28/04/2018

Review: "Demônios", "Homem-Aranha - A Morte da Tia May", "Superman - Curt Swan", e Mais...

Novos "Reviews" na área com MAIS uma fornada de gibis comentados. As avaliações seguem a escala de NOTAS: "RUIM" [☆], "REGULAR" [☆☆], "BOM" [☆☆☆], "MUITO BOM" [☆☆☆☆], e "EXCELENTE" [☆☆☆☆☆]!

Neste "Review" tem: "Demônios", O "Despertar de Cthulhu", "O Rei Amarelo", "Homem-Aranha - A Morte da Tia May", "Homem-Aranha - O Rapto de Mary Jane", "Superman - Lendas do Homem de Aço" (de Curt Swan), "Peninha" (Vol. 1), "Os Anos de Ouro do Mickey 14 - No Mundo do Amanhã", "Mulher-Aranha" (Salvat Vermelha), e "Scooby - Apocalipse"!

Confira abaixo... (lembrando que as opiniões e críticas nesta coluna são meramente pessoais):

"Demônios" + O "Despertar de Cthulhu" + "O Rei Amarelo": Essas 3 edições formam a "Trilogia das Cores" da Editora Draco (Vermelho, Verde, e Amarelo: São - respectivamente - as cores predominantes em cada Vol). É um projeto nacional com HQs curtas de terror (sobre cada tema proposto) feitas por diversos artistas (de estilos variados). Em "Demônios de Goetia", 72 entidades satânicas surgem em 8 contos onde a maldade e corrupção humana não tem limites! O "Despertar de Cthulhu" é baseado na obra de H.P. Lovecraft, onde um monstro abissal corrompe a alma dos incautos com sua presença sinistra! E o "Rei Amarelo" revive a obra de Robert W. Chambers (um livro de 1895), sobre uma peça de teatro maldita que enlouquece todos que a leem! As 3 edições mantém o mesmo nível de terror psicológico, visceral, e perturbador: E devem agradar em cheio quem busca um terrorzão bem violento e sanguinário. Pena que a arte seja irregular em algumas histórias devido à rotatividade de artistas de estilos diferentes! NOTA (a mesma pras 3 edições): "BOM" [☆☆☆]!

"Mulher-Aranha" (Salvat Vermelha): Jéssica Drew já foi uma Agente da Hydra (sua 1º HQ vem de "brinde" nesta edição da Salvat) só que seguiu carreira como super-heroína... e agora ela faz parte da 1º linha de defesa contra alienígenas "Skrulls" espalhados pela Terra (após os eventos da mega-saga: "Invasão Secreta"). De Brian Michael Bendis & Alex Maleev (Demolidor), esta HQ (publicada originalmente em: "Spider-Woman" 1-7 de 2009) estava INÉDITA no Brasil até hoje (sabe-se lá por que a Panini resolveu pular este arco)? E curiosamente, chegou a gerar até mesmo um "desenho DESanimado" (disponível no Youtube) no estilo daqueles que a Marvel fazia nos anos 60, rs. A história é boa, mas tem um problema que incomoda (um pouco) durante a leitura: O fato de parecer que estamos lendo uma HQ da "ALIAS" (Jessica Jones), rs - pois o Bendis não conseguiu se desvencilhar da personagem que escreveu pra linha MAX! NOTA: "BOM" [☆☆☆]!

"Superman - Lendas do Homem de Aço" (de Curt Swan): Esta edição chegou a ser anunciada aqui no blog no ano retrasado, mas somente agora foi lançada em comemoração aos 80 anos do "Super". Curt Swan teve uma longa carreira nas HQs do Homem de Aço, passando 3 décadas à frente dos gibis do herói. Diante de tanto tempo de materiais produzidos pelo artista, a Panini resolveu publicar o arco: "Kryptonita Nunca Mais" (do início dos anos 70) escrito por Dennis O’Neil. É um boa sequência de histórias: Menos ingênuas do que no auge da Era de Prata, mas ainda assim um material Pré-Crise (não custa avisar). Porém, uma polêmica envolveu a edição da Panini: a qualidade abaixo dos padrões normais de colorização. O TP americano é assim mesmo, não houve um tratamento adequado de cores (e já estamos acostumados com uma qualidade melhor). Mas avaliando-se o conteúdo em si, ainda vale a pena ter essas histórias na coleção! NOTA: "BOM" [☆☆☆]!

"Homem-Aranha - A Morte da Tia May" + "Homem-Aranha - O Rapto de Mary Jane": DOSE DUPLA da coleção aracnídea da Salvat... Na 1º, temos uma sequência de histórias publicadas originalmente em: "Amazing Spider-Man" 194-200 (que saiu aqui no "Aranha" da Abril nº 7-9), que apresentam: A 1º aparição da "Gata Negra", A trágica "morte" da Tia May (entre aspas, porque sabemos que isso NÃO ocorreu - foi "pegadinha do Malandro", rs) e o reencontro do Aranha com o assassino do Tio Ben. De Marv Wolfman & Keith Pollard, essas histórias são o retrato de uma fase inesquecível pro cabeça-de-teia. NOTA: "MUITO BOM" [☆☆☆☆]! Já o "Rapto de Mary Jane", traz material da fase McFarlane (Amazing Spider-Man 303-309) envolvendo: "Silver Sable", O "Gatuno", e um fã-psicótico apaixonado pela Mary Jane que a sequestra e mantém em cativeiro. Divertem e nada mais! NOTA: "BOM" [☆☆☆]!

"Os Anos de Ouro do Mickey 14 - No Mundo do Amanhã" + "Peninha" (Vol. 1): A coleção do "Mickey" de Floyd Gottfredson é um verdadeiro TESOURO nas bancas, boa parte dessa fase permanecia INÉDITA no Brasil até a estreia desta belíssima coleção, que publica as histórias em ordem cronológica. O Vol. 14 mostra a visão que se tinha na época (1943-1944) do que seria o "futuro" nos anos 2000 (é sempre engraçado ver como a ficção científica de gerações anteriores imaginava o "nosso" presente atual, rs). Essa história havia sido publicada uma única vez no Brasil em 1950. NOTA: "EXCELENTE" [☆☆☆☆☆]! E o "Peninha" ganha uma coleção de luxo (capa-dura) em 2 Vol. com todas as HQs de seus criadores: Dick Kinney & Al Hubbard. A edição tem quase 30 histórias (10 delas INÉDITAS no Brasil) produzidas entre 1964-1965, que trazem, é claro, a 1º aparição do "Peninha" e outras divertidas HQs com participação do "Pato Donald". NOTA: "BOM" [☆☆☆]!

"Scooby - Apocalipse": Vejam só o que diz a sinopse oficial: "Perambulando pelo mundo em sua característica van verde, a Máquina Mistério, eles resolveram incontáveis crimes e desmascararam suspeitosas atividades sobrenaturais. Mas e se as criaturas horripilantes fossem de verdade? Algo terrível modificou nosso mundo e transformou milhões de pessoas em uma horda de monstros. E apenas cinco pessoas – na verdade, quatro pessoas e um cão sarnento – têm o conhecimento, a habilidade e a coragem insana para encarar o fim do mundo. Será que essas crianças enxeridas e sua companhia canina – usando todas as engenhocas incríveis que possuem – conseguirão defender a praga que ameaça o planeta Terra?"... Pois então, essa HQ é ainda PIOR do que parece pelo texto acima, rs. Aliás, a CAPA (acima) já deixa claro o que esperar do gibi (um refugo dos anos 90 - com gente bombada e armada até os dentes). Sem mais - NOTA: "RUIM" [☆]!

Até+ 

121 comentários:

  1. Fala, Leo !

    Gostei desse Review ! Artigos assim merecem uma atenção especial de minha parte pois servem como referência imprescindível para determinar minhas aquisições.
    Então, vamos lá: desse material todo, só vou ficar mesmo com o Superman, de Curt Swan, e (futuramente) com o Mickey, de Gottfredson.
    Do Aranha, decididamente não comprarei NADA. Cheguei à conclusão que praticamente tudo fora da fase setentista pra baixo desse "bicho" é descartável. Só curto histórias do Homem Aranha publicadas antes da década de 80. Daí em diante, acho que é tudo embromação e fajutice caça-níqueis.
    "Mulher Aranha" ? Hahaha ! Outra armação da Casa das Idéias pra engabelar incautos. Nunca nem jamais compraria isso !
    Poderia ter me interessado pelos gibis de terror, mas o seu apontamento concernente a irregularidade na arte dos mesmos já fez com que estes também fossem logo descartados. Não adianta ter uma boa história se a arte não acompanha o ritmo e fica tropeçando através do enredo. Continuarei no aguardo dos vols. que ainda faltam do Providence e da CHM do Drácula.
    Me interessei pelo Peninha, mas, infelizmente, não sei se a relevância desse trabalho é tão grande assim pra merecer ter em casa mais uns volumes de algo que só iria ler uma única vez.
    Quanto ao Scooby, eu também concordo: a capa já denuncia o horripilante lixo que deve ter no seu conteúdo.

    Abs !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só avisando que essas histórias aí são dos anos 70, excetuando-se a última que foi publicada em Janeiro de 1980

      Excluir
    2. E a fase do Roger Stern nos anos 80 é uma das eras de ouro do personagem...

      Excluir
  2. Blz Leo?

    Eu já li esse arco de Curt Swan no Superman em uma edição P&B, da coleção invictus, da editora Nova Sampa. Era um arco bem legal e a arte muito boa, ainda mais sendo P&B. Embora prefira uma colorização mais atual, não achei que o tratamento feito tenha afetado a qualidade do material.

    Dessa coleção do Homem-Aranha, estou pegando pouca coisa; tanto pelos repetecos quanto pelo excesso de histórias pouco "inspiradas". A salvat está lançando praticamente toda a fase de Todd McFarlane nessa coleção.

