06/06/2022

"Hitman - Ed. De Luxo" (Vol. 1): "Fúria no Arkham" e "10.000 Balas"...

Finalmente... A matéria que eu sempre quis escrever aqui no "Submundo": Uma postagem especial sobre o lançamento de uma NOVA coleção de "HITMAN" (de Garth Ennis) - Disprada uma das minhas HQs favoritas de todos os tempos (e no mesmo nível de "Preacher" e "Justiceiro MAX")!

Programada pra 4 Vol. no total, a coleção trará a saga completa de "Hitman", o assassino Tommy Monaghan (que atua em Gotham City e acaba sendo uma pedra no sapato do "Batman" e do departamento de polícia da cidade - e de todo o crime organizado, é claro)!   

Confira abaixo, o conteúdo completo do Vol. 1:

O 1º  Vol. da coleção deluxe de "Hitman"... Tommy Monaghan é um assassino profissional (com alguns superpoderes: Telepatia e visão de raios-x) e um lugar como Gotham City oferece à ele inúmeras oportunidades de emprego. Mas mesmo que aceite apenas contratos de criminosos (exterminando boa parte do submundo do crime) ele inevitavelmente acabará topando com o "Batman" e outros personagens do Universo DC ao longo da série: "Lanterna Verde", "Mulher-Gato", "Coringa", "Etrigan", "Lobo", e até o "Superman". Levando uma vida boêmia (sempre no "Bar do Noonan"), "Hitman" conta com a ajuda de uma equipe pra lá de bizarra (que é o seu "apoio tático"): "Natt Boné" (seu melhor amigo e parceiro de matanças), "Sixpack" (um beberrão que vive alcoolizado), "Tremedeira" (com ataques epiléticos), "Defenestrador" (ele carrega uma janela de vidro consigo pra "defenestrar" seus inimigos), "Jean de Batom" (ele é Francês - apenas isso), "Catarro" (ele cospe nas pessoas - é tipo o "Bob Cuspe", kkk), "Fogo-Amigo" (o mais poderoso da equipe, MAS: durante as batalhas ele acaba se voltando contra os próprios aliados - causando até algumas baixas entre os companheiros, rs), "Maçari-Cão" (ele solda cachorros mortos na pele dos inimigos), e por fim: O "Bueno Excelente" (que estupra os bandidos: Combatendo o crime com o "poder da perversão" - nossa)! 

Criado em 1993, por Garth Ennis & John McCrea... "Hitman" fez sua 1º aparição nas HQs durante a saga "Bloodlines" (um mega-crossover da DC), na edição de "Etrigan - O Demônio ANUAL 2" (publicado aqui no Brasil pela Brainstore no Especial: "A Origem de Hitman"). Na trama, Tommy Monaghan, um mercenário de Gotham City, foi infectado com um vírus que lhe garantiu telepatia limitada e "visão de raios-x" (após ser mordido por um parasita alienígena). Agora, em posse de tais poderes, Tommy se torna um assassino bem sucedido e temido no mundo do crime. Entre seus primeiros grandes adversários, está um gângster SIAMÊS: Que busca vingança contra Tommy por este ter matado seu irmão e torná-lo um cadáver em decomposição no mesmo corpo do irmão sobrevivente (FOTO abaixo - grotesco). "Hitman" é uma das séries mais violentas e sangrentas da DC (beirando a linha Vertigo da época): As mortes são viscerais e explícitas (cabeças explodindo e tripas pra todo lado) e o humor negro de Ennis está no AUGE (do mau-gosto, kkk)!
 
A edição da Panini tem capa-dura, 464 pág, R$ 189,90... E traz as HQs publicadas originalmente em: "The Demon Annual" 2, "The Batman Chronicles" 4, "Hitman" (1996) 1-14, e "Hitman Annual" (1997) 1. TODAS já publicadas no Brasil em: "Hitman" nº 1-5 (revista mensal da Editora Magnum, que publicou o arco completo: "Fúria no Arkham" e cancelou a revista deixando pela metade o arco seguinte); "Hitman Especial - 10.000 Balas" (da TEQ - Conclusão do arco deixado em aberto pela Magnum); "A Origem de Hitman" (Especial da Brainstore trazendo a edição anual do "Etrigan", com a 1º aparição de "Hitman"); A revista mensal do "Hitman" 1-13 (da Brainstore - Que trazia 2 histórias por edição); "Hitman - Um Caixão Cheio de Dólares" (Brainstore); e uma participação de "Hitman" na mega-saga "Contágio" (que saiu em "Batman - Vigilantes de Gotham 18" da Abril). As CAPAS acima (utilizadas nesta matéria são todas de edições nacionais contidas neste 1º Vol. da Panini). Recomendadíssimo, é um dos gibis mais divertidos que eu já li (nos EUA, a série teve 60 edições fechadas e vários especiais - Mais da METADE de toda a série permanece INÉDITA no Brasil)!  
 
