanhado, rs)!

Confira abaixo:

O "Colecionador Fantasma" tem um belo acervo de HQs raras, com destaque pra materiais já mostrados nesta coluna que vão da década de 40 (em plena 2º Guerra Mundial) até os anos 60 e 70 - cobrindo parte da "Era de Ouro" e toda a "Era de Prata" dos quadrinhos! São revistas incrivelmente bem conservadas conforme demonstram as imagens utilizadas nesta série de postagens (escaneadas diretamente de seus exemplares e SEM retoques de photoshop)! Os gibis da DC publicados pela EBAL nos anos 60 traziam muitas histórias com tramas bastante "surreais" (mesmo pros padrões da época) mas que proporcionavam aos leitores um clima de diversão e descontração bem leve e despretensioso. 

Uma dessas histórias é a capa principal desta postagem: Com o "Batman" tentando comprar um gibi de si próprio numa banca, rs! É interessante notar que a EBAL até alterou a capa original dessa edição pra incluir suas publicações vigentes da época: Confiram a original neste: "LINK"! O "Batman" tem fama de ser o maior detetive do mundo... Mas acabou sendo tapeado por um garotinho se fazendo passar pelo "Robin" - e descobrindo a identidade do morcego (tem coisas que só acontecem na "Era de Prata" mesmo, rs)! 

O "Superman" também se viu às voltas com uma situação "insólita" (por assim dizer) quando foi acusado pela morte de Lex Luthor (capa abaixo). Ao contrário de sua versão mais clássica da Era de Ouro (onde jogava bandidos do alto de prédios) e mesmo da versão moderna dos cinemas (onde quebra pescoços)... O "Super" da Era de Prata não tiraria a vida de seu maior inimigo (e naturalmente era inocente dessas acusações levianas de assassinato)! 

O "Flash" anda fazendo bastante sucesso atualmente com o seu novo seriado de TV... Que busca fontes e inspiração em HQs clássicas do velocista, tipo estas acima publicadas pela EBAL em 1969. Com roteiro de Gardner Fox e arte de Carmine Infantino, a história: "Duplo Perigo na Terra" traz participação de vários personagens: "Flash", "Joel Ciclone", "Cap. Frio", "Trapaceiro", "Sociedade da Justiça", "Gavião Negro", "Mulher-Maravilha", "Átomo", "Dr. Meia-Noite", e outros!Sem dúvida, um ótimo material pra quem curte a cronologia DC pré-Crise!

Os fãs do "Fantasma" vão gostar da raridade apresentada acima: O nº 2 da revista do "Espírito-Que-Anda" data de 1953 (essa é do arco da velha) e nela o herói se depara com os famigerados "Homens-Rã" (não sei se a grafia tá certa, mas escrevi conforme está na capa)! Acima também, temos um "Almanaque do Mandrake" de 1964 (edição bastante cobiçada por colecionadores fãs do mágico)!

Por fim... A 2º série do "Ferdinando" pela RGE (acima a capa do nº 2) começou em 1975 mas durou apenas 6 edições. O personagem (criado por Al Capp) já havia tido uma 1º série melhor sucedida entre 1961-1968 (durando 32 edições), além de inúmeras tiras de jornal publicadas no Brasil entre os anos 40 e 70! Ainda hoje, "Ferdinando" tem campanhas nas redes sociais pedindo sua republicação, mas nenhuma editora se manifestou quanto à isso (Seria ótimo, contudo, que esse material fosse resgatado pras novas gerações)!

Até+

47 comentários:

  1. Ele coloca em saco plástico para elas estarem assim em bom estado?

    ResponderExcluir
  2. Que viagem a capa do Batman!

    A Ebal teve uma boa sacada ao fazer essa adaptação, mas o que mais me chamou a atenção foi o total desleixo do jornaleiro diante da quase morte do maior defensor de Gotham!

    (E, apenas para confirmar, LEO, "homens-rã" está correto. O plural poderia ser "homens-rãs" também).

