25/09/2018

"Deadpool Clássico" (Vol. 9): Vs. "Pantera Negra"...

O Vol. 9 de "Deadpool Clássico" chega às bancas com uma capa comercialmente bem apelativa... ao reunir 2 dos mais populares heróis do CINEMA (Deadpool e Pantera) que emplacaram sucessos recentes na telona!

Mas é mera coincidência, já que essas histórias são do ano 2000 (época em que ninguém - nem o mais otimista dos fãs - imaginaria que os 2 personagens teriam FILMES de enorme sucesso, rs) e permaneciam até hoje INÉDITAS no Brasil!

Confira abaixo:

"Deadpool" descobriu que é filho de ninguém menos que "Loki". Quer dizer, isso se você resolver acreditar no deus nórdico das mentiras e trapaças, né? O problema é que depois de uma briguinha com seu suposto "pai", este o amaldiçoou com... a beleza! Mas qual será o resultado inusitado dessa sina? Será que "Deadpool" poderá voltar à sua deformação habitual? E ainda: Um quebra-pau com o "Pantera Negra", Uma aventura no espaço sideral, uma história silenciosa - sem nenhum balão de texto (talvez a única em que o Deadpool finalmente fechou a matraca, rs), e o "Segredo de Titânia" (capa acima)!

O material foi publicado originalmente em: "Deadpool" nº 38-45 e "Black Panther" 23... E as histórias (produzidas em 2000) permaneciam INÉDITAS no Brasil. Inclusive, a revista do "Pantera Negra" (que faz crossover com a do "Deadpool") é outra série muito elogiada pela crítica e pelo público e que as editoras nacionais (Abril e Panini) sempre se recusaram a publicar. Pra se ter uma ideia, mais de 50 (!) histórias do "Deadpool" dessa fase considerada "clássica" (que a Panini está resgatando agora devido ao hype dos FILMES do mercenário) foram PULADAS no Brasil!

Neste Vol. 9 (R$ 30,90)... Já estamos na fase Christopher Priest, sem o mesmo brilho da anterior de Joe Kelly, mas ainda assim: interessante e divertida. Entre os destaques desta edição: Várias referências a filmes de ficção científica no arco que rola no espaço (com direito à capa parodiando o cartaz de "Alien - O 8º Passageiro) e a participação especial "NÃO-OFICIAL" do "LOBO" (O "MAIORAL"), que aparece com uma "máscara" no rosto (por questões de direitos autorais, hehe) na imagem abaixo. E a seguir na próxima edição de "Deadpool Clássico" (Vol. 10): O início da fase Jimmy Palmiotti!

Até+

70 comentários:

  1. E aí Leo beleza?

    Tenho todos os Deadpool Clássico até agora (exceto o 1) mas pulei esse. Pelo visto melhor pegar para fechar a história, né?
    A fase Palmiotti é bem ruim (li em scan).
    Aí faz-se um bom lote.

    Abração!

    ResponderExcluir
  2. Nada de titãs aqui em Aracaju. Estou começando a ficar preocupado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma cara, nem no Rio apareceu.

      Excluir
    2. Chegou hoje rs

      Excluir
  3. Esse Deadpool "Clássico" não me agradou. Acho muito do material Marvel anos 90 nível Heróis Renascem. Rs. Mas curto o Deadpool Nova Marvel que estão saindo em capa dura. Roberto Xavier.

    ResponderExcluir
  4. Oi Leo!

    Acabei adquirindo esta edição.A Capa foi decisiva para isso!

    Ainda não li (passei o Visão na frente), mas folheei a edição, e vi como os anos 90 e a Era Image são marcantes para o bem ou para o mal das HQs de super heróis!

    É impressionante, você bate o olho e já vê a influência da referida editora!

    Confesso que nunca fui fã do Deadpool, mas os filmes dele estão mudando um pouco a minha opinião sobre o personagem, princiapalmente por considerar os filmes dele o diferencial no meio das fórmulas já manjadas da Marvel e DC que já estão enjoando pelo menos para mim!

    Se eu gostar deste material corro atrás dos anteriores e continuo comprando os que ainda estão por sair.Mas pretendo ficar só na fase clássica, pois os "massacra"\destrói"\"casamento" não me interessam!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Fala, Leo, blz?

    Caramba, já saíram 9 volumes de "clássicos" do Deadpool!? Desse jeito parece que vão lançar TODAS as histórias já feitas com o personagem em encadernados, né, tipo Hellblazer?

    Peguei os três primeiros volumes pela nostalgia de ter lido parte formatinho e gostado na época, infelizmente, dessa vez não curti muito e nem comprei o resto. Nao achei graça nas histórias, acho que o humor é muito adolescente para meu gosto.