Até+

35 comentários:

  1. Oi Leo!
    Já estava no aguardo da sua matéria sobre Hitman, um dos títulos mais importantes da década de 90, e não sou eu que estou dizendo, a revista Wizard americana na época colocava o título lá no topo das melhores publicações da época!
    Creio que se não fosse Preacher, Hitman seria a obra prima de Garth Ennis, e a obra mais influente dos Anos 90!
    Por anos e anos, esta série era pedida para ser republicada, e o Levi se esquivava, sempre empurrando para frente. Mas foi só ele sair da editora que as coisas literalmente fluíram e vários títulos que os leitores de longa data pediram, estão sendo republicados!
    Eu tenho as edições que saíram a partir de 1997 pela Brainstore, mas infelizmente terei de adiar a compra deste encadernado para algum momento no futuro!
    A avalanche de lançamentos de títulos bons e interessantes, os altos preços dessas edições e o custo de vida muito alto atualmente, estão me fazendo dar um pisada grande no freio; e olha que não é questão de poder parcelar as compras, é questão de priorizar mesmo o que dá para comprar, e o que não der empurrar pra frente!
    Depois do omnibus do Miller, as Sagas Demolidor (ainda não me decidi sobre a dos X-Men),e Superman, as CCM do Demolidor e Homem de Ferro, as ESC,Tiras de Jornal do Aranha e ainda o vindouro encadernado do Demolidor do Bendis, as Tiras de Jornal do Conan, e agora o encadernado do Fantasma!
    Em suma, tá foda mesmo!!
    Hitman, Starman, e Cavaleiro da Lua, eu vou empurrar pro Black Friday e ver no que vai dar; quem sabe alguma excelente promoção surja na data ou no natal!
    Enfim, não podemos reclamar de publicações de HQs, principalmente clássicas, são outros fatores que estão dificultando nosso acesso a elas!
    Hitman seria uma boa pedida no universo de séries e filmes da DC, mas sua principal inspiração o ator Michael Madsen está muito velho e gordo, além de outro problemas pessoais, como a morte recente de seu filho, drogas, alcool, e prisão!
    Ademais, eu creio que o Pacificador usurpou o lugar dele neste universo cinematográfico, porque ele lembra muito o Hitman em personalidade, fora o Vigilante que é mais louco e mortífero que ele ainda!
    A série do Pacificador pode ter sido escrita pelo James Gunn, mas é Garth Ennis puro!
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Por anos e anos, esta série era pedida para ser republicada, e o Levi se esquivava, sempre empurrando para frente. Mas foi só ele sair da editora que as coisas literalmente fluíram e vários títulos que os leitores de longa data pediram, estão sendo republicados!"

      Que ironia, não?! E na nova editora o "Senhor dos milagres" continua sua saga de publicar o que ninguém pediu. rs

      Excluir
    2. Oi, Elcio... Tdo bem?

      Realmente, amigo... O "Hitman" era mto badalado nos anos 90, principalmente pela mídia americana: Eu ainda tenho a "Wizard" importada q fazia uma farta matéria sobre a série, inclusive elencando um TOP 10 de cenas mais violentas do gibi (e olha q na época o "Hitman" recém tinha completado 1 ano e pouco da estreia, rs)!

      Pena q aqui no Brasil o "Hitman" deu azar de ter saído por esse monte de editoras picaretas dos anos 90 q abandonavam os títulos pela metade sem sequer dar uma satisfação pro leitor (no caso da Brainstore, esse LIXO de editora simplesmente SUMIU do mapa e deixou todas as suas publicações em aberto - O "Preacher", então, foi cancelado faltando apenas 6 números pro término da série: Uma das maiores filhadaputices do mercado nacional)!

