23/08/2011

MAD (da Record): O Retorno dos Jediotas..... (puro ANOS 80)!!!


Com o fim da Editora Vecchi (confira matéria anterior sobre a MAD aqui no "Submundo").... a Record assumiu as rédeas dessa anárquica revista!!!

O resultado.... foi um retrato perfeito dos anos 80: pois olhando as capas a seguir, vcs verão um verdadeiro passeio pela década de 80!!!

Os filmes (Rambo, Aliens, Indiana Jones), a moda, os ídolos da música (Madona), as novelas (Roque santeiro), os programas de TV (Jaspion), a febre dos vídeo-games, a proliferação das drogas e a liberdade sexual.... confiram as capas abaixo, e embarquem nessa viagem pelos anos 80:


Eu comecei a colecionar a MAD pelo nº 1 da Record (em 1984).... esta 2º série (depois das cento e poucas ed. da Vecchi) durou 158 edições (indo até o ano 2000) e atravessando 2 décadas inteiras!!!

A Record veio com tudo.... pois além da revista mensal, q mesclava material americano com matérias publicadas aqui no Brasil: tbm investiu pesado em Especiais (q republicavam material q já tinha saído pela Vecchi) e até em Livros de Bolso (q merecerão uma futura matéria só pra eles aqui no blog)!!!

A essas alturas, a MAD já estava consolidada no Brasil.... e os leitores já estavam bem acostumados com o estilo da revista. Talvez porisso a Record não tenha tido tanta dificuldade em emplacar logo de cara a MAD, ao contrário da Vecchi q estreou a revista no Brasil nos anos 70 e ainda teve q formar o público (q foi conhecendo a revista aos poucos)!!!


Logo no 1º número (em 1984) .... a MAD trazia uma sátira às eleições diretas, mostrando o pilantrão do Maluf na capa, rs:

O país estava saindo de um período bastante conturbado após o fim do regime militar.... e após 2 décadas de ditadura, o povo voltava às urnas pra votar e escolher o Presidente da República!!!

É claro q todo esse processo eleitoral foi motivo de piada pra revista.... q lançou tbm seus próprios candidatos escrotos: incluindo o personagem "BOB CUSPE" de Angeli (q ficaria famoso meses depois na revista concorrente da MAD: a "Chiclete com Banana" - q tbm vai ganhar uma matéria especial aqui no blog - aguardem)!!!


O nº 1 tbm trazia a sátira da 3º parte da trilogia clássica de Star Wars: "O Retorno dos Jediotas".... enquanto as ed. seguintes estampavam nas capas outros grandes sucessos do cinema da época:

Indiana Jones, Jornada nas Estrelas III, Gremilins, Curtindo a Vida Adoidado, Karatê Kid, De Volta p/ Futuro, Os Intocáveis, Robocop, Rambo II - A Missão, Rocky IV, Aliens, e Predador!!!

O cinema era farto em criatividade na época.... o q ajudava a render ótimas sátiras na revista!!!


Outro grande destaque da revista eram os infames "Relatórios OTA".... o OTA era editor da revista e tbm produzia matérias (com péssimos desenhos, mas q tão ruins e mal-feitos ficavam até engraçados - pois mais pareciam pichações em parede de banheiro público)!!! 

Tinha "relatórios" sobre vários temas: sexo, drogas, mulheres, invisibilidade (numa divertida matéria ensinando como ser invisível e o q fazer com esses poderes), e tantos outros!!!

Dizem q a ed. 25 da MAD q trazia o relatório das drogas.... foi a ed. + vendida da revista: a ponto de gerar uma polêmica sequência anos depois (da qual falarei alguns parágrafos abaixo)!!!



As novelas da TV tbm não escaparam do humor ácido e corrosivo da revista....

"Roque Santeiro" foi o maior sucesso da TV entre 1985/86.... e mereceu até capa da revista numa divertidíssima sátira nacional (os autores e artistas brasileiros eram mto bons na época, e não deixavam nada a desejar pra produção estrangeira)!!!  

