Follow by Email

03/01/13

"Brasinha": A Volta do Diabinho Capeta às Bancas do Brasil....

Por essa nem o mais saudosista dos colecionadores esperava.... "Brasinha" de volta às bancas no Brasil em um novo lançamento de material clássico da Pixel!!! 

Esta nova revista de 52 pág. custa apenas R$ 3,10.... e com certeza vai matar a saudade de mto marmanjo (q nem eu) q se criou lendo os gibis desse capetinha na infância!!!

Confira abaixo algumas capas clássicas do "Brasinha" e um pouco de sua trajetória nas HQs (q inclui até uma homenagem de "Hellboy":

"Brasinha" é o novo lançamento da linha de clássicos da Pixel, q tem inundado as bancas com excelentes títulos das antigas: "Luluzinha", "Bolinha", "Gasparzinho", "Riquinho", "Recruta Zero", e "Popeye" (estas 2 últimas: as minhas favoritas do gênero)!!!

Criado em 1957, o "Brasinha" ("Hot Stuff" - no original) é um dos melhores títulos da editora Harvey (a mesma de "Gasparzinho" e "Riquinho" - q coincidentemente tbm se parecem fisicamente com o Brasinha, rs). Dizia uma antiga lenda urbana (na qual eu acreditava qdo era criança) q o "Gasparzinho" era o fantasma do "Riquinho" (q teria morrido num acidente) e q o "Brasinha" era a alma dele mandada pro inferno. Hahaha, claro q é tudo bobagem, mas a criançada acreditava nessas coisas (ainda mais numa época sem internet, rs)!!!

Aqui no Brasil, o "Brasinha" foi publicado pela editora "Cruzeiro" a partir de 1962 (tendo durado 132 edições) e em seguida pela Vecchi a partir de 1974 (onde durou mais umas 90 edições além de alguns "Almanaques") sendo publicado até o começo dos anos 80. Desde então (q eu saiba) ele já está afastado das bancas brasileiras há cerca de 30 anos!!!

O personagem criava bastante polêmica entre setores e instituições religiosas.... afinal, é um "DIABO" (literalmente) protagonizando um gibi teoricamente infantil (apesar das histórias e do humor agradarem tbm aos adultos). E isso já numa época onde a hipocrisia era menor do q a vista hj em dia na mídia. Fico imaginando então o quanto esse novo gibi irá incomodar esses mesmos setores e instituições nos dias de HOJE (e podem apostar q esse lançamento vai tirar o sono desse pessoal q se incomoda até mesmo com o conteúdo dos gibis ADULTOS, rs)!!!

E por falar em gibis adultos.... o "Brasinha" tbm recebeu uma bela homenagem do "Hellboy", com sua versão de: "Hellboy Júnior" (capa abaixo). Claro, q agora com conteúdo realmente adulto e violento. Mas reparem na imagem (encerrando esta matéria) q até mesmo o logotipo de "Hellboy Júnior" presta homanagem ao do "Hot Stuff" (nas imagens acima)!!!

E ainda nas curiosidades.... o "Brasinha", virou nome de uma churrascaria (com direito à imagem do diabinho junto ao nome) numa cidade aqui do interior do Rio Grande do Sul por onde já andei alguns anos atrás. E aqui em Porto Alegre mesmo, existe uma loja de pneus q tbm leva o nome (e imagem) do personagem!!! Antes de encerrar, queria indicar pra vcs, este link onde tem algumas edições raras do diabinho pra baixar: "Quadrinhos Antigos" (de onde tbm tirei 2 capas clássicas pra esta postagem)!!!

Até+

28 comentários:

  1. Humm, não cheguei a ler durante a minha infancia, mas a carinha é bem familiar. Agora não ficaria surpreso se esses envangelicos sem noção pedissem para os pais não comprarem esse gibi para as crianças hehehe.

    ResponderExcluir
  2. Q coincidência, Marcelo....

    pelo horário q vc postou este comentário, eu ainda estava escrevendo os últimos parágrafos da matéria (enquanto procurava imagens tbm), e num dos parágrafos eu comentei exatamente isso: da polêmica em alguns setores religiosos!!!

    nos EUA o Brasinha nunca chegou a ser um sucesso de vendas (pelo q eu li num site americano enquanto pesquisava pra escrever o texto). Pois lá os americanos conservadores realmente proibiam esse gibi pra seus filhos!!!