      "Por anos e anos, esta série era pedida para ser republicada, e o Levi se esquivava, sempre empurrando para frente. Mas foi só ele sair da editora que as coisas literalmente fluíram e vários títulos que os leitores de longa data pediram, estão sendo republicados!"

      Verdade isso... Eu tbm percebo q a Panini (por mais problemas q ainda tenha) melhorou bastante depois da saída do Levi (e de outras cabeças inúteis q rolaram junto): Até os erros grotescos de revisão diminuíram bastante diante da sequência deplorável de falta de revisão em praticamente todos os títulos da panini (parecia até uma auto-sabotagem interna: vai saber, né? hehe)!

      E eu te entendo perfeitamente qto aos cortes de gastos no orçamento, brother... Tô na mesma situação, e minha prioridade máxima é manter o colégio do meu filho (q é dos mais caros, mas ajudará a garantir um futuro melhor pra ele) e botar comida na MESA (carne, massa, e cerveja/vinho): Só DEPOIS de tudo isso vem os GIBIS e agradinhos pra patroa (shopping, estética, presentinhos, etc). E as contas/dívidas eu vou pedalando com os bancos e meu advogado vai costurando os acordões, kkk!

      Das HQs q vc citou (e mais algumas da minha lista de desejos)... Ainda me falta comprar:

      -Frank Miller OMNIBUS
      -Hitman 1-2
      -As Tiras do Aranha 3
      -Cav. da Lua (Fundo do Poço)!
      -As Tiras do Conan
      -Motoqueiro Fantasma (Ennis - q vai ser relançado e eu só tenho na "Marvel MAX")!
      -Surfista Réquiem
      -Justiceiro Marvel Knights (Ennis)!
      -LJA (Pérez)!

      Fora as regulares q eu acompanho: "CCM", "A Saga do Demo", "Kamandi", "Tex Ouro", "Tex Ed. Histórica", "Star Wars", "Darth Vader", "BRZRKR", e os "Patos" do BARKS!

      É mta coisa e eu tenho q ir comprando bem aos poucos e na manha... Mtas vezes tendo q vender peças de "Falcon" pra poder ajudar nos gastos com os gibis (é o boneco q tem me ajudado a manter alguns encadernados graças às negociatas q faço, hehe)!

      "Enfim, não podemos reclamar de publicações de HQs, principalmente clássicas, são outros fatores que estão dificultando nosso acesso a elas!"

      Não podemos mesmo... Em matéria de oferta de material pro leitor, acho q nunca estivemos tão bem servidos de títulos clássicos de qualidade. O único problema acaba sendo o alto custo de se manter esse hobby diante de uma crise econômica de escala mundial (e q nos afeta diretamente)!

      E bem lembrado... Esqueci de mencionar na matéria q o "Hitman" foi mesmo inspirado no ator Michael Madsen (FOTO abaixo):

      https://m.media-amazon.com/images/I/61YFg3wIvCL._AC_SX466_.jpg

      Abs!

      Excluir
    3. "Que ironia, não?! E na nova editora o "Senhor dos milagres" continua sua saga de publicar o que ninguém pediu. rs"

      Pois é, Roberto...

      Eu ainda devo comentar aqui algumas publicações da editora "Hypérion" (do "Sr. dos Milagres", rs)... E já numa das próximas postagens. Mas até agora não teve NADA q me interessasse (nem o coelho ninja, nem o material classe "Z" do BYRNE, ou os títulos mimizêntos direcionados pra adolescentes q reclamam da vida e dos pais q os sustentam, kkk)!

      Definitivamente... NÃO é pra mim, rs: mas é notícia assim mesmo (bem ou mal) e logo vou comentar por aqui sobre alguns lançamentos da editora (q somente há poucos dias começou a dar o ar da graça na loja daqui)!

      Abs!