    ResponderExcluir
  3. Blz Leo e CF,
    cara que acervo heim. São gibis que nos remetem à uma época mais ingênua mas que tem muita qualidade também, além da importância histórica. Esses gibis da Ebal traziam bastante hqs curtinhas impensáveis para os padrões de hoje mas que divertiam bastante.
    Parabéns pela coleção e abraços!

    ResponderExcluir
  4. Fala, Léo!
    Novamente, temos as pérolas do Colecionador Fantasma, com seu tour através da história das HQs (uma espécie de Kang!).
    Acervo interessante, mostrando o trabalho da (saudosa) Ebal!
    Ainda guardo alguns exemplares (o papel offset, resiste muito bem à marcha inexorável do tempo!), e nem cogito em me desfazer destes, por pura "consideração"!
    Estes roteiros e enredos, parecem embalados pelo mais pirado dos LSDs...

    abs.

    ResponderExcluir
  5. Gustavo Maycá02/06/2016 16:08

    Leo, me da mais uma ajuda. Esse Mulher Maravilha Círculo de Fogo da coleção eaglemoss vale a pena? Abs

    ResponderExcluir
  6. Olá, Leo. Sobre essas [belíssimas] edições do Colecionador Misterioso, adivinha sobre qual eu vou comentar? É claro que você acertou, é sobre essa do Fantasma número 2. Essa edição com destaque para os Homens-rã é muito linda. Os desenhos de Wilson Mc Coy parecem ser muito simples, não é? Eu mesmo não gostava quando as histórias desse artista apareciam (como histórias secundárias) nos gibis que eu comprava na minha época de criança (nas quais o artista principal era o Sy Barry, dono de um traço bem mais moderno). Mas o tempo passou, e hoje em dia, eu gosto de apreciar esses desenhos antigos. Destaque para a capa, que na época era produzida pelo departamento de arte da RGE, e nesse caso, foi desenhada pelo desenhista Luiz Fernando Guimarães, também conhecido como Lutz. É claro que tantos detalhes assim, só fui descobrir bem recentemente, quando retomei a paixão pelo meu heróis preferido.

    Sr. Colecionador Fantasma, obrigado por essas preciosas contribuições para a galera do Submundo HQ. :)

    ResponderExcluir
  7. Oi Leo!

    Novo "pack" à venda: Aniquilador e Besouro:
    http://lojaeaglemossbrasil.com.br/eaglemoss/produto/marvelpack15-aniquilador-e-besouro.aspx?Site_txt=email&Origem_txt=ativos_inativos&Formato_txt=marvel_packs&Banner_txt=base_herois&Versao_txt=20160602&utm_source=email&utm_medium=ativos_inativos&utm_campaign=marvel_packs&utm_content=base_herois&utm_term=20160602&__dtracking=13784.274.53532.cb6bd

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  8. "Ele coloca em saco plástico para elas estarem assim em bom estado?"


    Oi, Marcelo... Vou deixar ele mesmo responder essa, pois não tenho certeza!

    Mas lembro dele ter falado aqui certa vez (num assunto q terminou em debate sobre conservação) q ele guardava essas revistas fora do plástico (ou fez isso durante mto tempo, se não me engano)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  9. "E, apenas para confirmar, LEO, "homens-rã" está correto. O plural poderia ser "homens-rãs" também"


    E aí, Martin... blz?

    Muito obrigado por sanar essa dúvida... Fiquei meio enferrujado na gramática depois daquelas últimas mudanças q alteraram um monte de coisas, hehe!

    E esse jornaleiro meio desleixado (e fumando) me lembra os donos de bancas do passado (igualzinho à vários q eu conhecia)... Hj em dia estão todos mais polidos e sem defumarem o ambiente com cigarro, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eram jornaleiros como esse que vendiam playboys para menores de idade.

      Não tenho o que reclamar deles. (rs)

      Excluir
  10. "Esses gibis da Ebal traziam bastante hqs curtinhas impensáveis para os padrões de hoje mas que divertiam bastante."