    Já aqui no Brasil, o Brasinha foi um sucesso de vendas (segundo consta na wikipédia)...

    e vamos ver hj em dia como ele se sai diante da mídia e de um controle cada vez maior sobre o conteúdo dos gibis!!!

    esse promete causar, hehe....

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  3. Mas a época que o personagem foi lançado, foi no tempo da Ditadura, em que os sensores pegavam pesado a torto e a direito. Hoje como existe a censura prévia, talvez eles invetem que as tramas não sejam exatamente livres.
    Vamos pensar por um lado: houve tempos bem piores. No tempo da Ditadura, censuravam por exemplo os desenhos do Superman na tv, porque acreditavam que o desenho poderia influenciar as crianças a se jogar dos telhados das casas.

    ResponderExcluir
  4. "censuravam por exemplo os desenhos do Superman na tv, porque acreditavam que o desenho poderia influenciar as crianças a se jogar dos telhados das casas."


    e pior q teve uns moleques q fizeram isso mesmo....

    lembro até de um caso onde um garotinho se incendiou pra ficar igual ao "Tocha Humana" (uma das razões pela qual o personagem foi substituído pelo robozinho "Herbie" no desenho animado dos anos 80)!!!

    mas se nos anos 60 e 70 tínhamos a ditadura.... hj temos o "politicamente correto" (q tem sido bem pior até). Hj em dia, por exemplo, acho q jamais permitiriam desenhos animados com o grau de violência e agressões dos clássicos: "Pica-Pau", "Tom & Jerry", e "Papaléguas"!!!

    claro, q temos "South Park", "Simpsons" e "Ren & Stimpy"... mas falo dos desenhos animados liberados pra passar de manhã cedo na TV aberta (sem cortes, é claro - já q simpsons passou na Globo, mas todo retalhado)!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Leo, que ótima notícia, eu gosto muito do personagem. Claro que o Brasinha é um diabinho, mas e daí? Acredito que será muito bem aceito, e as vendas vão bombar. Nestes tempos de politicamente correto a Pixel dá de 10 a 0 na concorrência e manda muito bem. Excelente matéria e vida longa ao gibi do Brasinha, que vou colecionar com certeza... Abs.

    ResponderExcluir
  6. Leo, isto que vc mencionou de desenhos adultos como "South Park", "Simpsons" é verdade. Adoro Simpsons e procuro assistir sempre que dá, afinal estamos na 24ª temporada,rs. Mas o conteúdo é muitas vezes pesado. South Park não gosto.

    Quanto aos gibis da Pixel, acho que Hagar deveria ser o próximo a ganhar título, mas algo me diz que teremos um título feminino a seguir, algo como Bolota, ou Brotoeja.

    ResponderExcluir
  7. "Excelente matéria e vida longa ao gibi do Brasinha, que vou colecionar com certeza... Abs."


    Valeu mesmo, Paulo!!!

    eu tbm devo comprar essa do "Brasinha"... pois lembro q qdo lia na infância, era melhor q os demais títulos da Harvey!!!

    Nesta madrugada... enquanto eu pesquisava sobre ele pra escrever a matéria, acabei baixando 2 gibis do Brasinha (nesse link q eu postei na matéria) e confesso q achei uma boa leitura mesmo agora q já se passaram mais de 30 anos desde q li um gibi do brasinha!!!

    a pixel tem mandado mto bem nesses gibis clássicos, hein?? Ah, e ontem eu comprei o "POPEYE 3".... q tá muito bom (olívia milionária rende ótimas piadas e brigas, rs)!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  8. "Leo, isto que vc mencionou de desenhos adultos como "South Park", "Simpsons" é verdade. Adoro Simpsons e procuro assistir sempre que dá, afinal estamos na 24ª temporada,rs."