      Excluir

  2. Garth Ennis!

    Garth Ennis como sempre indo fundo na criatividade , uma mente sem limites até hoje não sei classificar esse escritor anarquista, sujo , grotesco, Alternativo.... Não importa é divertido.
    Matéria bem escrita como você sofro com poucas edições publicadas no Brasil despertando uma irritante curiosidade do que aconteceu nos arcos inéditos.
    Alguns vão reclamar do formato na minha opinião só esses tijolos viabilizarão a conclusão da série e sendo sincero para mim este é o formato ideal para aquelas séries que tem lugar no coração e serão relidas e apreciadas muitas vezes (Sandman ,Preacher, Transmetropolitan, liga extraordinária e outras séries da minha coleção já teriam esfarelado de tanto uso se fossem papel fino e capa cartonada)

    Agradeço por este artigo foi uma rápida viajem pela série , continuem generosos com as capas nos seus artigos trazem boa perspectiva.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Alexandre... blz?

      Eu virei fanzasso do Garth Ennis desde q li o "Hellblazer - Hábitos Perigosos" (na "Vertigo" nº 1 da Abril)... A partir dali, comecei a comprar todo e qq gibi q fosse escrito por ele, e "Hitman" pega bem a fase q eu considero o AUGE do escritor irlandês (anos 90, produzido simultaneamente com o "Preacher")!

      Acompanhar o "Hitman" no Brasil foi um parto... a série foi pulando de editora (Magnum, TEQ, Brainstore) até ser abandonada de vez na METADE. Não aguentei a curiosidade e terminei de ler o resto em scans: Mas ficou aquele gosto amargo de mais uma coleção q eu curtia ter ficado inacabada no Brasil!

      Concordo com vc em relação ao formato tbm... Eu preferia em capa-cartão (estilo "Lendas DC"), mas se não é viável comercialmente: Então, q saia em formato deluxe mesmo (o importante é SAIR a série de alguma forma, pois desconto a gente peneira depois: Qdo o gibi é BOM, vale o sacrifício, rs)!

      E obrigado por ter curtido a matéria... Eu adoro CAPAS (tenho um HD externo lotado com milhares de capas, kkk) e todas as postagens aqui no blog são sempre recheadas de imagens (geralmente com média de 10 por post, rs)!

      Abs!

      Excluir
  3. Ótima matéria!
    Não conheço esse material, mas essa matéria despertou o interesse. Analisando aqui o que deixarei de comprar (mangás, carne, arroz, feijão...) para adquirir esse petardo. rs
    Falando em Garth Ennis... vou encarar a fase dele no Justiceiro (Marvel Knight) que sairá agora pela Panini. Gosto bastante da parceria dele com o saudoso Steve Dillon e terá bastante coisa. Bom final de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Roberto, essa fase do Justiceiro que você se refere, que a Panini vai lançar agora, é repeteco daqueles quatro Marvel Deluxe que já saíram do Justiceiro de Garth Ennis? "No Princípio", "Mãe Rússia", "Barracuda" e "Valley Forge"?

      Excluir
    2. Adilson,
      é o que vem antes do que foi publicado na coleção Marvel Deluxe.

      Excluir
    3. "Não conheço esse material, mas essa matéria despertou o interesse"


      E aí, Roberto... blz?

      Brigadão por ter curtido a postagem... Esta matéria eu fiz com prazer, pois "Hitman" é realmente um dos meus gibis favoritos de todos os tempos, rs!

      Num TOP 5 de HQs do Ennis (na minha opinião pessoal), meu ranking seria assim:

      1) Preacher
      2) Hitman
      3) Justiceiro MAX
      4) Hellblazer
      5) The Boys

      E tbm vou certo no "Justiceiro Marvel Knights"... Embora eu prefira a fase MAX, tbm acho mto boa essa sequência anterior (com bastante humor negro e zueira, rs)!

      Abs!

      Excluir
    4. "essa fase do Justiceiro que você se refere, que a Panini vai lançar agora, é repeteco daqueles quatro Marvel Deluxe que já saíram do Justiceiro de Garth Ennis?"

      E aí, Adilson... blz?

      Essa fase do "Justiceiro" q vai sair agora é do selo "Marvel Knights" (anterior à MAX)... e q começa com o longo arco (uma maxi-série em 12 partes): "Bem-Vindo de Volta, Frank" (q já saiu nas Premiuns da Abril, em capa-cartão pela panini, e em 2 ed. capa-preta da Salvat)!

      Em seguida... Virão as 35 edições da série regular do "Justiceiro" (publicadas aqui pela Panini nas revistas de linha: "Paladinos Marvel", "Justiceiro & Elektra", e no mix de "Demolidor"), além de alguns "Especiais" tipo: "Justiceiro Massacra a Marvel"!