    Mas será que publicarao tudo mesmo? Lembro de ter curtido a fase escrita pela Gail Simone que a Panini lançou em mini série faz muitos anos atrás. Esse encadernado eu compraria com certeza.

    ResponderExcluir
  6. Fala, Leo !

    Interessante esse lançamento do Deadpool. Mas não sei se vou acumular mais material desse personagem. Vou sondar mais um pouco pra ver o que decido a respeito.

    A banca que frequento está repleta de material do Deadpool. Mas estou desconfiando da qualidade disso tudo.
    Acabei de comprar o n° 4 do Martin Mystèri (vou colecionar esse treco) e o vol. 2 do Etrigan, Lendas do Universo DC, do Jack Kirby. Deixei passar o vol.1 após ler críticas um tanto quanto negativas aqui no "Submundo" com relação a falta de rimas nos diálogos do demônio. Mas, a julgar pela capa do vol. 2, nesta edição ele agora fala através de rimas: "Vou manifestar cada ser terrível já imaginado por sua mente! Você será capaz de suportar?", diz o balão na capa.
    Vi na banca os dois últimos exemplares desta ediçãi do Etrigan e tratei de comprar logo. Se ele está rimando ou não agora, ainda não sei. Tomara que sim. Vai pra pilha de leitura pra posterior constatação.

    Abs !

    ResponderExcluir
  7. Leo ainda vale a pena comprar dvds?

    ResponderExcluir
  8. Espero que Deadpool emplaque mais.

    ResponderExcluir
  9. Pelo visto esse Deadpool clássico vai até a fase Gail Simone e a criação do Agente X.

    Demorou mas vamos ter tudo do Deadpool finalmente publicado e de quebra em formato honesto. Muito herói consagrado deve estar com inveja.

    E só precisamos esperar... duas décadas! rs

    ResponderExcluir
  10. Tenho acompanhado esses encadernados do Deadpool e o material no início é bem simbólico do que a Marvel fazia nos anos 90, me fazendo lembrar porque deixei de acompanhar os quadrinhos da editora na segunda metade da década. Mas depois fica uma leitura leve e descompromissada, com alguns momentos divertidos (como aquele em que o Deadpool vai parar numa história do Homem-Aranha da era Lee/Romita), que dá pra ler sem maiores problemas.

    A fase do Priest a frente do Pantera é muito boa. Comprei uns TPBs gringos há um tempo atrás (época de dólar baixo e salário todo mês) e gostei muito do que li. Tem uma pegada bem diferente do que já havia sido feito com o personagem e merece atenção por parte da Panini para uma republicação (ou publicação, confesso que não sei se esse material saiu por estas bandas em algum momento).

    ResponderExcluir
  11. "A fase Palmiotti é bem ruim (li em scan)"


    E aí, Lierson... blz?

    Putz, não sabia q era tão ruim assim (nunca li)... Mas é uma pena, pois as capas são mto bonitas (e logo teria um confronto entre "Deadpool X Justiceiro", q eu tava botando fé q fosse ser bom, rs)!

    Mas enfim... O Vol. 9, pelo menos, ainda acho q vale a pena pegar pra encerrar de vez todo esse ciclo inicial do deadpool!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entre o Joe Kelly e a Gail o título original do Deadpool definhou. A Gail estava conseguindo reavivar o personagem até que uma decisão editorial equivocada obrigou o relançamento como Agente X (X-Force e Cable também foram relançados com outros títulos, igualmente sem sucesso), o que enterrou de vez a série.

      Excluir
    2. Acho que o Justiceiro vs Deadpool (com capa do Steve Dillon) já não é do Palmiotti, deve ser do Frank Tieri. Mas enfim, a história do Palmiotti com arte do Chadwick (Concreto) eu achei bem fraca, embora as capas do Jusko fossem promissoras.

      Excluir
    3. "X-Force e Cable também foram relançados com outros títulos, igualmente sem sucesso"


      Oi, Hunter... Eu lembro disso:

      Acho q foi nessa mesma lambança editorial q o "Cable" virou o "Soldado X", né? Aliás, outra q foi limada sem dó por aqui, rs!

      Abs!

      Excluir
    4. "Acho que o Justiceiro vs Deadpool (com capa do Steve Dillon) já não é do Palmiotti, deve ser do Frank Tieri"


      E aí, Lierson... blz?

      Sobre esse pequeno arco de 2 histórias de "Deadpool X Justiceiro"... Encontrei estes créditos na sinopse:

      Cover by Tim Bradstreet. Written by Jimmy Palmiotti and Buddy Scalera; art by Georges Jeanty and Jon Holdredge.

      E pra quem quiser conferir as capas (ambas mto legais):

      https://d1466nnw0ex81e.cloudfront.net/n_iv/600/919135.jpg

      https://d1466nnw0ex81e.cloudfront.net/n_iv/600/1105407.jpg

      Abs!