Outra novela q mereceu capa tbm... foi "Pedra Sobre Pedra".... q ficou + famosa mesmo por causa do fotógrafo "Jorge Tadeu" (talvez o melhor papel da carreira de Fábio Jr.): q foi assassinado no começo da novela, mas q voltava do além pra traçar a mulherada sempre q uma delas comia uma flor da árvore q ele regava com mijo enquanto era vivo. É claro q uma escrotice dessas combinaria perfeitamente com o clima da revista, rs!!!


Já nos anos 90.... a 2º parte do "Relatório OTA das Drogas" (feito pra comemorar 10 anos do sucesso q foi a parte 1) gerou bastante polêmica:

A capa estampava o garoto-propaganda da revista cheirando uma substância tóxica.... A MAD americana qdo soube dessa capa, reclamou.... pois devem ter pensado q a capa fazia apologia às drogas. Só q eles não perceberam q a capa era uma piada (satirizando o uso das drogas e não fazendo apologia à elas) e q mostrava o personagem cheirando maconha (o q não teria efeito tóxico nenhum)!!!

Enfim.... infeliz ou não.... a piada de mau-gosto serviu ao seu propósito: chamando atenção da mídia e causando polêmica, rs!!!


Na minha opinião, essa fase da Record foi disparada a melhor da revista.....

Sei q mtos leitores preferem a fase anterior da Vecchi, talvez pelo seu mérito de ter construído com bastante comeptência a fama da MAD aqui no Brasil: Mas eu sempre achei a fase Record com um humor + afiado.... pois os caras já tinham as manhas de como produzir e editar a revista!!!

Uma pena q depois de 158 ed.... a revista passaria pras mãos (bem menos competentes) da Mythos.... onde a revista começava  aperder fôlego (mas isso já é assunto pra outra matéria)!!!


Até+

29 comentários:

  1. Oi Leo, gostei da abordagem sincera e dinãmica da MAD na fase Record. Não acompanhei muito de perto a MAD nesses anos todos, mas mesmo de longe pude perceber a acidez no humor e a rispidez das críticas às agruras do cotidiano. Ou seja, a MAD cumpriu seu papel. Hoje, os tempos são outros e talvez seja mais difícil fazer críticas ou despejar escrotices nessa nova geração que parece estar "anestesiada" para tudo. os jovens de hoje simplesmente "não reagem" à nada, estão num estado letárgico de indiferença ao que já está aí. só querem o "novo" que se consome no mesmo instante em que é criado, passando instantâneamente a ser "descartado" em seguida. Ops (me alonguei) só queria mesmo dizer, que adorei a sua crônica dessa fase da revista, e sei que seu gosto é refinado, então com certeza essa fase tem tudo mesmo para ser melhor que a da Vecchi. Abs. e tudo de bom. Paulo.

    ResponderExcluir
  2. É bem poraí mesmo, Paulo....

    a MAD teve um impacto mto maior qdo estava inserida em outro contexto sócio-político e cultural (ao passar por todas as revoluções e mudanças entre os anos 60 e 80)!!!

    atualmente a revista tá apenas "sobrevivendo" ao mundo informatizado e moderno.... o público dela mudou, deixou de ser o público contestador e rebelde q era: e passou a ser parte do sistema q antes a revista atacava sem dó nem piedade!!!

    seja como for.... ao rever essas capas todas em sequência q eu postei (enquanto estava escrevendo a matéria): percebi como essa revista funcionava bem como um documento histórico dos modismos e tendências de uma época!!!

    essa é uma importância q poucas pessoas reconhecem nos gibis.... o fato de eles refletem momentos importantes de uma determinada época: servindo como um perfeito documento histórico de uma geração!!!

    abs, e obrigado pela participação, Paulo!!