    Nossa, 24º temporada já com os simpsons?? caramba, o tempo passou depressa e preciso me atualizar (parei na 19º - qdo cancelei a net e fiquei anos sem assistir novos episódios)!!! Vou baixar as temporadas q faltam então (junto com as novas do "Futurama" q eu tbm curto)!!!

    e sobre o futuro da Pixel... o leque de possibilidades é infinito:

    Flash Gordon, Fantasma, Dick Tracy... são apenas alguns dos títulos q eu gostaria de ver relançados aqui algum dia (em formato econômico, é claro: pois alguns desses andaram saindo em álbus custando mais de 100 reais, aí não teve condições pra mim, rs)!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  9. Ache uma boa notícia e estou a fim de comprar nem que seja para apresentar as novíssimas gerações da família. Quanto a censura acho que o pessoal está um pouco equivocado. As histórias são tão ingênuas que acredito que passaram longe dos olhares impiedosos da velha Ditadura que estava mais focada em outras artes como a música, o cinema e o teatro. Verdade que hoje temos o Politicamente Correto. Um termo que tem sido usado de forma pejorativa mas não podemos esquecer que essa 'censura' é exercida pelos próprios produtores culturais e pelos consumidores de cultura e não por um poder superior e ditatorial. E qualquer abuso pode ser combatido. Sinceramente, censurar uma revista como Brasinha é ter um ponto de vista completamente equivocado da matéria.

    ResponderExcluir
  10. "As histórias são tão ingênuas que acredito que passaram longe dos olhares impiedosos da velha Ditadura"


    Da "nossa" ditadura passou batido mesmo (tanto q o brasinha atravessou todos os "anos de chumbo" vendendo bem)... mas nos EUA a coisa foi + séria (pelo q li num site americano enquanto pesquisava pra escrever o texto). lá nos EUA a igreja exerce um poder maior de persuasão nos hábitos dos americanos (fato referenciado seguidamente nos "Simpsons", por exemplo: qdo em vários episódios eles vão à igreja dominical e são afetados pelo teor de alguns sermões)!!!

    eu até me admiro pelo fato do brasinha ter sido criado ainda no auge dos efeitos do livro "Sedução dos Inocentes" (daquele psiquiatra maluco q acusava os gibis de exercerem tudo de mal nos jovens: violância, drogas, sexo, etc - e q foi o estopim pra censura nos comics americanos nos anos 50)!!!

    enfim... tbm acho as histórias bem leves e da minha parte eu não teria problema nenhum em recomendar essa leitura pra qq cirança. Mas sabe como é, né? Tem mta gente q radicaliza pra valer mesmo e vê "satanismos" e maldades em toda parte!!!

    a nível de curiosidade... existem até blogs brasileiros q condenam gibis tipo "Hellboy" e q já fizeram extensas matérias relacionando gibis da Mônica e da Disney com coisas ligadas ao demônio (alguns desses links foram postados na comunidade Disney do orkut q eu frequento)!!!

    são desses radicalismos extremos q eu tava falando... e certamente esses grupos irão se manifestar assim q souberem do relançamento desse gibi do brasinha tbm!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  11. Vejam um dos exemplos de "Satanismo nos Gibis da Mônica" neste link:

    http://igrejadoprimeiroimpacto.blogspot.com.br/2011/03/subliminar-turma-da-monica-e-satanica.html

    só pra ilustrar melhor o q eu quis dizer, rs...

    Abs!!

    ResponderExcluir
  12. "o "Gasparzinho" era o fantasma do "Riquinho" (q teria morrido num acidente) e q o "Brasinha" era a alma dele mandada pro inferno."


    Ah, ah, ah... nunca tinha ouvido isso, mas até que fica legal a brincadeira!!!

    Eu gostava do desenho do Riquinho que chegou a passar na Tv, mas, vendo os quadrinhos, não curti muito. O Gasparzinho tem um conteúdo melhor do que o Riquinho, às vezes o fantasminha é meio certinho demais, mas acredito que ele foi criado já com essa concepção, não foi algo que de repente "institucionalizaram", então, tá valendo também.

    Espero gostar do Brasinha. Algo me diz que sim.

    Você não lê Luluzinha e Bolinha.... acho que não curte muito o gênero mais infantil das HQs.

    Ontem eu reli o MARVEL+AVENTURA com o Surfista Prateado.

    Abraços. Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
  13. "Você não lê Luluzinha e Bolinha.... acho que não curte muito o gênero mais infantil das HQs."