      Excluir
    5. Soldier X sim. Era uma ótima série, por sinal!

      Excluir
    6. Acho q não chegamos a ter nenhuma história do "Soldado X" no Brasil... não q eu me lembre, ao menos!

      Abs!

      Excluir
    7. Até onde sei, foi uma briga judicial entre a Marvel e o criador dos personagens. O homem, a lenda, o mito Rob Liefeld.

      A X-Force virou X-Taticos (a série vinha perdendo força). O Agente X começou bem mas com a saída da Gail ele foi destruído pelo sucessor.

      Soldado X eu nunca vi. Lembro vagamente de uma história com o Cab... Soldado X empunhando uma lança psiquica.

      Excluir
    8. Opa... Tens razão, SEMI:

      Agora q vc falou, lembrei de ter lido algo assim na época: sobre a mudança de nome dos títulos por causa do "MESTRE", rs...

      Seja como for, parecem ter se acertado logo em seguida pelo visto (já q não tardou pra voltar tudo ao normal)!

      E verdade... O "Agente X" foi completamente descaracterizado pelo sucessor da Simone. Até os personagens coadjuvantes ficaram irreconhecíveis (até a mocinha "Sandy" conseguiu virar uma ninfomaníaca de uma história pra outra, rs - e o violento "Treinador" aceitou levar um chifre na boa, fugindo completamente do perfil mostrado até então)! Um desastre editorial, rs!

      Abs!

      Excluir
  12. "Nada de titãs aqui em Aracaju. Estou começando a ficar preocupado."


    E aí... blz?

    Bem, aqui pro sul demorou bastante tbm, hehe... Recém ontem comprei o meu "Titãs" 1 (agora é esperar o Vol. 2 q logo deve estar saindo por aí)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  13. "Mas curto o Deadpool Nova Marvel que estão saindo em capa dura"


    E aí, Roberto... blz?

    Eu até q tô curtindo as 2 fases ao mesmo tempo: A "Clássica" (q tá cheia de material INÉDITO) e a da "Nova Marvel" (em capa-dura)... q aliás, saiu tbm o Vol. 5 agora com o "Casamento de Deadpool" (essa eu comprei ontem - junto com os "Titãs" q mencionei acima - e tá mto boa mesmo, rs)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, LEO!
      Essa fase do Deadpool Nova Marvel tenho inclusive toda a mensal (3ª série) que vai até a "morte do Deadpool" mas também estou pegando os encadernados. Achei que não sairia encadernada e corri atrás das mensais. A edição do "casamento" não peguei ainda, mas a história é bem legal. Acho que o melhor dos encadernados foi "O bom, o mau e o feio" mas os demais são legais e valem a pena. Roberto Xavier.

      Excluir
    2. Oi, Roberto... Essa fase da Nova Marvel eu não tinha lido na época, pois a panini fez a burrada de ter jogado os primeiros arcos na mensal dos "XM Extra" (q eu não iria comprar apenas por 1 única história de um mix de 6 ou 7)!

      Assim, tô mto satisfeito em redescobrir esse material com os atuais encadernados...

      Abs!

      Excluir
  14. "Confesso que nunca fui fã do Deadpool, mas os filmes dele estão mudando um pouco a minha opinião sobre o personagem"


    Oi, Elcio... Tdo bem?

    A capa desse Vol. 9 foi uma decisão acertadíssima mesmo... Embora, na realidade, essa capa seja da revista do "Pantera" (nº 23), hehe! Mas a sacada foi boa, já q os 2 personagens tiveram FILMES de sucesso recentemente (gostei mto do 2º filme do "deadpool": mais engraçado e zueiro q o 1º, rs)!

    E realmente... O "deadpool" é meio diferenciado do resto dos gibis Marvel, pq o estilo de humor costuma quebrar a tal parede q existe entre o leitor e a história em si: Tornando-se uma divertida farsa (na qual o personagem se assume como se fosse um ATOR interpretando um papel e o leitor assistindo tudo na plateia)!

    Um camarada meu tem uma teoria interessante sobre o "deadpool"... Segundo ele, o personagem é o equivalente ao "Homem-Aranha" da nova geração. Ou seja: Ele é o "engraçadinho" da vez, só q com os requisitos q mais agradam aos jovens leitores modernos: Nada de ser bonzinho, o "deadpool" faz piadas enquanto mata seus inimigos das formas mais violentas possíveis (agradando ao leitor q tbm curte GAMES igualmente violentos). A figura do herói "bom-moço" com princípios e virtudes, soa meio ingênua nos dias de hj (e anti-heróis como o deadpool acabam se destacando e se aproximando mais do leitor)!

    Faz sentido... eu concordo com essa teoria do meu camarada (acho q é bem por aí mesmo, e isso explica o fenômeno "deadpool" na mídia, e de quebra tbm explica a "Arlequina" (q passou a ser um símbolo pras meninas mais modernas e de atitude). "Deadpool" e "Arlequina" tem mais em comum do q se imagina em matéria de aceitação e engajamento do público e da mídia!

