08/09/2014

"Super Popeye" (Pixel): Histórias Inéditas da IDW Ao Estilo Clássico....

O "Super Popeye" é um lançamento da Pixel (distribuição setorizada) no mesmo formato de seus últimos encadernados ("Fantasma", "Mandrake", etc): Capa-cartão, papel luxuoso (couché), 132 pág, e custando R$ 19,90!!!

A capa é uma homenagem à "Action Comics" Nº 1 (que trazia a 1º aparição do "Superman") e o material é INÉDITO no Brasil. Esta edição contém as primeiras histórias da nova fase do personagem (de 2012) pela editora IDW... e produzidas num estilo retrô (bem como eram os clássicos da Era de Ouro)!!!

Confira abaixo algumas imagens e a trajetória do marinheiro nos quadrinhos:

Já estou com essa edição do "Super Popeye" em mãos, e posso atestar que trata-se de um material de excelente qualidade... Um encadernado feito no capricho pela Pixel com matérias especiais sobre as origens do personagem e todas as capas originais (e alternativas) das primeiras histórias da IDW. De Roger Langridge, estas HQs seguem o mesmo estilo e padrão da fase clássica (acima tem uma pág. interna dessa série - e em uma das imagens abaixo também)!!!

É totalmente RETRÔ ("Era de Ouro" na veia, rs).... e vai agradar em cheio aos leitores das antigas que conheciam o "Popeye" na infância através de velhos gibis (da Ebal, Bloch, etc) e reprises de desenhos animados clássicos na TV! As histórias são uma leitura agradável e misturam humor com aventura!

Uma curiosidade dessa fase da IDW.... é a troca do nome: "Brutus" por "Bluto". O motivo é uma confusão envolvendo o nome original e direitos autorais (maiores detalhes neste "LINK") e a edição da Pixel traz uma matéria explicando a razão de terem mantido "Bluto" (conforme as revistas da IDW). Particularmente, eu acho que deveria ser "Brutus" de qualquer jeito: Mas entendo que tenham preferido o máximo de fidelidade ao texto original!

O "Popeye" foi criado em 1929 (por E.C. Segar).... E já teve uma farta produção de desenhos animados, tirinhas de jornal, e gibis: q atravessaram décadas encantando gerações e tornando o personagem e seus coadjuvantes verdadeiros ícones da cultura POP: "Olívia Palito", "Brutus/Bluto" (seu arqui-inimigo), "Dudu" (comedor de hambúrgers), "Bruxa do Mar", "Gugu" (bebê adotado), "Vovô Popeye" (que na verdade é pai do popeye), "Jeep" (uma espécie de cachorro mágico), "Alice" (uma estranha habitante da Ilha dos Goons), e tantos outros!!!

"Popeye" já teve um filme com atores reais em 1980 (estrelado por Robin Williams) e num desenho de 1953 foi revelado que o personagem tem 40 anos de idade (apesar de aparentar mais, rs). O significado do nome (Pop Eye) quer dizer algo como: "olho saltado" ou "olho arrebentado" pelo fato dele ser caolho (em animações dos anos 30 ele realmente não tinha o olho direito, mas depois ele passou a ser retratado com os 2 olhos - talvez um deles seja uma prótese de vidro)!!!

O marinheiro já teve vários gibis publicados no Brasil, tendo como auge as revistas da Ebal (100 edições - acima uma capa clássica de 1954) e Bloch (até com "Almanaques"). Em 2012, a Pixel lançou uma nova revista do "Popeye" (capa do Nº 1 lá em cima: com a "Sereia") trazendo outros personagens no mix: "Pinduca", "Hagar", "Krazy Kat", etc (mas durou apenas 7 edições). Recomendo o "Super Popeye" pros leitores que curtem ou simpatizam com o personagem (é o meu caso, e achei esse material: excelente)!!!  

Até+

PS: A seguir aqui no "Submundo".... Um "Plantão HQ" recheado de novidades e MAIS lançamentos. E pra quem tiver interesse nessa edição do "Super Popeye" (e outros encadernados da Pixel), a melhor forma de comprar (sem ter que esperar a setorização) é através de reservas na Livraria Cultura!!!

18 comentários:

  1. A revista da Pixel bimestral não durou porque teve pouca visibilidade e atratividade. Capas feias e miolo cheio de personagens nada a ver. As pessoas não ficam bobas quando alguém acha que assim deve ser. Se elas não encontram algo do que procuram, à altura de seu gosto, elas não compram mesmo. Num mercado por demais competitivo atualmente, parece que a Pixel ignora que deve investir melhor nos formatinhos. Ficam com títulos invisíveis em capas horrorosas, impressão péssima e um mix ruim. Agora lançam uma edição de luxo com relatos, curiosidades e histórias do Popeye... e vendem. É lógico que vendem. Se algo semelhante tivesse sido feito com as pequenas, também venderia.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. "A revista da Pixel bimestral não durou porque teve pouca visibilidade e atratividade."


    Oi, Fabiano..... tdo bem?