    Tinha até potencial uma reimaginação do Scooby, pena que optaram pelos clichês noventitas. Vou esperar pelas edições da corrida maluca e do Batman vs Hortelino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renato França29/04/2018 01:24

      O Léo vai tomar um "Sonrisal" depois de ler isso. Mas Todd McFarlane é o melhor desenhista do Homem Aranha. Bom,gosto é gosto.

      Excluir
  3. O Rapto de Mary Jane saiu pela Abril em Homem-Aranha Anual 1. É uma história razoável. A edição do Peninha me interessa mas apenas com um bom desconto. A Salvat da Mulher-Aranha peguei pela arte do Alex Maleev, não li ainda, mas já desconfiava que seria nos moldes de Alias. Roberto Xavier.

    ResponderExcluir
  4. Renato França29/04/2018 00:11

    Mulher Aranha é um dos poucos personagens do segundo escalão que já teve série animada. Meu episódio preferido é dos "Monstros da Literatura"

    ResponderExcluir
  5. "Então, vamos lá: desse material todo, só vou ficar mesmo com o Superman, de Curt Swan, e (futuramente) com o Mickey, de Gottfredson."


    E aí, Antonio... blz?

    Brigadão mesmo por ter curtido este "Review"... Eu queria poder produzir MAIS postagens assim (com avaliações de leituras) mas, infelizmente, é o tipo de matéria q fica difícil encaixar na minha rotina diária (trabalho, família, etc) pois uma matéria assim exige q eu LEIA pelo menos 10 encadernados numa tacada só pra poder comentá-los e avaliá-los, hehe!

    Mas vc fez boas escolhas... e fico feliz em poder contribuir com os leitores do blog com dicas e sugestões de leitura (embora eu sempre faça questão de ressaltar q minha opinião e gosto pessoal pode ser bem divergente e não coincidir com a dos demais leitores): Esses "Reviews" são apenas pra dar uma "ideia" do q se esperar de um determinado gibi, rs!

    Qto ao "Aranha"... Minha fase preferida sempre vai ser a do Romita-Pai (anos 60) seguida do material q veio nos anos 70 (Gil Kane, Ross Andru, etc). Mas essa ed. da "Morte da Tia May" ainda pega essa fase boa da finaleira dos anos 70 (as histórias são de 1979 e eu acompanhei nos primeiros números (7 a 9) da mensal do Aranha pela Abril!

    Sobre os 3 de terror da Draco... Bem, eu gostei deles: mas me senti na obrigação de avisar q a arte é bastante irregular diante do rodízio de artistas: Cada edição tem 8 histórias curtas e algumas tem arte mto bonita (enquanto outras tem arte caricata demais - pro meu gosto). Ainda assim, gostei do tratamento de cores de cada edição: Especialmente a do "Rei Amarelo" (Preto, branco, e amarelo - me lembrou o "Sin City" do Miller)!

    Já o "Scooby"... Pelamor: puta troço bem ruim (nada a ver com o desenho clássico da HB q conquistou gerações: A DC fez um arremedo grotesco disso, rs)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Leo, o desenho clássico do Scooby, com a dublagem ORIGINAL, é primoroso. Esse desenho é uma das poucas coisas que ainda não tenho no meu acervo pois preferi ir adquirindo primeiramente as raridades e deixar por último aqueles títulos mais fáceis de se encontrar.

      Neste caso em particular, é possível notar que Hollywood há muito se apossou das publicações em quadrinhos, eliminando os últimos resquícios de criatividade que elas já tiveram, a fim de alimentar as mentes de um público viciado em filmes mainstream - público este com acentuada aversão à leitura em geral. Essa tendência, por sua vez, acabou sendo revertida para os próprios quadrinhos, onde verificamos adaptações catastróficas, tais como a dos Flintstones, que você mencionou e, agora, essa bomba purgativa e intragável. Mais outro pra galera não-pensante enfeitar a estante !

      Quanto ao Aranha, novamente concordo contigo: John Romita senior foi o mais espetacular e memorável artista dentre todos os que deram ação aos traços do escalador de paredes.
      Já o McFarlene, este merecia tomar uns bons tapas no meio da cara e ser deixado pra morrer lentamente, pendurado de cabeça pra baixo com aquela teia vagabunda e toda a porcariada que ele "desenha".

      Abs !

      Excluir
    2. Pois é, Antonio...

      Os antigos desenhos da Hanna-Barbera ainda permanecem como boas lembranças na mente de toda a nossa geração e são lembrados com carinho até hj por quem assistia esses desenhos com a gente (minha mãe ainda lembra de tudo isso: Scooby, Corrida Maluca, Flintstones, etc)!

      Mas a DC parece disposta a acabar (ou tentar) com tudo isso ao destruir esses clássicos lentamente com esse monte de gibis ruins (por enquanto, apenas o "Future Quest" prestou e respeitou os personagens)... E o "Scooby" foi o mais zuado de todos (é um gibi com o PIOR dos anos 90 só q produzido HOJE)!

      E o McFarlane é aquela coisa... Afigura pública dele se mostrou algo desprezível pra quem acompanhou as notícias sobre os processos e pilantragens nos quais esteve envolvido ao longo dos anos. Ele passou por cima de mta gente em sua escalada ao sucesso (sim, mesmo q esteja apagado dos holofotes da mídia, ele ainda deve faturar milhões com sua linha de brinquedos e tal)!

      Abs!

      Excluir
    3. Pois eu achei Flinstones ótimo. Future Quest razoável. Edições divertidas e despretensiosas. Já esse Scooby não li.

      Excluir
    4. E aí, Calvin... blz?

      Das q saíram no Brasil, a "Future Quest" foi a q eu achei melhorzinha, mas ainda assim: Decidi parar e ficar apenas com o Vol. 1 (pulei o 2)!

      Já das q ainda não saíram aqui (e q eu li em scans)... A melhor será disparada a do "Space Ghost" (já confirmada pela Panini)!

      Abs!

      Excluir
  6. "Só avisando que essas histórias aí são dos anos 70, excetuando-se a última que foi publicada em Janeiro de 1980"


    É isso mesmo, Kromak...

    Já as histórias do McFarlane são de 1988-1989... Aí já não tava mais numa pegada q me agradasse!

    Abs!

    ResponderExcluir
  7. "Eu já li esse arco de Curt Swan no Superman em uma edição P&B, da coleção invictus, da editora Nova Sampa."


    E aí, francisco... blz?

    Puxa, eu não sabia q esse arco de histórias tinha saído na Invictus... Já cheguei a ter algumas edições dessa coleção: Lembro de uma com o "Super-Homem Composto" na capa! Pena q elas estavam num lote de gibis q perdi pro mofo na minha antiga morada!

    Qto à "Coleção do Aranha" na Salvat... Acho ela no geral apenas razoável (diante da grande quantidade de material ruim/dispensável das fases mais modernas do aranha): Mas peneirando bem a gente encontra umas boas preciosidades no meio! Só tenho 2 edições da coleção: O "Casamento" e "A Morte da Tia May" (a fase do McFarlane eu não curto mto e reli nos formatinhos q mantenho pra fazer a resenha)!

    E o "Scooby" até agora foi a PIOR das edições baseadas na HB (e olha q eu já tinha detestado os "Flintstones")... Ainda vou tentar a "Corrida Maluca" (pq gosto do artista: Leonardo Manco, e tbm pq me lembra 2 filmes q adoro: "Mad Max" e "Ano 2000 - Corrida da Morte") e o "Space Ghost" (q parece estar bem próximo ao q era o desenho na TV)!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale lembrar que o McFarlane plagiou a si mesmo, pois o visual do Spawn foi inspirado nesse arco do Aranha...

      Não é só o Bendis que vive de ideias recicladas!

      Abs!

      Excluir
    2. Verdade, rs...

      O "Spawn" é uma mistura de 3 personagens jogados num liquidificador: "Batman", "Venom", e "Motoqueiro Fantasma"... E uma pi tadinha de "Gatuno" tbm, hehe!

      Abs!

      Excluir
    3. Lembro como se fosse ontem quando a Abril lançou Spawn no Brasil, formato americano, papel lwc e sem mix...foi um estardalhaço...fora a propaganda...fui até a edição 6 e não vi a menor graça...até hoje não gosto. Acho as histórias da Image dessa época genéricos demais...Dragon Savage é outro que fiquei bem decepcionado...fiquei nesses dois personagens, nem quis saber dos genéricos dos X-Men e cia. Roberto Xavier.

      Excluir
    4. E aí, Roberto... blz?

      Eu cheguei a acompanhar o "Spawn" até o nº 12 na época (entrei no hype do momento e queria conhecer a série)... Tbm me aventurei por: "Gen 13", "Witchblade", e "Glory" (mas fiquei só nas primeiras edições de cada - me enchi dessas merdas todas e passei tudo adiante, rs)!

      Abs!

      Excluir
  8. "O Rapto de Mary Jane saiu pela Abril em Homem-Aranha Anual 1. É uma história razoável."


    E aí, Roberto... blz?

    Eu tenho esse "Aranha Anual 1" (bem novinho)... E essa história do "rapto" saiu tbm pela Panini nos "Maiores Clássicos" (q a Panini não continuou após 2 Vol. da fase McFarlane)!

    O "Peninha" é BOM mesmo... mas se puder pegar com desconto: melhor ainda (sem falar q tem mais um Vol. pra fechar esse material dos criadores dele)! E a "Mulher-Aranha" do bendis é a "ALIAS" cuspida e escarrada, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  9. "Mulher Aranha é um dos poucos personagens do segundo escalão que já teve série animada."


    Pois é, Renato...

    Eu assisti o desenho dela num dos canais da net (acho q o Cartoon) q reprisou há uns 10 anos atrás... era bem bobinho, mas matava o tempo legal!

    Abs!