    Com esses 2 eu até simpatizo (ao contrário da Vômica, dessa sim eu realmente passo longe - não gosto dos gibis do MS)!!!

    mas não leio Lulu e Bola pq não são mto a minha praia (apesar de não ter nada contra eles)... do gênero + infantil eu basicamente só curto Disney mesmo (talvez por terem um foco na aventura e roteiros mais elaborados - em alguns casos, é claro - nem sempre é assim, porisso não sou um leitor tão assíduo da Disney tbm)!!!

    mas o Brasinha eu vou comprar sim... só pelo saudosimo e pq me remete à uma época boa q vivi (anos 70)!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  14. Tem nome melhor do que Brasinha para uma churrascaria?

    Se eu fosse o dono do lugar, colocaria um pôster do personagem na parede...

    Quanto ao lançamento, ao menos o primeiro número comprarei e darei uma conferida. Riquinho e Gasparzinho não deram para mim. Achei chato demais.

    Abç!!

    ResponderExcluir
  15. Oi, LEO,

    Tudo bem? Sou repórter da revista VEJA RIO, do Rio de Janeiro, e gostaria de conversar com você para uma matéria. É urgente!

    Poderia me passar seus contatos por e-mail? Meu endereço é louise.peres@abril.com.br

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  16. Oi Léo...

    Cara... Não conhecia esse personagem! Muito bom. Sempre me interessei mais por Super-Heróis e talvez por isso esse tenha passado despercebido. Pelo que entendi a Pixel está relançando algumas historias à exemplo de outros personagens clássicos!

    Abc!

    Marcelo.

    ResponderExcluir
  17. "Tem nome melhor do que Brasinha para uma churrascaria? Se eu fosse o dono do lugar, colocaria um pôster do personagem na parede"


    Bem bolado mesmo, né??

    e o diabinho tava lá sim (no logotipo da churrascaria e em posters nas paredes tbm).

    se não me falha a memória (isso foi há alguns anos atrás)... até os guardanapos eram padronizados com o Brasinha, rs!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  18. "Oi, LEO, Tudo bem? Sou repórter da revista VEJA RIO, do Rio de Janeiro, e gostaria de conversar com você para uma matéria. É urgente!"


    Olá, Louise... tdo bem?

    vou te mandar um mail agorinha mesmo então, blz??

    Abs!!

    ResponderExcluir
  19. "Pelo que entendi a Pixel está relançando algumas historias à exemplo de outros personagens clássicos!"


    É isso mesmo, Marcelo....

    ainda não vi esse gibi pra ter certeza absoluta do conteúdo, mas o material deve ser o clássico mesmo (de 1957)!!!

    até mesmo pq, toda a produção de histórias com ele (pelo q eu entendi) parou faz mais de 40 anos atrás!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  20. Olá Léo!!

    Referente a esse gibi li a matéria e fiz o download para ver as histórias e realmente não tem nada de satânico, ou seja Léo, sou cristão mas as vezes alguns cristãos exageram em certo ponto prejudicando os demais e ás vezes enxergam diabos onde não tem(exceto nesse caso aí de cima)... pq se olharmos outros desenhos vamos verficar que o pica-pau é um sujeito que trapaceia as pessoas de todos os modos e meios e sempre se dá bem no final da maioria das vezes, e ninguem acha demais pq ele não esta parecendo uma figura demoniaca ou coisa do tipo!!! Sei lá cara acho que isso que poderia prejudicar as crianças!!

    Valeo Léo

    ResponderExcluir
  21. "Referente a esse gibi li a matéria e fiz o download para ver as histórias e realmente não tem nada de satânico"


    É bem light mesmo, né?

    tbm não vi nada demais (é um humor leve e até ingênuo, mas diverte justamente por ser uma leitura tão despretenciosa)!!!

    só q algumas pessoas sempre exageram em seus extremismos... aumentando polêmicas q não deveriam ter tanta importância. Mas isso sempre foi assim. A História da Humanidade tá repleta de exemplos onde polêmicas alimentadas de forma errada tomaram proporções grandiosas (sendo q muitas delas termianram até em guerras q poderiam ter sido evitadas)!!!