    E aí, Fabiano... blz?

    Essas histórias eram mais curtinhas mesmo e só nessa ed. do "Batman" aí tinha 3 histórias (não tenho essa revista mas pesquisei o conteúdo)!

    Qto à ingenuidade dos roteiros... Eram coisas da época mesmo (anos 60): Tempos em q o escapismo descontraído nos gibis (e outras mídias) se fazia mais presente (tudo ficaria mais sombrio a partir da década seguinte) !

    Abs!

    ResponderExcluir
  11. "Estes roteiros e enredos, parecem embalados pelo mais pirado dos LSDs..."


    E aí, Victor... blz?

    Não tenho dúvidas de q o LSD embalava mtos processos criativos nos gibis daquela época, rs... A capa abaixo do "Batman" enfrentando uma "Criatura Arco-Íris" é o mais puro exemplo disso:

    http://4.bp.blogspot.com/-mgZgtkJ3jyo/UkELhcZbRII/AAAAAAAAQ3M/bY36En11Rjc/s1600/Batman+134.jpg

    Uma "viagem" (literalmente, hehe)... Engraçado é q hj em dia esse tipo de história não cola mais entre os leitores, muito embora a produção atual apresente um monte de coisas ruins q se esforçam pra parecerem mais "realistas", rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende. Se forem reunidas em um encadernado e for anunciada como fonte de inspiração pra Grant Morrison, acho que cola sim.

      Nem que fique colado com os fluídos corporais de certos editores da Panini.

      Excluir
  12. "Esse Mulher Maravilha Círculo de Fogo da coleção eaglemoss vale a pena?"


    Oi, Gustavo... blz?

    Eu não li esse arco da MM... Mas não vou me arriscar nele não (tenho evitado gastos com materiais q não sejam essenciais pra mim)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  13. Gustavo Maycá03/06/2016 06:43

    Pois eh, fui na banca e tinha esse mulher maravilha da eaglemoss e bizarro com arte do brasileiro gustavo Duarte. Não resisti e cofrei o bizarro, mas esse pelo menos custou 21,90. MM vou deixar pra lá tbm, melhor evitar este gasto. Abraçao

    ResponderExcluir
  14. "Essa edição com destaque para os Homens-rã é muito linda."


    Oi, Celso... Tdo bem?

    Eu sabia q dessa edição vc ia gostar, rs... Eu te confesso q sempre curti esse material mais antigo do "Fantasma" e qdo eu colecionava as revistas dele nos anos 70 e início dos 80 (eu adorava os "almanaques" da RGE) eu acabei conseguindo um fac-símile do nº 1 da RGE (q republicaram de brinde numa edição): era a história dos "Piratas Singh" e ela me deixou bastante curioso pra ler o resto da fase clássica do herói!

    Eu gostava daquele traço mais simples... e matei a saudade agora com as 3 ed. do "Fantasma" q saíram pela Pixel: Só lamento q elas não tenham sido numa ordem sequencial (teria sido perfeito se fosse)! Pena tbm q não relançaram essa dos "Homens-Rã" (q eu só li em scans e é mto boa)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  15. "Novo "pack" à venda: Aniquilador e Besouro:"


    Oi, Elcio... Tdo bem?

    Puxa, valeu mesmo pelo aviso... Não tava esperando q fosse sair um PACK agora, mas vou ter q comprar esse (mais pelo "Aniquilador", é claro)!

    Pelo q a Eaglemoss falou... esse será mesmo o ÚLTIMO PACK da Marvel, mas já confirmaram o 1º PACK da DC: "Besouro" e "Brainiac 5" (esse besouro parece ser a 2º versão do "besouro azul")!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leo!

      Vai ter "pack" da DC??

      Eles falaram que não ia ter, mas que empresa cretina essa Eaglemoss, PQP!

      Se tivesse que ter, eles deviam ter começado mais cedo e colocado o "Detetive Chimp" que é o mais "bucha" da coleção junto com o "Besouro Bisonho" além claro, do "Cósmico e do "Relâmpago"!