      Abs!

      Excluir
    5. "Num TOP 5 de HQs do Ennis (na minha opinião pessoal), meu ranking seria assim:

      1) Preacher
      2) Hitman
      3) Justiceiro MAX
      4) Hellblazer
      5) The Boys
      "

      "Preacher" é uma das melhores HQs que já li. Tem lugar garantido no meu TOP 10. Gosto de tudo ali.
      Se em seguida à "Preacher" você já elenca "Hitman" é porque também deve ser muito bom. Vou deixar na lista pra aproveitar em alguma promoção de 30% junto com as "Tiras do Homem-Aranha Volume 3".

      Valeu.

      Excluir
    6. É mais ou menos o q eu devo fazer tbm, Roberto...

      Assim q eu vender uns "Falcons" q anunciei no ML... Vou usar parte do lucro pra fazer um "pacotão" de encadernados atrasados no site da panini:

      -Hitman
      -Justiceiro MK
      -Tiras do Aranha 3
      -LJA (Pérez)
      -Frank Miller OMNIBUS

      Devem ser os primeiros da minha LISTA...

      Abs!

      Excluir
  4. Caro Leo,
    Tudo beleza. Hitman é um dos melhores trabalho,para mim,do Ennis. Loucura geral. Bate de frente com medalhoes da DC sem piedade. Vejo o seu trabalho com Justiceiro, na Marvel Knight, como uma especie continuação desta ideias da DC. Sem dúvida, é "aquele lado B do disco" com aquelas musica bem .underground. Este encadernado vale a pena cada página.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Celso... blz?

      Falaste tudo, amigo... É bem isso aí mesmo: Aquele "LADO B" q a gente gosta tanto ou mais do q o "LADO A", rs!

      "Hitman" segue os princípios de uma típica HQ despretensiosa: A diversão vem em 1º lugar, a zueira em 2º, e a ação/tiroteio/porradaria em 3º. O leitor se diverte pq percebe q o escritor e o desenhista TBM estão se divertido com o q estão produzindo, kkk!

      Abs!

      Excluir
  5. Linda matéria!
    Acabou de chegar...464 páginas de delírios do Garth Ennis, ou seja, Perfeito. Será que sai All-Star Section 8? bueno...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, chris... blz?

      Obrigado por ter curtido a matéria... E obrigado TBM por me avisar q a edição já está chegando em mãos (dia 20 meu cartão volta à ativa e vou direto no site panini garantir os Vol. 1 e 2 do "Hitman", rs)!

      E fico na torcida pra q no final da coleção (q terá 4 Vol)... a Panini nos brinde com a mini-série da "Seção 8" (HQ inédita no Brasil estrelada pela equipe de apoio tosca q eu mencionei na postagem, kkk)!

      Abs!

      Excluir
  6. Nunca li mas se é no nível de Preacher então merece a leitura. Abração Léo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Vinícius... blz?

      É no nível "Preacher" sim... Aliás, "Hitman" foi produzido ao mesmo tempo q o "Preacher" e tbm "Hellblazer" (nessa época o Ennis escrevia pra kct, hehe)!

      Abs!

      Excluir
  7. Grande Leo, blz? Hitman é um gibi que sempre quis ler, mas na época eu acabei gastando meu dinheiro com os gibis da Saga do Clone e de Heróis Renascem... hehe

    Se pintar uma promoção boa, vou tentar pegar, mas isso só depois de acabar as prestações do Top Ten do Alan Moore (que ainda nem comecei a ler) e acho que vou dar um confere nos scans antes para ver se vale mesmo o investimento. Eu curto bastante o Garth Ennis, só que tem coisas dele que não quero na coleção por ser apelativo demais, tipo o Crossed.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Guilherme... blz?

      Não se culpe, amigo... Eu tbm comprei os "Heróis Renascem" na época, hehe (mas o "CLONE" não: Parei com o "Aranha" antes de chegar nesse martírio, kkk)!

      E pode ficar tranquilo em relação ao "Hitman"... Pois NÃO se parece em nada com o "Crossed", rs. O "Hitman" é mais pra linha de ação e humor negro: tem violência e bizarrices, mas estas são feitas pra divertir o leitor e arrancar umas risadas com os absurdos em cena (ao contrário de "Crossed", q tá mais pro terror escatológico e excessivo, com o objetivo de nausear e chocar o público - tipo os filmes da "Centopéia Humana" e afins)!