    ResponderExcluir
  10. Léo,
    Quantas colunas de Review vc fez depois do nenê nascer?
    Abraço, Flavio

    ResponderExcluir
  11. "O Léo vai tomar um "Sonrisal" depois de ler isso. Mas Todd McFarlane é o melhor desenhista do Homem Aranha. Bom,gosto é gosto."


    Hahaha... Pior q não é implicância minha, rs:

    https://www.bjchealth.com.au/hs-fs/hub/480468/file-3645508472-jpg/blog-files/spidey.jpg?t=1524977124890&width=500&height=466&name=spidey.jpg

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A arte dele até engana, mas o pior mesmo, o qual poucos falam, são suas histórias na revista Spider Man. Nunca li nada tão horrível... pelo menos até ler o retorno do sexteto sinistro na revista grandes heróis Marvel 50. Erik Larsen consegue ser pior que o Mcfarlane. Fujam dessa republicação da salvat da coleção do aranha.

      Excluir
    2. O Erik Larsen era pior mesmo...

      Tem uma briga do "Aranha X Venom" numa ilha (HA 136 da Abril) q foi completamente chupada do filme: "o Predador" (com o Schwarza)... Ainda assim, o cara fazia sucesso na época e ainda trabalhou no "Aquaman" e criou uma série própria: "Savage Dragon" (q nunca vingou aqui no Brasil - Só a HQM ainda insistia nisso, rs)!

      Abs!

      Excluir
    3. Comprei essa da Salvat do Erik Larsen do Sexteto Sinistro...maldita memória afetiva que volta e meia prejudica nossos bolsos. Rs. Roberto Xavier.

      Excluir
    4. Não se deve confiar na nossa memória afetiva mesmo, hehe...

      Mas no formatinho eu até q não achava tão ruim essa edição do "sexteto" (claro, faz mto tempo q não releio essa, rs)!

      Abs!

      Excluir
    5. Não relevo então...tomei uma decisão de não comprar mais encadernados de edições que tenho em formatinhos. Será uma forma de justificar a permanência dos mesmos. Rs. Roberto Xavier.

      Excluir
    6. E eu sigo na minha proposta de passar adiante o máximo de formatinhos q eu puder, à medida em q for substituindo-os por formatos maiores e encadernados (qro abolir o formatinho E o GRAMPO da minha coleção, rs)!

      Abs!

      Excluir
    7. Troço com grampo, não tenho mais nenhum na minha coleção. A única excessão é para o Fantasma, da RGE.
      Tenho TUDO do Fantasma que saiu mensalmente pela Rio Gráfica e não existe a menor perspectiva de abrir mão disto pois dificilmente todo o vasto acervo deste personagem será lançado em um formato melhor.
      Portanto, para quem se encontra na situação de não poder dispensar um material assim, existe o macete de retirar os grampos e substituí-los por fio de nylon.

      Excluir
    8. E aí, Antonio... blz?

      Eu ainda mantenho várias HQs com grampo, a maioria formatinhos dos quais não posso me livrar (AINDA)... E o resto: algumas mini-séries e revistas tipo "MAD" e "Espada Selvagem" (q um dia pretendo substituir por encadernados)!

      Do "Fantasma" tenho pouquíssima coisa, infelizmente... e vai ser difícil termos material dele pela RGE republicado novamente por aqui!

      Abs!

      Excluir
  12. "Quantas colunas de Review vc fez depois do nenê nascer?"


    E aí, Flavio... blz?

    Só fiz essa mesmo, rs... (ele tem 3 semanas, hehe)! Mas até q não afetou tanto minha participação aqui no blog (só abri mão mesmo dos meus filmes, séries de TV, e o choppinho de sexta com os amigos, rs)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  13. Blz Leo ? dessas já compradas e lidas a trilogia do terror (fraco)...a da mulher aranha salvat (fraco).........Mickey e o super (gostei muito) e a do peninha comprarei...... e já pegou as figuras clássicas vingadores da eaglemoss Leo? aqui saiu todas nos estados unidos a eaglemoss não renovou com a Marvel por enquanto...lá eles ficaram sem o Thor e a Vespa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Roni... blz?

      Sim, acabei pegando esses fact-filmes dos "Vingadores Clássicos"... Só q com os atrasos da PORRA dos correios, já faz uns 40 dias q tô esperando os pacotes virem (vou receber em 2 caixas e as 2 atrasaram, rs)! Só q eu mandei vir: "Capitão", "Ferroso", "Thor", "Hulk", e "Gigante"... Pulei a "Vespa"!

      Não sabia desse problema de renovação entre Marvel X Eaglemoss... mas espero q resolvam logo, pois agora me empolguei com esses fact-filmes e assim q possível quero ver se consigo: "Justiceiro", "Demolidor", e "Dr. Estranho" (e queria ver se o "Dr. Destino" sairá no Brasil: espero q sim, sei q importado tem)!

      Abs!

      Excluir
  14. Oi Leo!

    Somente ontem (sábado) é que peguei a minha edição do Superman de Curt Swan, já que a distribuição por aqui anda caótica! Não li ainda, só folheei, e reparei que o artista nesta época retratava o herói com a aparência bem mais velha (hoje talvez na casa dos 50 anos), e curiosamente a edição derradeira dele com roteiro de Alan Moore ele desenha o herói mais jovem que nesta fase, na casa dos 30 e poucos anos!

    Isso me leva a crer que ele talvez retratasse o herói conforme a época, melhor dizendo conforme o ator que interpretasse o herói em alguma mídia como TV e cinema, já que antes de Cristopher Reeve, George Reeves interpretou o herói e ele tinha uma aparência "mais velha" mesmo, na casa dos 50 anos, e já Reeve no início dos 30 anos.Isto é só especulação, mas que existe diferença de arte na aparência do herói pelo mesmo artista existe!

    A Mulher Aranha do Bendis você falou exatamente o que eu penso: é versão ALIAS da personagem! É um bom material, li por scans, mas comprarei a edição da Salvat quando ela chegar por aqui daqui uns meses!

    Este rapto de Mary Jane eu tenho em formatinho, mas vou comentar é sobre Todd McFarlane que sempre despertou polêmica com sua "magnífica arte"! Sei que tem muitos que gostam da arte do artista, eu particularmente acho que tem e teve muito hype em cima dele, pra pouca coisa!

    Me lembro que muito antes da fase dele chegar por aqui, na seção de cartas da revista do herói, os editores enalteciam a arte de McFarlane como se ele fosse um "deus" da arte! Quando este material veio para cá no início dos Anos 90, eu não achei isso tudo, aliás, achei inferior a muitos outros artistas como Mike Zeck, John Romita Jr., John Byrne, e outros que haviam passado pela revista do herói!

    De ponto positivo eu só achei que ele transformou a Mary Jane realmente numa mulher sensual, tirando aquele ar estigmatizado dela desde os anos 60; de resto, havia problemas de anatomia, exageros principalmente em relação aos personagens com capas que possuem capas que parecem tendas de circo quando abertas e ventando, isso fora o fato de quase todos os personagens possuírem as mesmas feições!

    Eu ainda espero sua matéria sobre a Era Image para entrar no mérito desta discussão com mais afinco!

    Estes Hanna Barbera eu passo longe, não é para mim, mas para quem gosta..., bom proveito!

    E as miniaturas Leo? Acho que semana que vem sai o Drácula!

    Eu comprei o Mestre do Kung Fu que foi a única coisa dele que chegou por aqui porque as CHM, ainda nada! E o "Vagagundo", vulgo Ventríloquo, e indo para as duas últimas da DC!

    "Vagagundo' porque na época da "Queda do Morcego" o vvilão teve o Scarface perdido e danificado e usou uma meia para suprir sua ausência chamado-o de "Maia". Qunado ele recuperou o Scarface, houve conflito entre as personalidades e o boneco chamou o rival "Maia" de "vagagundo", então nunca esqueci este bordão!

    A peça dele é magnífica, realmente perfeita para um vilão um tanto bizarro!

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elcio... Tdo bem?

      Boa sacada essa: Realmente, o "Super" do Curt Swan parece mesmo ter traços baseados ou inspirados no ator George Reeves (q tinha aspecto mais velho e interpretou o herói na série de TV dos anos 50):

      https://www.scifi-movies.com/images/contenu/data/0002303/affiche.jpg

      Swan começou a desenhar o super antes da série de TV, mas não lembro como era o traço dele antes da escalação do ator (e/ou se ele chegou a mudar alguma coisa pra "envelhecer" mais o super e deixar parecido com o Reeves - ou numa dessas, o próprio ator podia ter sido escalado por ser parecido com o gibi)!

      Eu assisti um filme sobre o ator (estrelado pelo Ben Affleck no papel de George Reeves) e recomendo... vale a pena uma conferida (pra quem n~´ao sabe, Reeves morreu aos 45 anos após se suicidar com o tiro - fato q causa algumas dúvidas e controvérsias segundo o filme)!

      Qto ao McFarlane... Eu retomei minhas coleções de HQs por volta de 1995, e na época ele era considerado o superstar do momento nos gibis do "Aranha". Mas eu tbm não via nada demais naquilo: Uns desenhos desproporcionais, exageros com bolos de teias q enrolavam todo o herói, e personagens coadjuvantes/secundários q não me despertavam o menor interesse. Assim, mesmo com toda a badalação em torno do McFarlane, eu mantive meu foco em recuperar minhas coleções antigas em sebos (e fui à caça de gibis da EBAL, Bloch, RGE, e primórdios da Abril)!

      Sobre as "miniaturas"... Eu finalmente terminei de montar um projeto aqui em casa, onde mandei fazer uma cristaleira maior e em breve devo retomar as FOTOS de miniaturas aqui no blog (e do ponto onde parei no ano retrasado, hehe)!