      Eles não estão vendendo bem, por isso estão usando e abusando da canalhice inerente na empresa, mas irei tomar minha "providências" em relação a isso de imediato, chega deste negócio de "venda casada"!

      Com mais calma eu vou fazer algo bem fundamentado. Espere só para ver!!

      Os especiais da DC agora estão sendo desovados nas bancas, veio o Jonah Hex e agora o Lobo, os demais devem chegar nos próximos meses!

      Respondendo a dúvida do Gustavo sobre "Mulher Maravilha - O Círculo": Eu comprei esta edição e nunca tinha lido esta saga. Digo que é apenas mediana, e depois de terminar de ler você irá deletá-la da memória facilmente, pois, não tem nada de significativo ou impactante.

      A edição acompanha duas histórias da Era de Prata que contam as origens da "Mulher Maravilha" tipo "As aventuras da jovem Diana".

      São histórias simples, inocentes para os dias de hoje, mas possuem um valor simbólico muito grande!

      Se você estiver apertado de grana aconselho a não comprar, a não ser que queira muito ler este material!

      A melhor edição dedicada à Mulher Maravilha que irá sair nesta coleção será a edição do George Pérez contando a origem da Amazona pós- Crise nas Infinitas Terras!!

      Esses "Homens- Rã" da revista do Fantasma parecem inimigos do desenho do Scooby Doo da década de 60, que alegrou muito a nossa infância. Rãs humanóides de sunga vermelha beira o ápice da tosquice(embora a gente saiba que são bandidos fantasiados), porém, a história deve ser boa, porque o Fantasma sempre teve um nível de histórias bem elevado!!

      Abraços!!

      Excluir
    2. Gustavo Maycá04/06/2016 13:49

      Blz Élcio, muito obrigado pela dica. Abs

      Excluir
  16. "Ele coloca em saco plástico para elas estarem assim em bom estado?"
    Olá Marcelo- Antologias. Não tenho um procedimento único, o cuidado com uma edição papel jornal da década de 50 é diferente de uma edição de luxo atual com papel lwc que considero mais problemática. Não guardo revistas anteriores aos anos 60 em sacos, protejo contra insetos e poeira em caixas tupperware que é um espaço menos confinado, sem lotar a caixa. Coloco estilos variados porque assim acabo sempre abrindo, seja para ler um Dick Tracy, um Magnus ou um Pafúncio.
    As novas sempre em sacos plásticos adesivados, tanto as capa dura expostas (nunca guardo essas deitadas ou espremidas) quanto as que ficam em armários fechados. Deitadas só as pisa brite. E SEMPRE SEMPRE renovando os desumudificadores que uso para todas as revistas.

    ResponderExcluir
  17. A Ebal teve uma boa sacada ao fazer essa adaptação”
    O legal, Martin, foi correr atrás das outras revistas da banca. Dali gostei mesmo foi de Flash e Gavião Negro, melhores até que essa do Batman. As que gostei menos foram Os Falcões e Aquaman.

    ResponderExcluir
  18. “São gibis que nos remetem à uma época mais ingênua mas que tem muita qualidade também, além da importância histórica.”
    O que mais me atrai Fabiano, é que não havia a polaridade Marvel-DC, mas uma enorme quantidade de personagens das mais diferentes linhas.

    ResponderExcluir
  19. “Ainda guardo alguns exemplares (o papel offset, resiste muito bem à marcha inexorável do tempo!).”
    Pois é Victor é impressionante a resistência dessas edições coloridas da EBAL, não é à toa que Stan Lee se impressionou. Acho que as atuais CHM e Lendas vão dar um banho de durabilidade em muito capa dura.
    “Estes roteiros e enredos, parecem embalados pelo mais pirado dos LSDs...” Lembro de quando um grupo acho que dirigido por Eisner, se não me engano, se trancou num quarto de hotel barato para criar uma revista nova em um fim de semana. Tinha gente desenhando na banheira. Eram realmente pirados.