      Abs!

      Excluir
  8. Blz Leo?

    ta ai uma coleção que gostaria de fazer mas não vou devido o preço, tenho as edições da magnun e achei bem divertido, Garth ennis na veia né.
    nunca paguei mais que 80 mangos numa HQ, ate tenho algumas (umas 30 talvez) que custam entre 100 e 150 que comprei com bons descontos.
    pro hitman chegar perto disto precisaria de mais de 50% de desconto e acho que isso nunca vai acontecer com os quatro volumes.
    nem fico chateado mais, na verdade agradeço de ainda poder gastar sem sufoco alguma grana com HQ por mês.

    abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, gustavo... blz?

      Será q com sorte (e paciência) o "Hitman" não chega à 50% de desconto? Pergunto, pq vejo q a Mythos tem trabalhado atualmente meio q só com a margem de 50% no site dela e, de repente, rolando uns cupons por aí eu acredito q os gibis da panini tbm possam chegar nessa faixa!

      Seja como for, tbm agradeço à deus por estar conseguindo acompanhar pelo menos as séries q eu já estava fazendo antes (tirando as sagas do "Super" e "Batman", q eu interrompi no Vol. 12 cada pra dar lugar às novas coleções de "Demolidor" e "Kamandi"!

      Abs!

      Excluir
    2. Essa semana tava com 50% no site das casas bahia e enviado pela propria Panini. Alias muita coisa estava, consegui pegar omnibus como o monstro do pantano, quarteto 2, mulher hulk, frank miler, starman com esse desconto

      Excluir
    3. E aí, gustavo... blz?

      Puxa... ótima dica, amigo! Pena q essas barbadas só me aparecem qdo meu cartão tá zerado (é só depois do dia 20 q meus créditos são "rebootados", rs)!

      Semana q vem então, vou ver se consigo uns 50% pra poder encarar: "Hitman", "Frank Miller", e "Tiras do Aranha 3"!

      Abs!

      Excluir
  9. opa...depois da saida do trindade da panini realmente ta saindo coisa boa que tinha sido deixada de lado...hitman é punk rock até o osso...hq de menino pra menino....lembro de um especial que saiu pela brainstore, acho...um caixao cheio de dólares...western spaghetti moderno e divertido...ennis é sempre uma boa pedida em materias de bizarrices e violencia...thor dele é impagavel....a pro é de um baixo nivel no melhor sentido da palavra...the boys, fury, apenas um peregrino...bloody mary, crime e castigo...cara, nao me lembro de nada ruim do irlandes...ate a hq do milhar do aranha é de um mau gosto com o personagem que nao da pra deixar de rir...torcer agora que com a saida do levi apareçam por aqui coisas finas tipo blaze of glory e apache skies com os caubóis da marvel e a mini do howard pelo selo maxxx...sonhar é de graça...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, ajota... blz?

      A melhor coisa q aconteceu com a Panini nesses últimos anos foi ter renovado seu quadro editorial... chutando pra escanteio esses editores brasileiros capengas (tipo os "Levis" da vida) e colocando no comando o Italiano (carcamano RAÍZ, rs): Melhorou bastante mesmo, pois agora temos uma variedade de títulos mto maior (mesmo q num nicho de público cada vez mais segmentado) e focando em atender os anseios do leitor TRADICIONAL (q quer mais é ver os CLÁSSICOS ao invés da lixarada moderna produzida pela Marvel/DC)!

      E "Hitman", realmente... é um gibi tão fora da curva e sem frescuras, q faz questão de colocar o protagonista SEMPRE fumando e bebendo (já como uma "provocação" às campanhas anti-tabagismo dos anos 90). Tbm aproveita e subverte o gênero de super-heróis, colocando heróis tradicionais da DC em situações (sinucas de bico) complicadas e q requerem medidas extremas!

      Qto à histórias ruins do ENNIS... Eu te confesso q só li 1 (UMA) q eu achei bem ruim: "O Milhar" (q vc citou acima e q eu achei a única pisada feia do irlandês, hehe). E tem tbm o crossover: "Medieval Spawn & Witchblade" (q saiu aqui pela Pandora) q é bem ruinzinha, mas tem momentos engraçados q nos arrancam umas risadas (tipo a protagonista achar a luva da Witchblade numa pilha de esterco e ganhar seus poderes em cima de um monte de merda, kkk)!