    Abs!

    ResponderExcluir
  15. "Caramba, já saíram 9 volumes de "clássicos" do Deadpool!? Desse jeito parece que vão lançar TODAS as histórias já feitas com o personagem em encadernados, né, tipo Hellblazer?"


    E aí, Guilherme... blz?

    Pois é, tá indo rápida essa coleção do "Deadpool Clássico"... Tem mto medalhão da Marvel q não teve o privilégio de ter uma coleção desse porte, rs!

    Mas acho q devem publicar tudo sim... foram 69 edições ao todo da série regular: e depois a revista se tornou o "Agente X" (essa fase eu já acho q podem pular e ficar só enquanto ainda era o "deadpool")... A propósito, essa fase da Gail Simone é a última de todas (se não me engano vai do nº 65 ao 69 - são apenas umas 5 histórias mesmo)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  16. "A banca que frequento está repleta de material do Deadpool. Mas estou desconfiando da qualidade disso tudo."


    E aí, Antonio... blz?

    É melhor ter um certo cuidado mesmo com essa quantidade excessiva de títulos do "deadpool" nas bancas... Pois tenho certeza absoluta q deve ter mta porcaria aí no meio tbm, hehe. Da minha parte, coleciono só a "Deadpool Clássico" e os encadernados da "Nova Marvel" (a última foi o "Casamento" do deadpool): Essas, tão mto boas na minha opinião (mas é um personagem pra se amar ou odiar, rs)!

    Qto ao "Etrigan"... Como já explicaram aqui (acho q foi o Hunter q falou), na fase Kirby não era pra ele estar rimando: Isso era algo q veio em fases posteriores. Seja como for, tô esperando sair aqui esse Vol. 2 pra ler tudo junto, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  17. "Leo ainda vale a pena comprar dvds?"


    Não... DVD é tecnologia já superada pelo Blu-ray E agora pelas plataformas tipo Netflix (q se desenham pra ser o futuro do cinema em casa)! Comprar DVD hj é rasgar dinheiro!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso o mesmo. Apesar de achar que as exceções são os filmes ou séries raras que dificilmente se encontrará depois tipo Além da Imaginação e outras naftalinas do tipo.rs Roberto Xavier.

      Excluir
    2. Depende né Leo...não sei se concordo muito contigo nesse lance...há toda uma gama de filmes que são ignorados pelos serviços de streaming e que não tem lançamentos em bluray (e cujo ganho de imagem em alguns casos...como de filmes mais antigos e se tua TV não é tão gigante... não é tão significativo...logo não vale pagar o preço exclusivo do bluray). Basta dar uma olhadinha rápido no catálogo excelente da Versátil e da Obras primas do cinema...pra citar dois exemplos rápidos...pra ter uma ideia do que estou falando. Fora que no streaming...se vc gostar do filme...acabou o contrato ele não está mais disponível. A compra de DVDs é para muitos o que é a compra de HQs para vcs. Abraços

      Excluir
    3. Nem se for a trilogia de Senhor dos Anéis? rs

      Excluir
    4. Pois é, mas no Brasil o formato blu-ray não é tão acessível. Tanto que nem se vê à venda aparelhos reprodutores de blu-ray. O DVD ainda é difundido mas como tu mesmo disseste Leo, tem Netflix e "meios ilegais" então comprar DVD não é negócio.

      Excluir
    5. "Apesar de achar que as exceções são os filmes ou séries raras que dificilmente se encontrará depois"


      E aí, Roberto... blz?

      Concordo contigo, pois eu mesmo tenho cerca de 1.500 DVDs: Uns 250 originais e o resto tudo cópias q eu mesmo fiz, hehe... Tenho filmes raríssimos e modéstia à parte, um dos acervos de pornochanchadas e filmes de kung-fu mais invejáveis entre os entusiastas desses gêneros. E é claro q nem cogito me livrar disso, pois sei q tenho coisas q JAMAIS terei acesso novamente, rs!

      O qa eu falo mais é sobre filmes mais novos, tipo: "Vingadores - Guerra Infinita"... Eu já não compraria um DVD disso (por ser uma tecnologia ultrapassada e cuja qualidade será considerada mto baixa pelas próximas tecnologias: principalmente de televisores)!

      Abs!

      Excluir
    6. "há toda uma gama de filmes que são ignorados pelos serviços de streaming"


      E aí, Fábio... blz?

      Eu tava me referindo mais ao FUTURO... Sei q hj as plataformas streaming ainda estão mto deficitárias e com poucas opções (Aquelas séries q eu mencionei nos LIVROS do mês passado aqui no blog: "Kung Fu", "Ultraman", e "Hulk", por exemplo: não tem na Netflix e nem em outras q eu saiba)!