    ResponderExcluir
  20. “eu gosto de apreciar esses desenhos antigos.”
    Olá Celso, recomendo então (se é que já não leu), Mercadores de Escravos de 1939, ótimo roteiro, ótimos desenhos saiu na revista Gibi Semanal 40 (aquela gigante, tem pelos sebos e a bom preço), Fantasma 55 RGE, Edição Histórica Saber 1995, ou futuramente pela Pixel, e outra no mesmo estilo dessa dos Homens-Rãs, O Ninho do Tubarão de 1938 onde Fantasma também invade uma ilha de bandidos no Almanaque do Gibi 3, também futuramente pela Pixel.

    ResponderExcluir
  21. “A capa abaixo do "Batman" enfrentando uma "Criatura Arco-Íris" é o mais puro exemplo disso”
    Essa a EBAL lançou aqui, Leo mas em PB, fiquei chateado quando li. Tão doida que felizmente Grant Morrison gostou e a Panini publicou em os Casos Inexplicáveis, colorida.

    ResponderExcluir
  22. "Acho que as atuais CHM e Lendas vão dar um banho de durabilidade em muito capa dura."


    Falou tudo, Colecionador... tbm acho q as CHM e Lendas podem durar mais tempo em perfeitas condições q mto encadernado Deluxe caríssimo por aí!

    Um exemplo disso é um debate q surgiu na postagem anterior sobre pág "coladas" e "mofadas" em papel couché... No off-set essa probabilidade diminui bastante (sei disso pq tbm tenho algumas da EBAL q permanecem invulneráveis às ações do tempo)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  23. "Tão doida que felizmente Grant Morrison gostou e a Panini publicou em os Casos Inexplicáveis, colorida."


    Essa dos "Casos Inexplicáveis" eu tenho... não perderia uma ed. dessas por nada, rs!

    Mas realmente, fica sem graça ler justo essa HQ em P&B, hehe... Doidêra pura!

    Abs!

    ResponderExcluir
  24. Oi. Boa noite. Desculpa perguntar algo que não tem nada a ver com a postagem kkkk.
    Estou muito em dúvida sobre os quadrinhos baseados nos jogos da série arkham do Batman. Por exemplo, saiu Batman Caos em Arkham city (4 volumes) + prólogo. Saiu Arkham Knight e Origens do Arkham. Vc saberia me dizer se essas hqs são continuações uma das outras? Qual seria a ordem? E quantos volumes de cada? Muito obrigado. Desculpa perguntar algo nada a ver, mas não sei a quem recorrer kk.

    ResponderExcluir
  25. "Vai ter "pack" da DC?? Eles falaram que não ia ter, mas que empresa cretina essa Eaglemoss, PQP!"


    E aí, Elcio... blz?

    Patifaria mesmo, hehe... Mas como já te falei antes, não se pode confiar na Eaglemoss e nem nas promessas q eles já fizeram: Pois o planejamento caótico deles não deixa margem pra manterem a própria palavra, já q eles mudam tudo o tempo todo sem aviso-prévio e a continuidade dessas coleções passam a ser uma verdadeira LOTERIA!

    O 1º PACK da DC já foi confirmado sim (acho q botaram no ISBN) e pelo menos esse eu vou pular direto, pois nenhuma das 2 peças me interessam! Meu único receio é q eles ponham num próximo PACK a "Batgirl" (Bárbara Gordon) ou o "Constantine" junto com alguma nulidade qualquer:

    -Besouro Bisonho
    -Aqualad
    -Demônio Azul
    -Cap. Bumerangue
    -Ouro

    Entre outros restolhaços q não me interessam... Pior q nem sei qtos PACKS estariam previstos pra DC, mas eu chutaria pelo menos uns 10!

    E putz... é bem nessas mesmo, hahaha: "Rãs humanóides de sunga vermelha beira o ápice da tosquice(embora a gente saiba que são bandidos fantasiados)"!

    Abs!