    Na verdade a Pixel tentou emplacar a revista do "Popeye" com mix, justamente pra torná-la mais atrativa pro leitor q busca a variedade de personagens. A revista do "Recruta Zero" tbm era assim (mix) no começo e com o tempo essa estratégia se mostrou falha (mtos leitores reclamavam do mix no face da editora). Assim, a Pixel atendeu aos pedidos dos leitores e o lance de mix foi extinto: Já a partir do nº 3 ou 4 a revista do "Popeye" era praticamente só dele (só umas 10 pág ainda traziam outros personagens)!

    Mas o fato é q a revista do "Zero" emplacou.... e a do "Popeye" não (embora ambas tivessem começado da mesma forma e abolido os mixes com o tempo). E um dos fatores q explicam isso está na REJEIÇÃO q alguns leitores tem pelo formatinho. Nem todo mundo gosta do formatinho, e vou te dizer q esse material da IDW (por ser originalmente em formato americano) ficaria péssimo no formatinho com aquele papel de raspa-de-arroz (repare na quantidade de quadros e texto nos balões - imagine os CORTES q teriam q fazer pra caber num formato menor). Nesse caso, a escolha do formato maior e num papel de melhor qualidade foi acertada (a meu ver)!!!

    A editora q lança tudo num formato só (q nem a Abril fazia até pouco tempo) fica estagnada no tempo e não atinge à todos os públicos.... a única forma de se (tentar) agradar à todos é lançar gibis em diversos formatos e preços: formatinho, encadernado econômico, encadernado de luxo, mensal mix, especiais, coleções fechadas, etc... O público ficou mais amplo e tem quem prefira gibis baratinhos e quem prefira os mais luxuosos (e o mercado tem q oferecer os 2 tipos de produto)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  3. Recentemente revi o filme de 1980 estrelado por Robin Williams e posso dizer que a produção é fiel a essência do personagem, mesmo tendo a maioria dos críticos da época terem detestado.

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca gostei do Popeye (nem dos desenhos)! Mas o personagem é um clássico e é sempre bom ver edições assim no mercado.

    Eu abomino mix de personagens. Muito melhor comprar edições maiores só com o personagem que gostamos, mesmo que com uma periodicidade mais espaçada. Eu não gosto do Popeye, mas compraria uma edição do citado "Hagar". Se fosse um mix dos dois eu descartaria!

    Com formatos, eu não sou muito exigente, mas adoro os encadernados. Só lamento que hoje em dia seja complicado um guri acompanhar os lan$amentos.

    ResponderExcluir
  5. Eu concordo com tuas posições. Só acho que a Pixel cancelou cedo demais. Não acho ruim esse lançamento. Minha crítica vai para um titulo regular que a Pixel preferiu perder logo ao invés de tentar uma melhoria. Talvez mudar o formato desse titulo e o período com que fossem as bancas.

    ResponderExcluir
  6. comprei o meu na loja singular ,mas ate agora nao chegou . ja tem 2 semanas .

    ResponderExcluir
  7. Oi, LEO!

    Eu também achei esse material excelente e foi uma das minhas melhores compras dos últimos tempos! Edição caprichada, leitura divertidíssima e despretensiosa, e o melhor de tudo: o estilo old school, sem querer modernizar muito o Popeye. Tomara que não demorem muito para lançar os demais...
    Ler esse gibi foi mesmo uma volta no tempo, quando eu via Popeye, Betty Boop, a Merrie Melodies antiga, e outros desenhos fodas nos bons tempos da tv. Dos mais novos, o único que vejo e gosto é o "American Dad".

    Ah, e o Hellblazer 2 também já está na mão, rs!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Léo. Belezinha?

    Fugindo um pouco do tópico, está sabendo sobre a coleção do Asterix que a Salvat irá publicar por aqui?
    http://ovicio.com.br/editora-salvat-lanca-colecao-de-asterix/

    Parece que este ano vou entrar em falência...

    Abs

    ResponderExcluir
  9. Caracaa !! Comprarei com toda a certeza ! Essa me pegou de surpresa , rsrs

    ResponderExcluir
  10. "Recentemente revi o filme de 1980 estrelado por Robin Williams e posso dizer que a produção é fiel a essência do personagem"


    Oi, Marcelo..... Eu assisti esse filme no cinema qdo eu ainda era criança e não me lembro mto bem a ponto de poder formar uma opinião a respeito hj em dia. Vi algumas cenas do filme há poucas semanas (durante os noticiários sobre a morte do ator) e não me recordava nem de ser um musical, rs. Mas uma hora dessas eu tento assistir de novo (ainda mais q voltei a virar fã do "Popeye" por conta dos gibis)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  11. "Eu abomino mix de personagens. Muito melhor comprar edições maiores só com o personagem que gostamos"


    E aí, SEMI..... blz?