      Mas as últimas q adquiri foram: "Shanna" (q ainda não recebi graças aos atrasos dos correios), "Constantine" (q encerra a minha coleção de regulares da DC), e partir agora pros fact-files com os "Vingadores Clássicos" (q tbm tão atrasados no correio, rs)!

      Abs!

      Excluir
    2. Leo e Elcio

      Lendas do Superman do Swan não chegou no RJ até hoje, é, RJ uma da cidades mais importantes do pais, e nada. Isso dá pra ver o quanto a distribuição da Panini tá zoada. E nem sei se vai chegar, já acabou o mes praticamente. Serei obrigado acho a recorrer a net. Alem de ser fã do ONeil, eu curto muito essa história, e ter mais algum material desenhado pelo Swan pra mim é obrigatório.

      Eu também peguei a época McFarlane o melhor e Image fodona kk E eu nunca achei isso. Pessoal aqui me olhava como se fosse um et.

      Não sabia desse filme Leo, valeu pela dica. Verei.

      Cara o Constantine aqui no RJ virou lenda, você não acha. Tá pior que as minis do Wolverine e Coringa.

      Abraço!

      Excluir
    3. Oi Leo!

      Eu ainda não mandei fazer o expositor para as miniaturas. Já olhei uns aqui e ali, mas de fato gostei foi o do X-Box One que tem numa lojas americans perto de minha casa!

      Até já procurei na internet para ver se tem algum à venda num Mercado Livre da vida, mas não achei nada. Outro que gostei foi o de óculos de uma ótica, mas achei estreito as prateleiras, porém, tem duas gavetas de madeira bem fundas, perfeitas para guardar as revistas e as caixas.

      Em último caso tentarei fazer um amálgama dos dois, mas é certo que separarei a coleção (Marvel e DC) com um expositor para cada, que na minha opinião fica mais justo!

      Li o Superman de Curt Swan (que segundo a Panini fica neste primeiro volume, sem previsão para continuação) é bom, já que fiquei com medo de ser um material muito datado principalmente por ser pré-Crise!

      Existe um erro de revisão na página 114 onde lemos no balão: "Nsou um Superman bem mais ou menos..."!

      Os preços cada vez maiores nas publicações, mas o trabalho continua deixando a desejar em muitos pontos!

      Este filme do Ben Affleck como George Reeves eu assisti é bom mesmo, e serviu para resgatar a carreira do ator que estava indo para a decadÊncia devido à péssima escolha de filmes e sucessivos fracassos comerciais!

      George Reeves morreus com 45 anos mas aparentava ter bem mais, talvez por isso o superman fosse retratado como um homem bem mais velho do que o habitual hoje, até porque naquele tempo os homens mais velhos eram sinônimo de experiência e maturidade, em resumo: Eram o exemplo de macheza!

      Basta vermos filmes como Janela Indiscreta onde vemos um James Stewart (a nítida inspiração do Superman de Curt Swain nesta época) namorando uma jovem e linda Grace Kelly com quase metade de sua idade!

      https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Annex_-_Stewart,_James_(Call_Northside_777)_01.jpg

      Abraços!

      Excluir
    4. E aí, Camus... blz?

      Aí no Rio vc não conhece a loja "Point HQ"? Segue o LINK (tem os 2 endereços no site):

      http://www.pointhq.com.br/default.asp

      Qdo eu estive no RJ há uns anos atrás eu estive nessa loja e tinha bastante coisa: Se eu morasse aí, não dependeria apenas das bancas (essa loja deve ter os lançamentos do mês)!

      Já as "miniaturas" eu pego direto no site da Eaglemoss mesmo... aproveito promoções com frete grátis e descontos variados (pras banacas daqui nem vem essas coleções de miniaturas)!

      Abs!

      Excluir
    5. Oi, Elcio... blz?

      Desta vez eu mandei fazer uma estante sob medida: ela ocupa uma parede inteira do meu quarto do chão até o teto e tem 5 divisórias: A do meio é toda de vidro (é a cristaleira pras miniaturas) e tem 8 prateleiras de vidro pras peças. Nos cantos, as 4 divisórias são de madeira MDF com 6 prateleiras cada só pras revistas!

      Uma hora dessas vou mostrar as fotos aqui no blog... pra quem tiver na dúvida de fazer algo similar!

      E eu reparei nesse erro de revisão qdo li o "Super" do Swan mesmo... não adianta, a Panini e Salvat continuam com revisão porca e feita nas coxas (triste isso, pois a revisão é um serviço PAGO e deveria ser feito por pessoas competentes)!

      E sobre o James Stewart em "Janela Indiscreta"... Bem, eu não posso falar nada, pois sou 10 ANOS mais velho q a minha mulher, rs!

      Abs!

      Excluir
    6. Conheço sim. Mas tem nada, Leo. Não chegou em loja nenhuma daqui. Faz 2 meses que a distribuição da Panini aqui ta uma droga.

      Excluir
  15. Só faltava essa, tentarem transformar o Scooby Doo, um cachorro falante, num personagem “sério”. Só falta ele aparecer num crossover com a Liga da Justiça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkk já teve desenho dele com o Batman.

      Excluir
    2. "... Só falta ele aparecer num crossover com a Liga da Justiça..."

      Com a LJA completa não, mas você caso conhece a série Scooby-Doo Team-Up:

      https://comicvine.gamespot.com/scoobydoo-teamup/4050-69374/?sortBy=asc

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    3. Crossover do Scooby com a DC? Tá na mão, hehe:

      https://i.ytimg.com/vi/FBrPQYTuvMI/maxresdefault.jpg

      Abs!

      Excluir
    4. kkkkk Não saiu uma do Batman com um desses personagens, e disseram que era sério?

      Excluir
    5. Essa imagem do Leo é do desenho Batman os bravos e destemidos. Embora passe uma imagem de que é bobão, o desenho tem epis excelentes. è uma mistura do Batman dos anos 60 com o dos anos 70 e 80, e os melhores epis são justamente os focados no estilo dos 70 e 80. Recomendo. Ele age com varios personagens que não tiveram chance de agir no desenho da Liga. Se alguem se interessar procure o epi 11 da segunda temporada Chill of the Night! (Batman x Joe Chill), e confira.

      Excluir
    6. É o "Batman Vs. Hortelino", né?

      Bem, parece q vai sair esse crossover JUNTO com outros num encadernado pro 2º semestre, rs!

      Abs!

      Excluir
    7. kk Pra mim não cola esses crossover, mas teve gente que disse que Batman e Hortelino é bom. Abraço!

      Excluir
    8. Tem um mais antigo ainda de 1973, que seria o primeiro encontro com a Dupla Dinâmica! Eu assiti pela primeira vez nos anos 80 na Rede Manchete:

      http://emais.estadao.com.br/fotos/tv,scooby-doo-batman,805525

      https://www.youtube.com/watch?v=74iMNze_RO8

      Excluir
  16. "Mulher-Aranha" (Salvat Vermelha)... O fato de parecer que estamos lendo uma HQ da "ALIAS" (Jessica Jones), rs.."

    Depois dessa, resolvi seguir seu conselho, vou assistir a desanimação e economizar a grana.

    E a propósito, vou deixar passar a SV da She-Hulk também, a grana não vai dar. Me consolo relendo a Graphic Marvel dela mesmo...

    Abs,
    VAM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, VAM... blz?

      Bem, pelo menos numa coisa vc pode ficar tranquilo... O desenho DESanimado da "Mulher-Aranha" é a transposição EXATA da HQ pras telas (é igual ao q faziam nos anos 60: recorta o gibi e faz o personagens mexerem apenas a boca, rs)!

      Eu assisti 1º o desenho, e só depois baixei os scans do gibi e é a mesma coisa... Pena q vc vai ter q abrir mão da "Hulka" tbm (essa fase do Byrne eu nunca li e será noviddade pra mim - tenho só a tal Graphic Novel tbm)!

      Abs!

      Excluir
  17. a salvat infelizmente parei de comprar por causa dos preços, mas espero que o material clássico (vermelha, preta e do aranha) sejam republicadas pela panini.

    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Ivan... blz?

      Infelizmente, no ritmo em q a panini tá com as "CHM" (este ano teremos só as séries do "Drácula", "MKF" e "Hulk" pelo visto)... vai ser difícil cobrirem TUDO q a Salvat tá lançando de clássicos (por exemplo: Sabe deus "qdo" ou "se" a Panini irá republicar a "Mulher-Hulk" do Byrne ou a "Saga de Korvac")? Mas enfim, correr riscos faz parte do jogo pra qq leitor!

      Abs!

      Excluir
    2. "... Infelizmente, no ritmo..."

      Leo, já tá difícil acompanhar (p/ quem compra todas) se aumentarem, não vai dar pra manter, companheiro.

      Abs,
      VAM!

      Excluir
  18. Respostas
    1. Valeu mesmo, Scant...

      Mas não fiz mais do q a minha função aqui no blog, rs!

      Abs!

      Excluir
  19. Li o martim mistere da Mythos e me pareceu muito datado: a arte e a história. Acho que envelheceu mal. Parecia que eu estava vendo um desenho do Johny quest que nunca fui fã e as partes engraçadas lembra Jackie Chan. Acho que não é pra mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Alexandro... blz?

      Eu nunca li o "Martin"... Fumetti, pra mim: Só "TEX" mesmo, rs! Tbm vou passar esse!

      Abs!

      Excluir
    2. Datado em que sentido? Essa palavra está desgastada pelo excesso de uso, sem contexto ou explicação!

      O termo "datado" está datado.

      Excluir
  20. Fala,Léo!
    Ultimamente fico "feliz" quando o review não me pega!

    Minha relação com o Mc Farlane é simples e direta: onde ele desenha, não compareço!
    Sempre respeitando a questão de gosto pessoal, mas nunca admirei seu traço.Acho que a única versão de personagem que ele apresentou que considero boa, foi o Lagarto.