    ResponderExcluir
  26. "Estou muito em dúvida sobre os quadrinhos baseados nos jogos da série arkham do Batman."


    E aí... blz?

    Não se preocupe, não tem problema nenhum perguntar algo fora de tópico aqui no blog (sendo sobre HQs ou afins: tá valendo, rs)!

    Sobre a sua dúvida... Essas HQs do "Batman" são baseadas no universo do jogo, mas não li todas pra saber se estão relacionadas entre si (até acredito q sejam ed. fechadas, pois as q eu li pelo menos eram completas e entendi tudo sem precisar ler nada mais)! Seja como for, te deixarei abaixo a ordem correta de lançamento de cada edição da série, blz?

    http://www.guiadosquadrinhos.com/capas/batman-arkham-city/ba011117

    http://www.guiadosquadrinhos.com/capas/batman-caos-em-arkham-city/ba011124

    http://www.guiadosquadrinhos.com/capas/batman-arkham-knight/ba011140

    http://www.guiadosquadrinhos.com/capas/batman-origens-do-arkham/ba011145

    Abs!

    ResponderExcluir
  27. Tex gigante 10 por 24 reais. Malditos paguei 63 essa semana no mesmo sitehttp://www.saraiva.com.br/tex-edicao-gigante-em-cores-9280491.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu mesmo pela dica, Alexandro...

      Essa oferta tá PUNK demais mesmo: Uma ed. capa-dura de luxo do TEX pelo preço de um encadernadinho econômico... não é sempre q aparece uma dessas pela frente, rs! APROVEITEM!

      Abs!

      Excluir
    2. Valeu pela dica Alexandro, caramba que desconto foda.

      Obrigado

      Excluir
  28. "Essa a EBAL lançou aqui, Leo mas em PB, fiquei chateado quando li. Tão doida que felizmente Grant Morrison gostou e a Panini publicou em os Casos Inexplicáveis, colorida."

    Sempre que possível, procuro ler os clássicos publicados pela Ebal, porque suas traduções costumam ser bem mais fiéis e bem escritas que as de algumas editoras que a sucederam. Mas sempre acho uma pena quando descubro que o miolo é em PB.

    Por outro lado, é gratificante quando encontramos edições da Ebal coloridas e com ótima impressão, como as histórias do Tarzan ilustradas por Joe Kubert, por exemplo.

    “O legal, Martin, foi correr atrás das outras revistas da banca. Dali gostei mesmo foi de Flash e Gavião Negro, melhores até que essa do Batman. As que gostei menos foram Os Falcões e Aquaman.”

    Legal! Mas infelizmente todas devem ser em PB, não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A grande maioria de tudo q a EBAL publicou era em P&B mesmo...

      E do material colorido q eles publicaram já foi na fase em q adotaram o formatinho no lugar do formato maior em PB... Foram poucos os álbuns grandões coloridos q eles publicaram da Marvel/DC!

      Abs!

      Excluir
    2. Olá Leo,

      As únicas edições em P&B da Ebal que mantenho em minha coleção são os Almanaques de Batman de 1970 a 1974.

      Um dado interessante é que em 72, a então grande novidade da editora foi incluir uma história em cores no miolo.

      Sendo que um ano antes, ela já tinha encartado os "cartões de identidade dos heróis".

      A EBAL, demorou demais para expandir seu parque gráfico. Antes da década de 70 ela só imprimia em cores as capas e os álbuns infantis.

      Mas uma coisa que sempre gostei, nesses Almanaques é que a cada ano a editora adotava um mesmo layout para todos, independente do personagem.

      Teve uma época (acho que uns 25 anos atrás), que cheguei a tentar fechar coleções somente de Almanaques, mas acabei desistindo dado a dificuldade de se encontrar exemplares a preços aceitáveis e em qualidade no mínimo colecionável.

      Colecionador, você por acaso tem todos?

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    3. Oi, VAM... Minha 1º lembrança dos tempos da EBAL eram os gibis em formatinhos coloridos do "Superman", "Lanterna & Arqueiro", e "Jonah Hex"!