      E adorei a sua sugestão... de uma revisita ao selo MAX: ficou faltando mta coisa legal q nunca publicaram no Brasil e q mereciam uma nova chance agora com a panini sob nova direção!

      Abs!

      Excluir
  10. Fala Léo, sempre ouvi falar bem dessa série, mas pelo jeito, não vou ler tão cedo, esse ano tá difícil hqs pra mim, pelo menos ganhei o Esquadrão Supremo de presente ontem, se é Ennis daquela época, sei que é bom. Léo, uma pergunta, você já leu " Batman Reptilian " ? Vi ontem na Comix, mas pelas críticas que andei lendo por aí, apesar de ser do Ennis, as críticas não são muito boas. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Francisco... blz?

      Esse ano tá puxado mesmo, hein? Pra eu poder comprar essa edição do "Hitman", por exemplo, tive q abrir mão do "TEX OMNIBUS" (q eu tava louco pra comprar): Mas não dá pra ter tudo, né? E tive q fazer uma "Escolha de Sofia" nesse caso: Optei pelo "Hitman" (por já ter as histórias do "Tex" em formatinho)!

      E q presentaço: "Esquadrão Supremo" foi uma das melhores pedidas do ano até agora... Adorei essa edição e tenho certeza de q vc vai gostar tbm (depois diz aí o q achou)!

      Qto ao "Reptiliano"... Essa eu ainda não li, pois é uma HQ mto nova do Ennis q eu só fiquei sabendo q existia qdo foi anunciada pela Panini mês passado, rs. Mas essa eu vou experimentar pra ver (assim q chegar na loja daqui) e mais pra frente eu comento aqui no blog, pode deixar!

      Abs!

      Excluir
  11. Fala aí mestre Leo!

    Super interessante essa matéria esse lançamento de Hitman de Garth Ennis e John McCrea é o suprassumo do humor e escatologia no mainstream dos quadrinhos de super-heróis. Nos dias de hoje com a ascensão da obrigatoriedade da defesa de pautas identitárias, inclusivas, e da diversidade. O roteiro cheio de ironias, piadas chulas, violência gráfica e litros e litros de todo tipo de fluidos corporais como se vê nas páginas das aventuras do matador mais bem humorado das HQ´s seria algo barrado no nascedouro.

    Tenho todo material já publicado anteriormente pelas editoras Magnum e Brainstore, essa última com uma qualidade gráfica melhorzinha. Consegui ler toda a serie através dos scans que nos saciam a abstinência de material com a publicação interrompida. Pessoalmente, gostaria que a publicação viesse no formato "Saga" ou "Lendas", capinha cartão e papelzinho offset, pra ficar num precinho mais camarada, daria cerca de 10 encadernados pra fechar tudo que foi lançado.

    Mas por razões mercadológicas, já que se trata de um personagem um tanto obscuro e de nicho, a Panini optou pelo modelo de tiragem menor e preço mais elevado para um público direcionado que já conhece o material. Não se pode condená-la por isso já que não se trata de uma cooperativa de leitores que não visa lucro, e sim de uma empresa inserida no mercado capitalista, que busca maximizar seus ganhos minimizando seus custos.

    Junto com o lançamento de Starman, só vai ficar faltando vir a fase do Questão de Denny O'neil e Denis Cowan pra completar a trindade de personagens mais bem escritos da DC. Esses três Hitman, Starman e Questão são ouro puro no quesito roteiro bem escrito e coeso, junto de uma arte que casa perfeitamente com o texto. É claro que vai ser cofre todos os volumes publicados.

    Valeu comandante, matéria que mantém nosso interesse nos heróis de papel. Um abraço e até a próxima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, LEPM... blz?

      Verdade pura, amigo... Em tempos em q toda a mídia do entretenimento fica "pisando em ovos" pra seguir as cartilhas do politicamente correto e reduzir as dosagens de "TESTOSTERONA" nos filmes e HQs, um gibi como "Hitman" seria inconcebível nos dias de hj, hehe!