      MAS, eu tava me referindo mesmo à alguns (poucos) anos no futuro... Estive em um seminário de comunicação em q um especialista em novas tecnologias (e professor nos EUA) era convidado do evento e falou q essas plataformas daqui há alguns anos vão suplantar até mesmo os Blu-rays: tanto pela proliferação das mesmas (q proporcionarão milhares e milhares de filmes) qto pela capacidade de se adaptarem às NOVAS TVs q irão surgir com tecnologia além da 4K q é vendida atualmente como TOP de linha. Segundo ele, o baixo custo dessas plataformas vão suprir as necessidades de se comprar filmes em forma física!

      É uma questão mto parecida com a luta entre gibis impressos e digitais... com a diferença q as plataformas streaming vão acabar ganhando a briga contra o filme FÍSICO mais fácil dom q tá sendo pros scans ganharem do papel, rs!

      Abs!

      Excluir
    7. "Nem se for a trilogia de Senhor dos Anéis? rs"


      Mto menos esses, hehe...

      Te confesso q me arrependi de ter comprado os DVDs de "SDA"... Pois a imagem deles hj me dá pena qdo vejo um filme na Netflix (com alta resolução)! E qto MAIOR for a TV, pior fica a imagem do DVD (principalmente acima de 50 ou 60 polegadas)!

      Abs!

      Excluir
    8. "Pois é, mas no Brasil o formato blu-ray não é tão acessível."


      Verdade, Lierson...

      Mas sabemos q basta uma internet um pouquinho mais rápida, pra se baixar filmes com qualidade até superior ao Blu-ray, hehe!

      Além do mais... já tem vários discos de blu bem baratinhos na Saraiva e Americanas!

      Abs!

      Excluir
    9. Pra filme novo não tem nem discussão...o Blu-ray é bem superior. Só esperar promoção. Óbvio que estava me referindo aos meios legais...pelos ilegais não há competição...o nível de acesso e conteúdo é sem precedentes kkkk
      Agora se você realmente gosta do filme e quer ter o mesmo...o streaming é a pior opção..pois uma hora saí do catálogo. Sobre o futuro...tudo que for físico vai ser material de nicho bem reduzido na minha opinião...embora eu ache chato um mundo 100% na nuvem. Abcs

      Excluir
    10. E aí, Fábio... blz?

      Nesse seminário q eu fui sobre novas e futuras tecnologias... Um dos pesquisadores e palestrantes concluiu q no futuro as plataformas streaming oferecerão outras opções até pra quem quiser TER um determinado filme e armazená-lo numa espécie de super-pendrive ou HD externo de tamanho minúsculo: com mta capacidade (pra milhares de filmes) e q cabe até num chaveiro!

      E isso0 será um caminho meio q natural... ainda mais se levarmos em conta o espaço físico considerável q hj ocupam as séries de TV em boxes de DVD ou Blu-ray. Vai chegar um ponto em q o colecionador vai querer ter mta coisa e não terá espaço em casa pra tal (eu por exemplo, já apanho feio pra guardar milhares de DVDs, mesmo em envelopes de papel fininhos)!

      E tem outra... As TVs gigantes (60 polegadas pra cima) já começaram a baixar de preço e uma tendência pra um futuro próximo é se popularizarem cada vez mais (q nem foi a TV 42' q hj em dia até as pessoas de mais baixa renda conseguem comprar - com um pouco de esforço nas contas). E falo isso, pq a imagem de um DVD já começa a sofrer bastante acima de 60 polegadas. É de se pensar lá na frente até qdo irá a vida útil do DVD qdo não aguentar uma TV de grande porte?

      Abs!

      Excluir
    11. Eu ainda sigo comprando meus filmes em dvd. Só os da Marvel e Star Wars que, por um padrão colecionista,eu pego em blu-ray (mais pelos extras)

      Excluir
    12. Lembrando que a qualidade de imagem em streaming é quase sempre consideravelmente inferior ao de uma mídia física (exceto, possivelmente o do sistema da Amazon) e muitas vezes o consumo de energia ao rodar o filme por streaming é bem maior do que ao assiti-lo por meio de um programa separado. O delay que streaming pela internet tem com relação aos outros meios é um empecilho sério para futebol e talvez alguns outros esportes.

      Sem contar questões menos palpáveis, como catálogo ruim (especialmente fora dos EUA), suporte a DRM (necessário para poder fazer download de vídeos do Netflix por exemplo) atentar contra a liberdade de escolha do usuário, etc...

      Excluir
    13. E aí, Kromak... blz?