      Qdo eu comecei a colecionar gibis Marvel em 1979 (pela RGE) a EBAL já tinha esses formatinhos nas bancas tbm, mas tbm lembro desses álbuns maiores em formato magazine e em cores (só q a minha mesada só dava poros formatinhos mesmo, rs)!

      Acho q só em 1982 (por aí) eu comprei um especial grande e em cores do "Mundo de Krypton", a 1º ed. do "Guerreiro" (Mike Grell) e algumas ed. do "Homem de 6 Milhões de Dólares" (sucesso de TV na época)!

      Abs!

      Excluir
  29. Tudo bem VAM
    Sim para Batman,Superman,Superboy,Invictus.Zorro quase todos, Papai Noel só o Big 66 e nenhum Tarzan.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa do Big 66 do Batman é muito bonita, com ele "brigando" com a Ampulheta Gigante. Lembro de tentar adquiri-la quando ainda colecionava Ebal, mas já era bem rara. Hoje em dia nem se fala, Colecionador.
      Abs,
      VAM!

      Excluir
  30. "Eram jornaleiros como esse que vendiam playboys para menores de idade. Não tenho o que reclamar deles. (rs)"


    Nem eu, SEMI... hehe:

    Ainda lembro como se fosse hj... Minha 1º Playboy foi a da Vera Fischer: Na época eu tinha 12 anos e ela já bombava nas novelas e filmes de sacanagem brasileiros. O tiozão da banca era q nem esses estereótipos: gordão, cara de mau-humorado, e fumando... mas foi bem camarada em me vender um exemplar: eu falei q era pra ler uma entrevista, rs: é claro q ele não acreditou só q me vendeu a revista assim mesmo pq eu sempre comprava gibis na banca dele (e ´pediu apenas q eu não contasse pra ninguém q tinha comprado na banca dele). Negócio fechado, minha preocupação depois foi onde esconder a revista em casa, hehe: Escondi dentro do forro da minha mala de viagens!

    Bons tempos da putaria impressa, rs...

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A primeira playboy que comprei na banca a gente nunca esquece. Foi a da Jaqueline Meireles... E tinha um quadrinho erótico que me deixou alucinado! Mas não precisava comprar muitas. Meu tio era assinante, então eu "roubava" as edições dele. rs

      Excluir
  31. "Nem que fique colado com os fluídos corporais de certos editores da Panini."


    A gente relembrando as Playboys antigas... e alguns editores da Panini com um poster do Morrison na parede do banheiro, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  32. "E tinha um quadrinho erótico que me deixou alucinado!"


    Oi, SEMI... Eu tbm já tive essa da "jaqueline" (era uma das sub-celebridades da época favoritas da molecada do colégio, rs)!

    E esses quadrinhos eróticos q vc fala... devem ser os do Horácio Altuna (grande mestre putanheiro, rs) será q não? Ele desenhou uma HQ de uma transa num metrô (deve ser essa, creio eu)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  33. Esse mesmo. E nessa edição tinha até uma chamada na capa com "quadrinhos eróticos: paquera no trem".

    Se bobear, foi isso que me fez comprar a revista. rs

    Acho que li no máximo umas 3 dessas histórias. Podia sair uma coletânea.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lá fora saíram várias coletâneas da obra do Altuna... Ele não é tão famoso qto o Manara ou Serpeiri, mas sua obra putanhesca tem o mesmo respeito q a dos demais, rs!

      Abs!

      Excluir
    2. Já estou pesquisando a respeito. E vale mencionar que achei uma informação de que Altuna está desenhando um Tex Gigante.

      Excluir
    3. Eita... Já é o 2º mestre da putaria (depois do Serpieri) a desenhar um gibi recente do TEX!

      Mas é legal saber q o Altuna ainda tá na ativa... Tomara q essa história do Tex traga alguma personagem feminina (ele é mto bom em desenhar rostos - e tudo o mais - femininos)!

      Abs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...