    Eu tbm não gosto de mixes, e prefiro até pagar mais caro pra ler apenas o material q eu gosto (é o caso com "X-O Manowar" - sei q vou gastar mais, mas parei com a mensal e vou colecionar essa série pelos encadernados). Mas nesse caso do "Popeye", até q o resto do mix me agrava e por ser um gibi de humor, combinava bem (sem falar q os demais personagens tbm eram contemporâneos do "Popeye" e dividiam revista com ele tbm nos tempos da Ebal - o q deixava um ar de nostalgia nesse gibi da Pixel)!

    O "Hagar", inclusive, aparecia tanto no mix do "Popeye" qto no do "Zero".... mas acabou extinto qdo a Pixel aboliu os mixes. Aí entra o problema da popularidade dos personagens: A vantagem do mix acaba sendo a oportunidade q alguns personagens tem de aparecerem nas bancas (sendo q sozinhos as editoras não arriscam lançar encadernados deles: "Pinduca", "Krazy kat", "Pafúncio e Marocas", e o próprio "Hagar".... foram pra "geladeira" com o fim do mix, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  12. "Minha crítica vai para um titulo regular que a Pixel preferiu perder logo ao invés de tentar uma melhoria."


    Pois é, Fabiano..... tbm achei o cancelamento do "Popeye" mto cedo: mas não sei como ele estava indo nas vendas, e de repente a Pixel tava levando prejuízo a cada nova edição. Lembro q junto com o "Popeye" tbm rodaram outras revistas: "Gasparzinho", "Riquinho", e "Brasinha". Eu torcia pra uma expansão dessa linha de clássicos, mas infelizmente não rolou!

    Já esses encadernados parecem estar indo melhor.... e até o "Mandrake" q eu achava q fosse encalhar (por não ser tão popular qto o "Fantasma" ou o "Zero") acabou vendendo rapidamente todo o estoque na Cultura!

    Abs!

    ResponderExcluir
  13. "comprei o meu na loja singular ,mas ate agora nao chegou . ja tem 2 semanas ."


    Oi, romulo..... blz?

    Às vezes demora algumas semanas mesmo (nunca comprei nessa loja, mas em outras foi a mesma coisa: tem encomendas q levaram até 20 dias pra chegar). Espero q saia tudo bem pra vc, mas por via das dúvidas é melhor salvar todos os comprovantes da compra e entrar em contato com a loja pra ver o andamento da entrega!

    Abs!

    ResponderExcluir
  14. "Eu também achei esse material excelente e foi uma das minhas melhores compras dos últimos tempos! Edição caprichada, leitura divertidíssima e despretensiosa, e o melhor de tudo: o estilo old school, sem querer modernizar muito o Popeye."


    E aí, Alexandre...... blz?

    Q bom q não fui só eu q achei esse gibi do "Popeye "EXCELENTE, hehe.... É bom conforme vc falou mesmo: uma leitura mto agradável e bem ao estilo dos grandes clássicos da "Era de Ouro". Quem dera outros gibis tbm fizessem adaptações assim, né? Digo, emulando as fases realmente boas dos personagens!

    Tbm espero q lancem o resto.... já q essa fase do "Popeye" teve apenas 12 edições lá fora (além de alguns especiais tipo: "Marte Ataca o Popeye"). A IDW tbm tá republicando toda a fase clássica do marinheiro (uma das capas q eu postei acima é de uma ed. com republicações). E dos desenhos animados atuais, pra mim tem mto pouca coisa q se salva... Assisto basicamente: "Simpsons", "Beavis & Butt-Head", "South Park", e longa-metragens da Marvel/DC (o resto, só reprises de velharias das boas na TV, rs: "Herculóides", "Pica-Pau", "Donlad", etc)!!!

    Abs!

    ResponderExcluir
  15. "está sabendo sobre a coleção do Asterix que a Salvat irá publicar por aqui? "


    Oi, Luiz..... tdo bem?

    Puxa, dessa eu não sabia não.... Mas obrigado mesmo pela notícia, rs.

    Sempre quis colecionar "Asterix", só q infelizmente, acho q não será desta vez tbm, hehe: Entrei em fase de "contenção de gastos" (estou com minha conta bancária no vermelho) e não poso me atirar em (mais uma) nova coleção. Agora tá ficando exagerado mesmo, é coleção q não para mais (e olha q ainda tem a dos "Batmóveis" pro mês q vem, rs)! Se bem q sendo a Salvat, eu aposto num relançamento pro ano q vem do "Asterix" (aí de repente eu encaro)!

    Abs!

    ResponderExcluir
  16. "Caracaa !! Comprarei com toda a certeza ! Essa me pegou de surpresa , rsrs"


    E aí, Alexandre..... blz?

    Esse "Popeye" foi surpresa total pra mim tbm, rs.... Até qdo em falaram q iriam lançar um encadernado dele, eu imaginava q fossem os clássicos (e não a versão atual). Qdo eu soube q seria essa elogiada fase da IDW, foi uma surpresa em dobro, rs!

    Abs!

    ResponderExcluir
  17. Cara, essa do popeye foi surpresa, mas parece realmente bem legal!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale mto a pena mesmo, Thiago....

      Se algum dia vc encontrar esse gibi pela frente, fica aí a recomendação, rs!

      Abs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...