      Não sei dizer se é a minha TV, mas a qualidade dos filmes q vejo na Netflix é (bem) melhor q a de um DVD e igual à de um Blu-ray... Mas de vez em qdo rolam uns segundos em q a qualidade fica em resolução baixa (logo volta ao normal): Porém, não sei dizer se esse problema é por causa da minha internet? (já pensei em aumentar a velocidade pra ver se resolve)!

      Agora... o catálogo da Netflix é bem ruinzinho pra filmes mesmo: mta coisa manjada e poucas opções legais pra determinados gêneros. O q salva são as séries mesmo!

      Abs!

      Excluir
  18. "Espero que Deadpool emplaque mais."


    E aí, Fabiano... blz?

    O "Deadpool" até q tá mto bem na fita... Ele tem uma revista mensal, mais a "Deadpool Extra", "Deadpool Clássico", encadernados de luxo da "Nova Marvel", e especiais esporádicos q saem todo mês (tipo: "Deadpool Massacra a Marvel"). Tem mto herói mais famoso q não tem essa quantidade toda de gibis no mês, hehe!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Tem mto herói mais famoso q não tem essa quantidade toda de gibi..."
      Superman por exemplo...em pleno ano de aniversário de 80 anos. Esperava o lançamento de materiais mais relevantes sem contar as republicações. A fase John Byrne e a fase Exilado escrita pelo Roger Stern estão entre os melhores do personagem mas a Panini não tem muito essa coisa de aproveitar bons momentos como esse para alavancar vendas. O que a editora é boa mesmo é em cobrar caro, despejar produtos com erros e defeitos e reclamar do mercado quando encalha HQs que poucos poderiam comprar pelo preço praticado.
      Fiz alguns testes com edições Omnibus apesar de achar o custo benefício legal ler esse tipo de material é incomodo pela qtde de páginas, abertura e peso. Se não fosse isso teria abandonado a Panini de vez. Não estou muito longe disso pelos preços. Reduzi bastante o que comprava estou apenas dando continuidade as coleções já iniciadas e após conclui-las pretendo pegar esporadicamente materiais da Panini. Acho que já estou com muito do que gostaria e posso começar a pensar em reduzir um pouco a coleção também. Preço altos, falta de espaço e de tempo pra ler são as combinações explosivas pra afastar qualquer colecionador. Rs. Valeu!

      Excluir
    2. "Superman por exemplo...em pleno ano de aniversário de 80 anos."


      Verdade, amigo...

      A Panini adora perder essas datas comemorativas, né? Por exemplo, o "Centenário Kirby" foi no ano passado, mas somente neste é q estamos vendo uma maior movimentação pra trazer os títulos dele (Etrigan, e mais pra frente "possivelmente": O "4º Mundo" e "Kamandi")!

      Com relação aos "Omnibus"... Tbm acho incômodo de ler e manusear (ainda mais pra mim, q leio deitado de barriga pra cima com o gibi na barriga, rs)! Já os encadernados americanos mais econômicos da linha "EPIC" eu gostei: Eles possuem cerca de 500 a 600 pág, mas em capa-cartão, o q diminui o peso em relação aos omnibus!

      E concordo contigo... Eu tenho uma PILHA cada vez maior e mais absurda de gibis e livros atrasados pra ler: Te confesso q a ideia de dar um tempo nos gibis (q não sejam ESSENCIAIS pra mim) é algo q não me sai da cabeça!

      Abs!

      Excluir
  19. "Pelo visto esse Deadpool clássico vai até a fase Gail Simone e a criação do Agente X."


    E aí, SEMI... blz?

    Eu tbm acho q a coleção de "Clássicos" vai terminar com a fase Gail Simone e a transição pra "Agente X" (mas acaba aí, duvido q republiquem a série toda do "agente", e nem teria pq - a meu ver)!

    Pelos meus cálculos... Isso iria até o Vol. 12 de "Deadpool Clássico" (faltariam mais 3 edições pra fechar tudo então)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  20. "A fase do Priest a frente do Pantera é muito boa. Comprei uns TPBs gringos há um tempo atrás (época de dólar baixo e salário todo mês) e gostei muito do que li."


    E aí, Nuno... blz?

    De fato, essa fase do "Pantera" é mto boa... e é outra q ficou INÉDITA no Brasil (foram umas 60 edições ao todo): Mas espero q com o sucesso estrondoso do FILME, a Panini esteja cogitando a ideia de trazer essa e outras séries do "Pantera" pras bancas (seriam mais q bem-vindas)!

    Qto ao momento em q "Deadpool" vai parar numa história do Homem-Aranha da era Lee/Romita... Essa até hj é considerada por mtos como sendo A melhor HQ do personagem (e é a minha favorita mesmo, rs). Saiu aqui 3 vezes: no "Almanaque Marvel" nº 3 da Pandora, no "Deadpool Clássico" 4, e no "Deadpool Antologia"!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O estar inédita no Brasil não surpreende, porque ela foi um custoso fracasso comercial nos EUA. Por ser da linha Marvel Knights, Quesada manteve a revista em publicação - mesmo sendo com folga a menos vendida da Marvel! - muitos e muitos anos a mais do que deveria.