    Qto ao "Pica-Pau", ele foi beeeem amenizado pros dias de hoje... basta ver as novas versões feitas dos anos 90 pra cá: praticamente todas as características originais do personagem (q realmente era uma peste, rs) foram totalmente alteradas pra serem aceitas nos valores da sociedade atual. Nem parece o mesmo personagem!!!

    já o Brasinha... nunca teve um desenho animado próprio, mas teve uma origem "secreta" num episódio do Gasparzinho, onde o fantasma se tornava um diabinho após ingerir uma poção. Dizem q essa teria sido a "inspiração" pro Brasinha (q seria uma cópia do próprio gasparzinho nesse episódio)!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  22. Surpreendente o blog da igreja do primeiro impacto, cujo link você indicou. É tão tosco que nem merece ser escrito com letras maiúsculas. O pior é que tem gente pra fazer aquilo, gente para acreditar... e por aí vai.

    ResponderExcluir
  23. "Surpreendente o blog da igreja do primeiro impacto, cujo link você indicou."


    E esse é apenas um.... tem vários outros no mesmo estilo espalhados poraí (tanto aqui no Brasil qto no resto do mundo):

    tem um q é até engraçado, onde o cara q escreve as matérias enxerga mensagens subliminares de sexo em toda parte... ele vê genitálias masculinas e femininas até nas nuvens e nos cenários dos gibis, rs!!!

    chega a ser incoerente alguém atacar e condenar o sexo e a nudez na mídia... mas ver sacanagem e genitálias em toda parte (até onde não tem)!!!

    é cada uma, hehe...

    Abs!!

    ResponderExcluir
  24. André Santiago05/01/13 19:38

    Vou fazer uma revelação: eu me amarrava nas revistas do Brasinha quando era pequeno, mas ao mesmo tempo, tinha um medo infernal (desculpe o trocadilho) dele. Só pedia para o meu comprar quando não tinha nenhuma revista nova na banca e eu não tinha nada pra ler. Vou baixar umas antigas para ler sem o medo que eu tinha na minha infância (rs).

    ResponderExcluir
  25. "Vou baixar umas antigas para ler sem o medo que eu tinha na minha infância (rs)."


    O q me dava medo mesmo na infância era a "Kripta".... meu tio colecionava essa, e eu pegava escondido pra ler (já q minha mãe proibía esses gibis de terror). Lembro q era sinistro mesmo ver aquelas imagens de demônios com cara de bode e sacrifícios humanos nos gibis da "Kripta" (se ainda hj é barra-pesada, imagina pra uma criança de 7 ou 8 anos na época, rs)!!!

    qto ao brasinha... vou ver se compro esse nº 1 ainda hj am algum shopping (me avisaram q já chegou nas bancas daqui)!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  26. Eu também tinha medo de Kripta e só lia durante o dia, depois guardava os gibis lá fora no quartinho pra não deixar perto de mim a noite.

    ResponderExcluir
  27. E aí, Léo. Tranquilo?

    Esta é uma excelente notícia.
    Parece que a Pixel conseguiu se firmar no mercado aproveitando um segmento que foi bastante mal explorado: quadrinhos clássicos.

    a Opera Gráfica tentou investir neste tipo de material, mas os preços eram tão altos que a palavra abusivo chegava a ser um eufemismo...

    Fico feliz que a Pixel tenha finalmente se encontrado e superado os erros da fase Vertigo/Wildstorm (publicar séries pela metade e de forma desorganizada, começar títulos pelo meio). Agora resta esperar que a Editora também publique hqs clássicas como Dick Tracy, Fantasma, Flash Gordon.

    Abs

    ResponderExcluir
  28. "Agora resta esperar que a Editora também publique hqs clássicas como Dick Tracy, Fantasma, Flash Gordon."


    Tomara mesmo, Luiz...

    eu deixei de comprar aquele álbum gigante do Flash Gordon q saiu ano retrasado pela "Kalaco" (outra bem careira q é dos mesmos donos da ópera) só pq não coube no orçamento (custava mais de 100 reais por poucas pág)!!

    a Pixel realmente percebeu o óbvio no mercado de hqs: q séries clássicas ainda possuem bastante apelo popular, mas precisam ser acessíveis à todos os leitores!!!

    com bons preços, várias séries clássicas emplcaram nas bancas atualmente: Lulu, Bolinha, Zero, Popeye, Gasparzinho, Riquinho e Brasinha!!!

    e q venham mais... vida longa aos clássicos (o q sair de material assim com preço bom eu cofro na hora, rs)!!!

    Abs!!

    PS: "Príncipe Valente" e "John Carter" (q saía no mix do Tarzan em P&B da ebal)... tbm seriam mto bem-vindos!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...