    Em relação as "miniaturas" Fact Files, adquiri algumas e não me arrependo.
    As peças do Senhor das Estrelas, Dr. Estranho, Visão e Justiceiro ficaram muito boas!
    Já a coleção dos Vingadores Clássicos, pode pegar sem receio! Muito boas as peças! Pena que esta linha de clássicos não trouxe o Aranha, Demolidor(com seu primeiro uniforme, o amarelo) e os X-Men originais!

    abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Victor... blz?

      Eu tbm tô longe de ser um apreciador do traço do McFarlane... e meu desprezo pela pessoa/empresário picareta q ele é, tbm se reflete no trabalho dele (da mesma forma q eu não voto em político ladrão, tbm não compro nada de quem explora o trabalho alheio de forma maldosa)!

      Qto aos fact-files... Eu comecei com os "Vingadores Clássicos" (comprei todos, menos a "Vespa" - só q ainda não recebi nenhum: os correios tão atrasando em mais de 40 dias minha encomenda): Mas pretendo ir além, e num próximo lote devo mandar vir: "Justiceiro", "Dr. Estranho", "Demolidor", e "Cap. América" (o "normal" - sim, vou ficar com 2 fact-files diferentes do "capitão")!

      Futuramente... se sair aqui, quero ver se compro: "Thanos" e "Dr. Destino": Além dos especiais pra assinantes (Aranha e Ferroso)!

      Abs!

      Excluir
    2. Putz Leo...mas se vc pensar assim não vai poder mais ler quase nada de Marvel e DC. Já são famosos os casos de espoliação que estas duas empresas fizeram com inúmeros criadores.

      Excluir
    3. Sim, eu tbm acho igualmente desprezíveis as atitudes da Marvel/DC para com seus artistas E personagens... Mas qdo a pilantragem tem um ROSTO público (ao invés de executivos engravatados q a gente nem sabe quem são): fica mais fácil pegar NOJO da pessoa, rs!

      Abs!

      Excluir
  21. "Homem-Aranha - A Morte da Tia May" me interessei, pois é um material clássico indispensável, em meio a uma coleção que, infelizmente, estou achando bem dispensável para os fãs do personagem que preferem algo com melhor conteúdo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Marcelo... blz?

      A "Morte da Tia May" pega uma sequência de histórias mto boa mesmo... é de uma fase ainda gloriosa do "aranha" e recomendo!

      Em breve tbm vai sair outra indispensável nessa coleção: "Nada Pode Parar o Fanático" (falarei melhor dela mais pra frente, mas já te adianto q será outra seleção primorosa de material anos 80 do aranha)!

      Abs!

      Excluir
    2. Pô, a fase do Marv Wolfman do Aranha é fraquíssima. Essa história é um bom exemplo disso.

      Excluir
    3. Puxa, eu gostava da fase do Marv Wolfman com o "Aranha" (embora eu não seja mto fã desse escritor no geral - o TARADO pela Donna Troy, rs)!

      Abs!

      Excluir
    4. Mas você releu recentemente?

      Excluir
    5. Recentemente?

      Só essa ed. da Slavat mesmo... Fora isso, tenho vagas lembranças dos tempos em q eu colecionava a "Teia" nos anos 90!

      Abs!

      Excluir
    6. O material do Wolfman normalmente não sobrevive a releituras...

      Excluir
    7. Oi, Hunter... blz?

      Vc não curte nem a "Crise", "Titãs", e "Drácula"? Os "Titãs" eu li só o começo e o arco do "Contrato de Judas", mas tô gostando da "Tumba"!

      Abs!

      Excluir
    8. Nunca curti o Tumba. Crise já tinha problemas na época ("e agora você vai morrer"...). Titãs fora de Contrato de Judas (ESSA envelheceu bem) é um novelão mexicano constrangedor.

      Excluir
    9. Bem, te confesso q nunca parado pra pensar nisso, Hunter... MAS agora me dei conta q todas essas HQs citadas acima eu comprei só PELA ARTE, rs:

      "Crise" e "Titãs": pq eu sou fanzaço mesmo é do Pérez (nem gosto de equipes de super-heróis adolescentes)... E a "Tumba" por causa do Gene Colan (a arte dele me lembram imagens de um pesadelo: sempre achei mto legal - já o tema "vampiros" só me empolgava mesmo nos filmes do "Drácula" com o Christopher Lee q eu via qdo moleque, rs)!

      Abs!

      Excluir
  22. Fala, Leo. Blz?

    Mais uma leva de publicações que não vou adquirir nada! Hehe (Ufa, meu bolso agradece).

    Decidi nesta semana que apenas vou continuar com Tex, Conan e Carl Barks, só ainda não sei em quais formatos.

    Com o "Homem dos Patos" é mole, basta comprar a coleção fenomenal que a Abril está lançando sempre que tiver com mais de 40% de desconto nos sites da vida.

    Tex devo ficar com a Salvat quando começar a sair na minha cidade (sou carioca) ou assinar ano que vem se isso não acontecer até l; e vou comprar da Mythos 4 publicações: a série regular, os clássicos em cores (se acabar o hiato), Gigante, Almanaque e Anual.

    E o Conan que é o mais difícil por causa dos preços da Mythos, os encadernados gringos chegam a ser mais baratos. Acho que vou me segurar por enquanto e esperar a coleção da Salvat mesmo.

    Fora esses três, vou pegar eventualmente outros materiais só quando forem excepcionais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Guilherme... blz?

      Te confesso q eu tbm tenho achado bom qdo consigo "escapar" de comprar algumas coisas e acabo economizando no orçamento do mês (o q eu tenho gasto com fraldas agora "não tá no gibi", hehe)!

      Vc fez uma boa escolha... Tex, Conan, e Barks tão entre as melhores séries pra se colecionar (são materiais obrigatórios na minha opinião)! A questão, como vc disse, passa a ser o formato a se escolher: "Tex" tem mtas revistas e coleções em andamento (tente encaixar a da Salvat na jogada, pois tem sido bastante proveitosa no custo-benefício)!

      Da Mythos, minhas séries preferidas do Tex são: "Ouro", "Ed. Histórica", e "Anual" (e a "Platinum" q eu usei pra cobrir edições anuais q eu havia perdido)!

      Abs!

      Excluir
  23. E aí, Léo, beleza? Cara, não tem como não comentar sobre esse volume do Aranha. Essas histórias do aracnídeo são para lá de clássicas e que se tornam mais impactantes para mim pelo fato de eu ter começado a comprar e colecionar a revista do Homem-Aranha, lançada pela Abril, a partir do número 05.

    Ou seja, ver um volume desses e com essa imagem da Gata se lançando em cima dele, é uma viagem de volta no tempo - se bem que, nesse caso, gosto bem mais das cores usadas na capa da Abril. Me "amarrava" no ambiente noturno e enluarado, cenário de fundo perfeito para o envolvimento dele nas artimanhas da Gata Negra.

    Se não me engano, havia um momento em que ela caía em um penhasco. Então, com nove anos de idade, lá no ano de 1984, fiquei chocado com a "morte' daquela mulherona. Foi brabo pra mim... (rsrsrs).

    Parece até que ao ler o post as lembranças dos momentos em que ia à banca de jornais adquirir os exemplares ficaram ainda mais vívidas e coloridas.

    Léo, e sobre o álbum do Tex. Conseguiu algum informação nova?

    Até a próxima, companheiro.

    Michel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Michel... blz?

      Esta já é a 3º vez q eu tenho essa sequência de histórias do "Aranha", hehe... Eu tenho na mensal do "Aranha" da Abril (nº 7-9), na "Teia" nº 51-53, e agora numa tacada só pela Salvat, rs!

      E o legal é q repetiram essa capa da "Gata Negra" nas 3 vezes... (ela tbm foi capa do "Aranha" 7 e da "Teia" 51): Uma belíssima capa, q tbm estampou o Vol. 19 da "Biblioteca" nos EUA:

      http://www.collectededitions.com/marvel/mm/spidey/images/mm_asm19_4b.jpg

      Qto ao "Álbum do Tex"... Por enquanto, não consegui nada de informação nova ou concreta (mas tô no bico, pois isso me interessa MUITO, rs)!

      Abs!

      Excluir
  24. E eu achando que este "A Morte de Tia May" era o prelúdio de "Um Dia a Mais"! Que bom saber que se trata das edições 194 a 200! Um arco de histórias que, de certa forma, encerra um ciclo na vida do Cabeça de Teia! Essa "é cofre"!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Ø-Drix... blz?

      Bem nessas, essa sequência de histórias é importante pra cronologia do "Aranha" por trazer a 1º aparição da "gata" e o acerto de contas final com o assassino do Tio Ben... Depois disso, o aranha engrenou um ritmo de HQs com uma pegada mais "policial" e "sombria" (e seguiu assim até o fim da "Era do Uniforme Negro")!

      Abs!

      Excluir
    2. Tem outra edição pra sair #26 - NADA PODE DETER O FANÁTICO! (ASM #224-230) com mais duas histórias em que aparece a Gata. Fará uma boa dupla com essa, pra se pegar numa promoção de fim de ano, Leo.

      abs,
      VAM!

      Excluir
    3. Boa, VAM...

      Essa do "Fanático" tem tudo pra ser uma das ed. mais esperadas dessa coleção do aranha... Principalmente pelo fato dessa história ser rara e ter saído uma única vez no Brasil!

      Abs!

      Excluir
  25. Leo a revista 1984 da warren publisher já chegou a ser publicada no Brasil? E ficou sabendo de uma revista "nova deles chamada creeps ?

    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Ivan... blz?

      A Warren tem uma revi sta chamada: "1994" (q foi produzida no início dos anos 80)... Mas nunca saiu no Brasil (q eu saiba): Parecia interessante (no estilo: "Aventura & Ficção")! Já essa "creeps" eu nunca ouvi falar mesmo!