      Excluir
    2. E aí, Hunter... blz?

      Puxa, eu não sabia q o "Pantera" tinha sido um fracasso tão grande assim nos EUA... justamente pelo fato de ter durado umas 60 edições E por ser uma das mais elogiadas pelos leitores na época (eu ainda acompanhava os fóruns americanos de nerds no início dos anos 2000, rs)!

      Mas mesmo assim... A Abril E Panini tbm publicavam outros fracassos comerciais (e de qualidade BEM inferior) sem titubear mto. Podiam ao menos ter arriscado uns arcos com o "pantera", né?

      Abs!

      Excluir
    3. Sem contar o Figa dizer que o personagem não tinha carisma algum e as histórias eram só razoáveis.

      Excluir
    4. Esse Figa parece um piadista às vezes, rs...

      Eu ri qdo ele anunciou a "revolução" q a Abril tava fazendo ao investir nas coleções de luxo da Disney... como se a editora já não estivesse há 10 ANOS de atraso em relação à panini nesse setor, rs!

      Abs!

      Excluir
    5. Sobre o Sr. Figa, O Humorista. Muitos gestores incompetentes são assim, batem no peito e soltam rojões qdo fazer um pouquinho além do básico. Mas se mantém geralmente nos cargos pela "social" que fazem com os superiores e para os que estão abaixo mostram diariamente a falta de trato e habilidade com o negócio.
      Gosto muito dessa frase:
      "Se não pode fazer o que gosta, comece a gostar do que faz!"
      As maioria desses editores são inaptos no trato com o consumidor e na maioria das vezes mostram que não gostam do fazem ou com o que trabalham.
      O Figa há 10 anos atrasado com o mercado de luxo parece ter sido um dos mentores de lançar aquela enxurrada de edições capa dura da Disney de uma vez sem dar chance ao mercado absorver tanta coisa. Rs. Acho que ele no fundo quis compensar o que não lançou nos últimos 10 anos no último suspiro da Abril. O típico executivo acomodado que se movimenta apenas qdo a água bate na bunda. Nesse caso já estava no pescoço e não teve tempo se afogou
      Roberto Xavier

      Excluir
    6. Bem nessas, Roberto...

      Analisando essa reta final da Abril... A impressão q fica é de q tentaram em apenas 2 anos lançar TUDO q deixaram de publicar na última DÉCADA!

      Chegou num ponto em q ficava impossível pro leitor (mesmo o de maior poder aquisitivo) comprar tanta coisa ao mesmo tempo... Eu, por exemplo, ainda fazia um esforço pra manter as coleções do Barks, Anos de Ouro do Mickey, e Don Rosa: Mas em compensação, abri mão do "Pateta Faz História", "Peninha", e de mais da metade dos "Manuais"!

      Faltou bom senso na "dosagem" de lançamentos... fazendo com q uma coleção "canibalizasse" outra da mesma editora e do mesmo gênero. Se isso não for incompetência, me desculpem, mas não sei o q mais seria?

      Abs!

      Excluir
  21. estranhos no paraiso R$ 105,00 assim complica. E são 6 volumes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Complica bastante mesmo...

      É mais uma série boa q ficará restrita à um pequeno números de leitores mais afortunados ($$$), hehe!

      Abs!

      Excluir
    2. Nada que um Visa Checkout não resolva. rs

      Excluir
  22. É uma derrota para o mercado nacional de hqs quando qualquer editora adota a politica de exclusividade com a amazon. Recentemente a editora Pipoca e Nanquim disponibilizou uma ediçao exclusiva de 5 por infinito com autografo de esteban maroto apenas para a amazon.Uma pena porque a editora PN que tem um excelente catalogo é dominada pela amazon.Na minha visao um desrespeito com os leitores da editora.

    Abs leo

    Leonardo Cabral

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em todo mundo é assim e com qualquer produto colecionáveis. Um empresa faz acordo exclusivo com outra empresa e lança produtos exclusivos. Essa é uma das vantagens do livre mercado.

      Excluir
    2. E aí, Leo... blz?

      Apesar da P&N já ter anunciado vários produtos "exclusivos" pela Amazon... Os mesmos já andaram aparecendo em lojas físicas (especializadas em HQs), tipo a Tutatis aqui em POA (q costuma receber todo o acervo da P&N)!

      O mesmo vale pra outras publicações, tipo um encadernado da "MAD" só com arte do Sérgio Aragonés... q foi anunciado como "exclusivo" apenas da loja Comix, e acabei comprando na Tutatis (q recebeu meia-dúzia de exemplares)!

      Abs!