      Já começa pelo fato do protagonista fumar um cigarro atrás do outro (q nem o Jesse Custer fazia) e viver num bar enchendo a cara com os amigos e falando um monte de putarias com seus camaradas (típicas atitudes e comportamento vistos como "condenáveis" na nossa época, rs). Só isso e todo o resto da série é uma imensa "provocação" ao status quo (q já se desenhava no início dos anos 90 - o lance do cigarro, por exemplo, o Ennis fazia pra "causar" mesmo, já q as campanhas anti-tabagismo eram bem acirradas no geral)!

      "Pessoalmente, gostaria que a publicação viesse no formato "Saga" ou "Lendas", capinha cartão e papelzinho offset, pra ficar num precinho mais camarada, daria cerca de 10 encadernados pra fechar tudo que foi lançado"

      Mesma coisa aqui, camarada... Sou um grande fã e entusiasta do formato "Saga" ou "Lendas" (o ideal pra mim em qq material clássico) e TBM preferia q "Hitman" tivesse saído assim: em capa-cartão e dividido em uns 10 Vol.

      Contudo, vc matou a charada... Acho (palpite) q foi isso mesmo: A Panini deve ter optado pelo formato deluxe devido ao pouco apelo comercial da série (por ser de um personagem desconhecido do grande público e já ter tido uma passagem tumultuada pelo mercado nacional). O formato capa-dura minimiza o impacto de um possível prejuízo comercial, pois a tiragem é menor e a editora precisaria vender MUITO mais edições em capa-cartão pra obter o MESMO lucro de poucas edições deluxe vendidas!

      Infelizmente, essas escolhas por formatos luxuosos OU econômicos passam (inevitavelmente) por uma estratégia e cálculo de custos/vendagem e tal. Eu passei 5 anos envolvido com produção de material gráfico pros cursos q eu administrava e sei q os orçamentos em gráficas são sinistros! Era basicamente assim: Se eu aumentasse a tiragem dos livros didáticos q eu vendia, o valor deles diminuía pro aluno/consumidor, PORÉM, eu teria q vender mto mais livros pra não arcar com um prejuízo gigantesco e com todo o lucro comprometido. Assim, eu tinha q reduzir a tiragem pra evitar o encalhe, só q isso fazia elevar o preço do material a ser repassado pro aluno. É exatamente o MESMO problema com o qual as editoras nacionais se deparam e precisam decidir o q escolher pra obterem lucro e ao mesmo tempo não inviabilizar demais o produto pro leitor com preços q não cubram sequer os custos de produção!

      É um cálculo bem complicado mesmo... e a gente acaba se deparando com 2 percepções distintas: Na condição de LEITOR, a gente quer preços baixos e formatos acessíveis. Mas vendo pela ótica da editora, ela tbm precisa ter lucro e pagar o custo operacional do esquema todo (senão, acaba falindo: como qq outra empresa)!

      E "Starman" tbm está no meu radar... Só q esse eu acredito q terei q deixar passar (ou empurrar lá pra Black Friday, kkk)!

      Abs!

      Excluir
  12. E pensar que comprei várias edições desta da brainstorm em uma parada de posto de gasolina na Castelo Branco por apenas 1 real cada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Thiago... blz?

      Bem lembrado, amigo... De fato, os gibis da Brainstore foram desovados por 1 pila assim q a editora faliu nos anos 2000 e pouco, rs!

      Abs!

      Excluir
  13. uma dúvida: o Batman aparece bastante nessas histórias, ou é apenas um chamariz com uma pequena participação e depois some?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Adilson... blz?

      O "Batman" aparece apenas no 1º arco da série (Fúria no Arkham - q tem 3 partes)... E na HQ ligada à saga do "Contágio" (tbm neste 1º Vol)!

      Mas sim... O morcegão serve como chamariz (até na CAPA do nº 1 - q é a mesma do encadernado), kkk!

      Abs!

      Excluir

POR FAVOR, LEIA ANTES de POSTAR:

O "Submundo-HQ" é um blog que preza a amizade e a boa convivência entre os usuários... Assim, NÃO serão aceitos por aqui comentários que incluam:

1) Ofensas pessoais e falta de respeito em geral!
2) Manifestações e militâncias POLÍTICAS (de qq tipo)!
3) SPAM e links de divulgação gratuita de compra/venda de HQs!

Obrigado, e seja sempre bem-vindo ao "Submundo"...

Até+

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...