      Abs!

      Excluir
    2. A 1994 foi a sucessora da 1984, porque a data estava chegando perigosamente perto...

      Excluir
  26. Caro Léo: no meio desses numerosos novos lançamentos que você anunciou aqui, o "Superman - Lendas do Homem de Aço - Curt Swan - N. 1" foi um dos poucos que me interessou.

    Gostaria de comentar um pouco mais sobre as capas das histórias originais. Elas são quase todas da autoria de Neal Adams, sendo uma minoria das capas de Carmine Infantino. São todas bonitas, mereciam ser publicadas. Mas nenhuma foi publicada pela Panini. Até mesmo as capas do encadernado foram reproduções de páginas internas. Infelizmente, temos visto acontecer essa não publicação das capas originais em muitos encadernados. Parece que basta a capa ser de um desenhista diferente do das histórias que a Panini não publica. Nos EUA não é assim. Esse encadernado da Panini equivale a um encadernado de 2009 da DC chamado "Kryptonite Nevermore" com a única diferença de que lá, no "Kryptonite Nevermore" eles publicaram todas as capas originais.

    Essa foi a quarta vez em que essas histórias foram publicadas no Brasil. Primeiro foi em 1972 quando a EBAL publicou todas essas histórias nas revistas Superman-BI números 42 a 45. Depois, por volta de 1984 (ou 1985) a Abril publicou parcialmente (eu tenho todas as revistas da Abril desse período, mas, hoje em dia, eu nunca olho para elas e por isso não sei a data exata). Depois, no início dos anos 90 foi a vez da editora SAMPA publicar novamente, em formatinho e preto e branco. E, finalmente, foi publicada pela 4a. vez pela Panini, agora, em 2018. História boa é assim mesmo, todos querem publicar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lenimar... Tdo bem?

      Realmente, isso da exclusão das capas eu falei pessoalmente com um editor da Panini há um tempo atrás... E ele me disse q não tem jeito: "A proposta da coleção "Lendas" é ser exclusiva de um determinado artista e nem histórias e capas de outros entrariam numa coleção temática de um determinado artista"!

      Foi bem assim q ele me falou... Só q tal proposta JÁ foi quebrada (a meu ver) com o "Superpowers" do Kirby, onde algumas histórias são desenhadas por outro cara e o REI só faz as capas de 4 das 5 histórias do Vol. 1! Ou seja: Toda regra tem suas "exceções" pelo visto!

      Já nas "CHM" da Marvel o problema passa a ser outro: A limitação de pág. pra 164 fixas por edição... Esse é o motivo pra exclusão das capas qdo falta espaço (pelo menos de limitação de pág a coleção de "Lendas" não sofre, e pode chegar até 200 pág se precisar - segundo o mesmo editor falou)!

      Abs!

      Excluir
    2. Eu não curti essa regra de não lançar material de outro artista. A última que comprei por causa disso foi a do Batman do Alan Davis que tinha o início da saga "Ano Dois", mas como as demais eram desenhadas pelo Macfarlane o material ficou incompleto e até hoje não sei como termina... Achei muita falta de respeito.

      Excluir
    3. E aí, Guilherme... blz?

      Nas "Lendas do Batman", temos um outro exemplo onde essa "regra" fica ainda mais problemática pro leitor... Na fase Gene Colan do morcego: Até o final fica completamente em aberto em algumas histórias (q foram continuadas por outros artistas)!

      Abs!

      Excluir
    4. Isso rola até nos trades americanos. Todas essas coleções de artistas ("Kryptonite Nevermore" NÃO é uma delas!) SÓ têm material dos respectivos. Deixam histórias pela metade sem pena!

      Excluir
    5. Outra coisa ruim, que felizmente a Panini não replica por aqui, é que eles repetem histórias entre si.

      Por exemplo um história escrita pelo Len Wein com arte do Jim Aparo, é republicada duas vezes, no Tales do Wein no Legends do Aparo, sem pena!

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    6. Outro exemplo que não veremos aqui, o Tales do Gene Colan repete todas as histórias desenhadas por ele e escritas pelo Gerry Conway, publicadas no seu Tales.

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    7. E aí, VAM... blz?

      Essas repetições eu não acho legais qdo rolam numa mesma coleção (tipo "Lendas")... Prefiro q um TP fique com histórias sem final e q elas continuem em outra edição dedicada à outro artista!

      Abs!

      Excluir
    8. "... eu não acho legais qdo rolam numa mesma coleção..."

      Ah, claro. Isso é bizarro...

      "... histórias sem final e q elas continuem em outra edição dedicada à outro artista!..."

      Por isso minha preocupação com a Saga do "Batcriminoso" é legítima, Leo.

      São 5 partes (3 pelo Aparo) e 2 pelo Chan (que não tem coletânea lá fora)...

      Por isso espero que a Panini publique a Lendas do Wein (que escreveu a Saga) na cola da nova fornada de Lendas do Aparo...

      Abs,
      VAM!

      Excluir
  27. Fala, Leo!

    A coisa anda bem irregular por aqui com relação às HQs. Fiquei uns meses sem pegar praticamente nada. Agora voltei a comprar algumas esse mês. Estou mandando regularmente Mickey anos de ouro, Pato Donald do Barks, Cavaleiros do zodiaco Kanzenban, fullmetal alchemist e lobo solitario. Geralmente ando esperando abaixar o preço e pego uns 2 vol de cada de uma vez porque o preço de capa me quebra. Mas tenho conseguido manter. Só não comprei ainda o Mickey nos Anos 2000. Acho que até o mês que vem já cai pra faixa dos 30 e poucos reais, aí blz.

    Eu andei pegando alguns volumes da coleção do Aranha, e esse mês eu peguei essas 2 que você resenhou e mais o volume do Fanático na loja da própria salvat. Ainda não li, mas esses 3 são prioridade.

    Da trilogia do terror eu tenho os volumes amarelo e verde. Gostei bastante do esquema das edições. Tem suas irregularidades como você disse, mas achei o saldo geral das duas bem positivo. Aparecendo uma oportunidade boa vou pegar o vermelho também.

    O Lendas do Superman ainda não encontrei por aqui. E os volumes do Peninha me interessam bastante, mas ainda não decidi se invisto neles ou não.

    A CHM do dracula já teve o volume 6 lançado?

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, xará... blz?

      Bem, pra mim tbm anda complicado manter tantas coleções, ainda mais com filho pequeno pra criar agora e diversas despesas q contraí numa reforma do apê... Mas faço o q posso: não só pra seguir colecionando, como tbm tentando arrumar tempo pra ler tanta coisa (e poder comentar aqui no blog)!

      Os da Disney eu não paro, pois ainda pretendo alfabetizar o meu filho fazendo ele ler o q é BOM: Barks, Gottfredson, Don Rosa, etc... O mesmo vale pros clássicos Marvel e DC (quero q um dia meu filho conheça o q de melhor essas 2 editoras produziram em tempos áureos)!

      A "Trilogia de Terror" tem essas irregularidades na arte de algumas histórias mesmo... Mas ainda acho q foi um investimento q valeu a pena: Ainda mais q as ed. amarela e verde eu peguei com desconto na Cultura (35 pila cada) por terem sido relançadas agora (devido à chegada dos "Demônios", a Draco quis ter toda a coleção nas lojas)! Gostei da coleção, e fazia tempo q eu não lia nada bom de terror (me lembrou os filmes legais e GORE do gênero nos anos 80)!

      Qto à "CHM do Drácula"... Sim, o Vol. 6 chegou nas lojas e bancas (aqui do sul) cerca de 1 mês ANTES do Vol. 7 (acabei lendo as 2 juntas, pra vc ter uma ideia)!

      Abs!

      Excluir
  28. Léo, passando aqui para retificar um erro que cometi. Depois que você postou a capa da "Marvel Masterworks", fui dar uma conferida na net para lembrar em detalhes a ilustração usada na mensal do Aranha - infelizmente não tenho mais a coleção da Abril.

    As lembranças estão embaralhadas... e não é "Gata Negra" como escrevi - e sim "Mulher-Gato".

    Uma última coisa, pois um assunto puxa o outro. Todas as vezes que você utiliza como ilustração em resposta de comentários as capas dessa lindíssima coleção (Masterworks), fico a pensar que poderia ser encontrada alguma forma de ela ser reinicializada no Brasil.

    Afinal, paga-se muito caro por quaisquer histórias recentes de qualidade para lá de duvidosa em encadernados luxuosos.

    Então, por que não voltar com a "Biblioteca Histórica Marvel"? Clássicos em ordem cronológica na mais bela coleção de todos os tempos da Marvel. Já imaginou caso a coleção não tivesse sido cancelada? Já estaríamos bem adiantados na cronologia; talvez já contássemos, pelo menos, com os dez primeiros volumes do Aranha.

    Léo, para falar a verdade gostaria de ter os dez primeiros "Masterworks" traduzidos para a língua portuguesa desse elenco heróico aqui:

    Homem-Aranha;
    Vingadores;
    Quarteto Fantástico;
    Hulk;
    Capitão América;


    Pois é, sonhar não custa nada.

    Até a próxima,

    Michel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Michel... blz?

      De fato, vc tem razão... A Abril chegou na traduzir a Felícia como: "Mulher-Gato" na capa do "Aranha" 7, hehe:

      http://www.guiadosquadrinhos.com/edicao/ShowImage.aspx?id=6406&path=abril/h/ha0040107.jpg

      E eu sei q sou CRUEL comigo mesmo e com os leitores do blog ao apelar pras CAPAS dos "Masterwoks" gringos, hehe... Eu sou fissurado nessa coleção e a acompanho por notícias e imagens a cada edição lançada lá fora (é uma auto-TORTURA, rs)!