      Excluir
  23. Do Deadpool, espero Deadpool versus Justiceiro. Vi varias criticas e ta sendo elogiada la no gringo, e dizem ser bem violenta.

    Mas vim mais pra comentar sobre Etrigan do Kirby. Acabei de ler ontem e é um material muito bom no geral. Só n curti a última historia (edição 16), foi claramente corrida e apressada. Provavelmente a DC disse a ele pra concluir e que não daria mais edições ou ele mesmo pediu para encerrar na 16, para ir fazer outro material (n sei). Ele geralmente usa duas edições para contar as historias do Etrigan, cada arco.

    Enfim, Etrigan do Kirby é muito bom, funciona como uma grande saga, pois tudo se conecta e existe um crescimento dos personagens ao decorrer da série.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Camus... blz?

      Esse do "Deadpool X Justiceiro" deve sair aqui com toda certeza... Mas antes teremos: "Deadpool X Deadpool" (já nas lojas) e "Deadpool X Zumbis" (ou algo assim, rs)!

      E tô lendo o "Etrigan" às pressas pra ver se consigo incluir no próximo "Review" do blog... Por enquanto, li apenas o Vol. 1 e tá mto bom mesmo: Só fiquei chateado pelo q vc falou, da série ter terminado de forma corrida. Provavelmente, isso deve ter sido algum tipo de interferência da DC pra ele encerrar logo a série (é possível sim)!

      Abs!

      Excluir
    2. Na verdade kirby nunca gostou de fazer etrigan. Ele queria continuar com o quarto mundo. A dc que obrigou ele a fazer algo de terror e ele criou o personagem.

      Excluir
  24. Sem chance de ser igual a de um Blu-Ray. A taxa de codificação de um vídeo por streaming é muito, mas muito mais baixo que a de um Blu-Ray. Vídeos por streaming geralmente usam 1200-1700kbps a 1280x720, enquanto um blu-ray deve usar ao menos 3-5x tais valores, quando usando x264 para codificação.

    E isso mata os detalhes finos da imagem, além de causar borrões em imagens em movimento rápido.

    Em dvd a diferença também existe, mas é menor e tem que ser feita comparando filmes da mesma resolução, de nada adianta pegar um filme em streaming a 1280x720 ou superior e comparar com o do Dvd a 720x480 ou 720x576 que o do Dvd sempre parecerá mais borrado (se a tela for suficientemente grande, o que creio ser seu caso)

    Mas para perceber isso tem que estar acostumado a procurar esse tipo de detalhe. E não pode estar muito distante da tela.

    O seu problema parece ser mesmo de velocidade de internet. Faça um teste :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Metendo a minha colher um pouco, agora que estou na Europa eu percebi que a qualidade da maioria dos DVDs brasileiros é MUITO ruim! Tem resolução inferior e muito menos extras do que os DVDs europeus!

      Geralmente um bom DVD é tão bom quanto um streaming. Um blu-ray é bem melhor! Mas nem sempre é visível isso em filmes antigos (pré-2000) não remasterizados, cuja qualidade da imagem pode não ser grande coisa em nenhum dos formatos.

      Excluir
    2. Esses números de nada valem se pegarem uma matriz ruim. Já vi muito dvd autorado a partir de fonte porca com imagem pior que a de vhs. Blu-ray eu vi poucos, mas deve ter muito cabrito por aí. VCD disfarçado de raio azul. rs

      Excluir
    3. Hunter e SEMI...

      Acho q a minha visão do Blu-ray é meio q por aí, pois os poucos filmes q vi em Blu-ray são mais antigos (só os classicões dos anos 80 - q eu gosto). E sendo assim, não senti tanta diferença pros mesmos filmes q vejo na Netflix!

      Pode ser q eu notasse mais a diferença nesses filmes mais modernos... mas como só tenho coisas mais antigas tipo: "Robocop", "Predador", "Stallone Cobra", "Rambos" e "Comandos", é como se eu usasse uma BAZUCA pra matar uma mosca, rs!

      E não me surpreende nem um pouco o0 fato dos DVDs no exterior serem superiores aos brasileiros... Pq não estou surpreso? (Vai Brasil, kkk)!

      Abs!

      Excluir
    4. Mas em Robocop, por exemplo, a mais recente versão remasterizada inclui algumas cenas de violência cortadas porque o filme tinha ficado para maiores de 18 (!) quando tentaram exibi-lo originalmente. Não há uma versão antiga com isso!

      Excluir
    5. Oi, Hunter... blz?

      A versão q eu tenho é importada, mas te confesso q já vi o filme tantas vezes (umas 50 talvez, rs)... q posso ter me confundido com as cópias q tbm tenho em DVD (original e pirata - com a versão estendida do diretor)!

      Eu já tô ficando gagá aos 46... q dirá mais uns anos pela frente, hehe!

      Abs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...