      Lamentavelmente... Acho q já era pras "Bibliotecas" no Brasil: Reiniciar essa coleção seria um RISCO em termos comerciais, pois ela poderia acabar naufragando de novo se as vendas não acompanhassem (e a editora precisa ter algum lucro pra manter uma coleção desse porte - q nos EUA já passa de 200 Vol)!

      Sei q mtos leitores (eu incluso) querem a volta das "Bibliotecas"... Mas na realidade, é preciso refletir se o mercado nacional comportaria mesmo uma coleção de luxo na qual somente as séries principais dos "medalhões" (Aranha, 4F, Vingadores, X-men, etc) já beira uma média de 20 Vol. CADA UM (fora os "secundários" - tipo "Dr. Estranho" - q tbm são legais e já beiram uns 10 Vol. cada)!

      Haveria BOLSO $$$ pra comportar a volta das "Bibliotecas" com os encadernados da Panini beirando os 80 a 100 contos? Eis a questão, hehe...

      Abs!

      Excluir
  29. Oi Leo!

    Passando aqui para dizer que a mini-série do Wolverine e Kitty Pride contra Ogum irá sair na coleção vermelha. Aqui o conteúdo:

    Kitty Pryde & Wolverine #1-6 e Uncanny X-Men (vol. 1) #129-131

    Aquela especial de vilões ainda terá uma do Rei do Crime e uma do Duende Verde, além de uma do Doutor Octopus, e uma do Loki!

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Elcio... blz?

      Puxa, essas novidades foram inesperadas pra mim... Valeu mesmo por compartilhá-las aqui!

      A "Kitty" eu vou pegar, pois gosto dessa mini-série (tenho ela atualmente no formatinho: "O Melhor de Wolverine" 1 da Abril)... E a coleção dos "Vilões" vai seguir adiante então, hein? Até achei q ia parar no Vol. 2 (já q ficou meses estagnada aí)!

      Abs!

      Excluir
  30. Já estava com saudade dos reviews Leo,

    Melhor que isso só qdo vc disseca as CHMs e Lendas da DC, eheh

    Sabe informar quais edições estão contidas nesse Lendas do Swan?

    Sem entrar na polêmica da arte do McFarlane, acho que a maior contribuição dele pro Aranha foi a teia espaguete, que virou padrão pra sempre desde então... (gostava mais dele no Hulk)

    Eu gostava do traço do Erik Larsen. O retorno do Sexteto ainda acho uma história boa. O Dr. Octopus estava bem fodão!

    Teo
    O colecionador de Indaiatuba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Teo... blz?

      Brigadão mesmo por ter curtido estes "Reviews", hehe... Esta é uma das colunas mais difíceis de se produzir, pois diferente das "notícias" comuns ou do "dissecamento" de edições individuais, os "reviews" exigem q eu leia pelo menos 10 encadernados numa tacada só e em tempo recorde: enquanto ainda figuram como "lançamentos" nas lojas, rs!

      Qto às "Lendas do Swan"... Foi falha minha, esqueci de incluir no texto as edições q compõem a edição:

      "Superman" nº 233-238 e 240-242 (de 1971)...

      Qto ao "Sexteto" do Larsen... tbm acho essa uma boa saga (tanto, q mantenho ela em "GHM 49" da Abril). Mas um dos problemas q vejo nessa HQ é justamente o fato de terem feito o "Octopus" fodão DEMAIS da conta (segurar o "HULK" e jogá-lo longe com os braços mecânicos foi bastante "forçado", hehe)!

      Abs!

      Excluir
    2. "segurar o "HULK" e jogá-lo longe com os braços mecânicos foi bastante "forçado", hehe"

      Nossa, isso foi forçado mesmo rs. Até o Peter David deu uma resposta ironizando isso numa história do Hulk onde o verdão humilha o Doc Oc com facilidade (tinha participação do Justiceiro e a arte do Dale Keon, um dos melhores artistas do Hulk pra mim...).

      Thanks pelas informações, parabéns por manter o bom trabalho mesmo com o desafio da paternidade. Sei bem como é isso, rs.

      Abs Teo

      Excluir
    3. Valeu mesmo, Teo...

      Eu é q agradeço por vc e outros leitores ainda continuarem acompanhando o blog (em tempos de youtube, hehe)!

      E não conheço essa história do Peter David q vc falou... mas ele fez bem em ter tirado onda com essa cena, rs!

      Abs!

      Excluir
  31. Oi! Tudo bem? Eu vi um vídeo muito bom mostrando e falando essa revista do Scooby Doo. Essas resenhas só tem revistas bem interessantes que um dia espero conseguir ler, especialmente as duas do Aranha: A morte da Tia May e o sequestro da Mary Jane. Também fiquei curioso sobre a da Mulher Aranha. Sei que você deu nota ruim Para algumas publicações, mas ultimamente venho gostando de coisas ruins.rsrs... Tudo vai se pegar e começar a ler e ver... então saberei se vai me fisgar ou não. A do Scooby, como gosto muito da turma, só se ela for muito ruim Par a não me agradar, principalmente porque há a vi no vídeo, então sei bem o que esperar. Rsrsrs...

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Fabiano... blz?

      Essas edições da Hanna-Barbera despertam amor e/ou ódio por onde passam, hehe... Dificilmente tem meio-termo qto à isso: ou o fã das antigas (q nem eu) vai detestar as novas versões (adulteradas demais) OU o novo leitor (ou mesmo os fãs das antigas menos radicais) vão comprar a ideia de verem a turma HB em gibis "diferentões", rs!

      Já vi outros blogs darem nota máxima pros "Flintstones", por exemplo... q eu já avaliei aqui como sendo "RUIM" (mas teve mta gente q gostou). Não adianta, gosto é algo mto pessoal de cada leitor e o importante é o cara LER o material e tirar suas próprias conclusões (é o q eu sempre recomendo q se faça)!

      Pô, essas 2 do "Aranha" eu tenho certeza q vc iria gostar... Uma dica: Essas ed. da Salvat costumam aparecer tempos depois com ótimos descontos em sebos, eventos, e classificados (na faixa de 15 a 20 pila - se não tiver pressa de esperar)!

      No mais... eu tbm gosto de coisas RUINS às vezes: sou um dos telespectadores remanescentes da sessão: "Cine Trash" da Band, hehe!

      Abs!

      Excluir
    2. Aqui onde moro as bancas costumam sempre aparecer com material de "encalhe" uns seis meses depois. Não tenho pressa. Sei esperar.
      A dos Flintstobes não me interessou pois não curto a arte que lembra aquele filme que passou há anos e foi muito ruim. Quero folhear a do Scooby pra sentir se kebo ou não. A gente que é pobre, tem que virar médium na banca pra sentir se a revista vai agradar ao pegar ela. Kkk

      Excluir
    3. E aí, Fabiano... blz?

      Vc tem mais sorte q eu nesse sentido, pois aqui no sul não existem mtos sebos e as poucas lojas de encalhe q tinham já fecharam, hehe... Aqui, ou a gente paga o preço de capa, ou sai catando descontos na internet mesmo: ou fica SEM, rs!

      E minha avaliação "RUIM" pros "Flintstones", teve como peso isso q vc falou aí: O gibi novo lembra mto aquele FILME tosco com atores reais (e q era medonho de tão sem-graça)!

      Abs!

      Excluir
  32. Gustavo Maycá03/05/2018 14:01

    Leo, a edição seguinte da salvat vermelha, da mulher hulk numero 80, vale a pena?? abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Gustavo... blz?

      Sim, é o BYRNE em sua melhor forma nos anos 80, rs... Mas é uma HQ bem-humorada (não se leva a sério)!

      Abs!

      Excluir
    2. E segundo o Hunter, essa edição contém a primeira passagem completa dele no título dela (8 edições).

      Depois ele só retornaria do #31 ao #50, que segundo ele também, é uma passagem antológica.

      Isso só me deu mais tristeza em ter que deixar passar...

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    3. Opa, valeu mesmo pelas informações, VAM...

      Eu não sabia q havia esse hiato tão grande do BYRNE na "Mulher-Hulk"... Mas sendo assim, isso valoriza mais essa ed. da Salvat (q vai fechar redondinha a 1º passagem dele pela série da verdona)!

      Abs!

      Excluir
  33. Fala, LEO!

    Legal acompanhar os gostos artísticos do pessoal... Em geral, não sou muito chegado no traço cartunizado do Todd McFarlane. Só uma ou outra coisa que acho legalzinha e o Aranha não está entre elas. Mas também, depois de ser criado lendo o Teioso de Romita Pai & Filho, Keith Pollard, Mike Zeck, Jim Mooney, etc... fica difícil.

    Mas a representatividade dessa fase é inegável. McFarlane arriscou e buscou uma concepção nova pro personagem - e deu certo. Vendeu estrondosamente e arrebanhou uma nova geração de fãs pro herói num momento crítico (início da década de 1990).

    "O Erik Larsen era pior mesmo...

    Tem uma briga do "Aranha X Venom" numa ilha (HA 136 da Abril) q foi completamente chupada do filme: "o Predador" (com o Schwarza)... "


    hehe... curto a arte do Erik Larsen justamente pelo estilo quadradão, tosco e apelativo (já viu a roupitcha atochada das meninas em Savage Dragon?). Parece um Sal Buscema de 30ª categoria.

    E ainda a HA #136 uma tosqueira divertida com o pastiche de "Predador" que ele desenhou e o David Michelinie escreveu. Tanto que até escaneei certa vez:

    https://blackzombie.blogspot.com.br/2004/10/dor-de-dente-horrvel.html

    Já pensou o Tom Hardy terminando o filme do Venom correndo feliz numa ilha deserta? rs

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, doggma... blz?

      Tenho o mesmo problema q vc... Fui criado lendo coisa BOA feita por artistas EXCELENTES: Sempre terei dificuldade em aceitar "qq coisa" q me empurrarem em matéria de gibis, depois de ter passado por Kirbys, Buscemas, Sterankos, e Romitas da vida, rs!

      Assim, eu refuguei esses McFarlanes e Larsens dos anos 90... Não vi as tais minas do "Savage Dragon", mas sempre achei as mulheres no traço dele MEDONHAS, rs!

      E no "HA 136" não tiveram vergonha nem de copiar na cara-dura umas armadilhas do FILME do "Predador", hehe!

      Abs!

      Excluir
  34. O Larsen e alguns outros eu coloco na categoria dos desenhistas que "são bons em serem ruins", se é que você me entende, rs. Querendo ou não, têm seu próprio estilo - igual ao Chris Bachalo, outro que adoro e entendo porque muita gente detesta.

    A Larsettes são raimundas mesmo. Mas é um exagero de fios dentais batendo no meio das costas e decotes quase explodindo que acabei me afeiçoando às moças.

    Costumava colocar o Savage Dragon no depósito de lixo noventista, junto com outras tranqueiras. Um belo dia, achei o blog de fã Savage Dragon Project, que disponibilizava as edições gringas traduzidas:

    http://savagedragonproject.blogspot.com.br

    Resolvi ler algumas, só pra poder zoar com conhecimento de causa, mas sabe que acabei curtindo o personagem e seu universo meio cara-de-pau (mal comparando, um Marshal Law verde cheio de ultraviolência e referências à Marvel e DC)?

    Matei umas trinta edições numa só tacada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Não conhecia esse, doggma.

      Já guardei na lista de acervos, para um dia serem apreciados.

      Abs,
      VAM!

      Excluir
    2. E aí, doggma... blz?

      -"desenhistas que "são bons em serem ruins"
      -"Larsettes"

      Vc tá inspirado hj, hein? 2 belas tiradas num só comentário, rs... Ah, e valeu mesmo pelo LINK: Salvei pra experimentar essa tosqueira uma hora dessas (até q parece divertido pelo q vc falou, hehe)!

      Abs!

      Excluir
  35. salve, Léo.

    Primeiramente, quero te parabenizar pelo nascimento do pequeno Victor (estou mais atrasado do que lançamento da Panini). Que ele tenha uma vida longa e próspera e regada a muito quadrinhos e nerdices.

    Sobre as resenhas, essa da morte da Tia May ficou meio "frankenstein": capa de um arco e nome do outro. Decisão meio estranha, mas o que vale é a publicação, já que a história é muito boa.

    Quanto a do velho Todd, teve grande impacto quando eu era moleque, assim como quase toda a galera da Image. Mas o tempo passou e hoje não vejo aquele povo com os mesmos olhos. Só curto mesmo o Silvestri (ainda estou na seca para pegar o Darkness dele e do Ennis) e o Portacio (adorava o Justiceiro "sem olhos" dele). Comprei o Hulk do McFarlane e Peter David e achei os desenhos fracos. Só não foi pior porque aparece um tal de Jeff Purves que consegue ser ainda mais medonho. Para não ficar só apedrejando, gosto do visual que ele criou no Teioso, com os olhos grandes, o que o deixou mais carismático.

    O Super do Swan pegarei se aparecer na Saraiva, assim como as CHM do Shang e do Verdão.

    Scooby poderia render algo até bom. Era só tirar essa bobajada de apocalipse e investir no conceito mais clássico. E, aproveitando que o roteiro é da dupla Giffen e DeMatteis, trocaria o Porter pelo Maguire e botava os caras para fazer aquele nonsense do tempo da Liga. Até imagino os investigadores do Furgão verde como "contrapartes" da Liga engraçadinha: a sexy Daphne meio como a "fogosa" Fogo, o Fred metido a galã canastrão tal qual o Gladiador Dourado, além de um Scooby meio Gnort. Pena que a DC prefira fazer um "Novos 52" com oa clássicos HB.

    abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Luiz... blz?

      Brigadão mesmo pelas felicitações... Mas a minha mulher não vai aguentar OUTRO nerd entupindo a casa de bonecos e gibis, rs (nem teríamos mais espaço pra isso): Vou ter q redirecionar o pequeno Victor (Von Doom) pra outros hobbies, hehe!

      Sobre a "Tia May"... A Salvat fez bem em ter escolhido essa capa (a melhor do encadernado), MAS devia ter posto pelo menos uma chamada relacionada à ela: "A 1º aparição da Gata Negra" (ou algo assim)!

      Qto à turminha da Image... Eu já desprezava toda essa galera na época: E hj minha opinião a respeito não mudou em nada, rs! Porém, eu tenho o "Darkness" do Ennis (só pq sou fã-hard do escritor) e te confesso q é um material divertidinho, mas bem inferior ao "padrão-ennis" q conhecemos (tbm nos anos 90). Pra vc ter uma ideia, o Ennis repete em "Darkness" algumas ideias plagiadas de si próprio (tipo: um cara capado - sem pinto - q carrega sob o casaco um saquinho de mijo, rs)!

      Abs!

      Excluir
  36. "... Scooby poderia render algo até bom. Era só tirar essa bobajada de apocalipse e investir no conceito mais clássico..."

    Ou seja teríamos isso aqui, LSJr.:

    http://br.web.img3.acsta.net/medias/nmedia/18/87/85/60/19973059.jpg

    Bem fiel à proposta original da animação.

    Abs,
    VAM!

    ResponderExcluir
  37. Fala Leo, tudo blz?

    Muito bacana os reviews!!! É sempre bom ver uma avaliação das edições para nos dar uma ideia sobre o que tá valendo apena colocar nas aquisições do mês. Sei que se trata de opinião pessoal,mas ajuda bastante na hora de fazermos a listinha, rsrs.

    Eita Leo, sexta passei na banca e encontrei o lendas do Super de Curt Swan,só não levei logo porque não tinha grana naquele momento, mas pedi pra separar o meu exemplar. Pego ele nessa semana; esse primeiro volume eu não vou perder de jeito nenhum!! Falando nisso, a Panini não tem nem previsão de publicar os outros volumes não é? E realmente, eu vi gente reclamando da paleta de cores original da época no Hotsite. Eu particularmente, nao vou me preocupar com isso, o que importa é que terei um material clássico pra minha coleção. Sou fanzaço do Super!! Léo, até hoje eu não consigo aceitar que a minha edição do Superman Paz na Terra da Abril com a arte estupenda de Alex Ross tenha se perdido!! Putz!! Perdi uma maravilha cara.kkkkk

    As duas edições do cabeça de teia será cofre certo quando chegar por aqui. Estou de olho nas bancas esperando O Casamento dar as caras.(por aqui,a coleção tá devagar, mas tá chegando todas as edições,ainda bem,rs).

    Olha, Mulher Aranha é uma edição que eu me arriscaria pegar se a expansão da Salvat vermelha tivesse vindo pra cá. Te confesso que tá difícil achar essas edições nas bancas, as que estão chegando,são apenas os relancamentos que já está no vol.22 Professor X. Eu,claro, não peguei todas,apenas algumas. Elektra Saga eu tive sorte de achar no centro da cidade, tinha apenas 2 edições. O negócio é garimpar mesmo,rsrs. Mas falando na Mulher Aranha, eu consegui comprar ,ano passado, a miniatura dela da Eaglemoss por um ótimo desconto: paguei apenas $30,00 nela,hehe; e putz, bem que você falou aqui no blog uma vez, tá muito bem feita Leo, a pintura tá muito massa,um show mesmo!! Passei a investir em miniaturas faz pouco tempo e peguei algumas também do Xadrez Marvel da Planeta de Agostini, Leo,você pegou alguma peça dessa colecao? Eu não resisti e tive que comprar a do Aranha que tá perfeita e por 5 contos apenas,rs.

    E Essa Os Anos de Ouro do Mickey eu tenho muita vontade de comprar, sei que vale o investimento, mas o preço já desanima, Leo,onde você consegue essa do Mickey com um bom desconto?? Quem sabe, eu até goste de uma promoção e acabo cofrando ela qualquer dia....

    Já o Scooby.....essa eu nem pego pra olhar,rsrs.

    Abs
    Leonardo Goulart

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Leo... blz?

      Valeu mesmo por ter curtido os "Reviews"... Em breve devo separar mais uns 10 encadernados pra ler e preparar a próxima coluna de avaliações (pro mês q vem)!

      Qto ao "Super" do Swan... Por enquanto será só esse Vol. 1 mesmo (dizem q terá pelo menos um 2º, mas sem a menor previsão de "qdo" irá rolar). Tbm não me importo mto com a paleta de cores, pois NESSE caso me interessa mais o conteúdo em si (sempre quis ler essa sequência de histórias e nunca tive a oportunidade)!

      Uma pena q vc perdeu a ed. de "Paz na Terra"... Acho essa HQ mto boa e tenho ela no encadernadão do Ross (junto com as outras novels gigantes dele)!

      E falando em "novels"... A ed. do "CASAMENTO" do aranha tá mto boa mesmo, pois traz a graphic novel INÉDITA: "Vidas Paralelas" (q sabe deus pq foi pulada pela Abril na época: só ela já vale toda a edição, rs)!

      E legal vc ter conseguido a miniatura da "Mulher-Aranha"... Tbm achei linda essa peça e tirei umas FOTOS aqui pro blog na época:

      http://submundo-hq.blogspot.com.br/2015/05/miniaturas-marvel-fotos-da-colecao.html

      E o único "xadrez" da deagostini q eu peguei até hj foi o de "Star Wars", hehe (esse da Marvel não fez o meu estilo não)... Mas vou querer pegar algumas peças do "Xadrez Marvel" da Eaglemoss "SE" vier pro Brasil um dia!

      Sobre a coleção do "Mickey"... Aproveite q desovaram algumas com descontos nas bancas (quase 1/3 do preço de capa). Fora isso, só peneirando os descontos da Amazon (q eu saiba)!

      Abs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...