    ResponderExcluir
  3. "Irá falar da MAD da Panini ?"


    boa pergunta, Pablo:

    é q eu não tenho nada de bom pra falar da MAD atual... mas isso não quer dizer q mesmo as coisas ruins não possam render boas matérias, né??

    de repente eu faço uma matéria sobre a mad da panini sim....

    mas a próxima será da Mythos... e depois ainda farei uma só pras ed. ESPECIAIS e Livros de Bolso (a da panini seria a última, pois tenho q seguir uma certa ordem pra não me atrapalhar todo, rs)!!!

    abs!!

    ResponderExcluir
  4. Critique a vontade Leo,esse gibi podre,ati-religioso,que não respeita seus leitores e o seu preferido...né ?

    QUER SER ENTREVISTADO ?

    ResponderExcluir
  5. a MAD não respeita nada, Pablo.... mto menos os seus próprios leitores, q sempre fez questão de xingar e humilhar em suas seções de cartas, rs:

    mas isso é característica da revista, e é assim desde os anos 50!!!

    a MAD não é o meu gibi preferido não... eu gosto mto de algumas fases antigas dela (mas de outras mais novas não)!!!

    eu não tenho um gibi preferido... pois gosto de vários e todos eles por melhores q sejam sempre tem seus pontos positivos e negativos!!!

    abs!!


    PS: sobre a entrevista, por mim tá tranquilo... me manda teu e-mail q eu repondo qq pergunta q tu me fizeres, blz??

    até+

    ResponderExcluir
  6. ablo.gabriel3mendoza@gmail.com

    ResponderExcluir
  7. Quer dizer ...pablo.gabriel3mendoza@gmail.com

    ResponderExcluir
  8. Leo, parabéns pela matéria.

    Sempre é bom resgatar bons momentos dos quadrinhos.
    A Mad foi uma revista que me acompanhou durante muito tempo, comecei a lê-la na mesma época que comecei com a Marvel.
    É triste ver os rumos que ela tomou, mas é natural que chegasse a esse caminho sem-graça de atualmente.
    Bons tempos dos geniais Dave Berg, Al Jaffe, Don Martin e outras feras...

    ResponderExcluir
  9. Luiz,

    Obrigado pelos parabéns.... pois essa matéria eu escrevi com bastante saudosismo, pq eu adorava essa fase da MAD q me trouxe boas risadas e alegrias numa época difícil onde a crise financeira dos anos 80 (plano cruzado) me pegou em cheio, rs!!!

    Dave Berg, Al Jaffe, Don Martin e outras feras... bem lembrado: esses caras fizeram toda a diferença na MAD:

    hj em dia não tem ninguém desse calibre na revista... ninguém com a bagagem cultural desses caras e nem a veia cômica deles (q era pura contra-cultura)!!!

    o q salva a MAD hj... é a "MAD ESPECIAL" (q a panini publica a cada 3 meses): essa revista tem trazido material INÉDITO dos anos 50 q nunca chegou a sair no brasil, e tbm tem publicado tudo do Don Martin na íntegra e na ordem cronológica!!!

    fica ligado q isso é ouro puro, hehehe...

    valew!!!

    ResponderExcluir
  10. Leo,

    Eu não sabia que a Mad especial estava publicando este material clássico.
    Vou garimpar uns sebos pra ver se encontro.

    Valeu, pela dica!!!

    ResponderExcluir
  11. Luiz,

    A "Mad Especial" (da Panini) desde o nº 1 vem trazendo uma seleção do melhor q a revista já publicou desde os anos 50!!!

    é tudo misturado: na mesma ed. vem um pouco de material dos anos 50 (a maioria inédito no brasil), 60, 70, 80 e lá de vez em qdo alguma coisa + recente (de 90 pra cá)!!!

    mas a única "ordem" q eles seguem... é q a partir da ed. 7, eles começaram a publicar na íntegra tudo q o Don Martin já produziu (desde suas primeiras tiras)!!!

    eu recomendaria todas (pois até agora a seleção tem sido ótima)... mas se não achar as primeiras, tenta pelo menos da 7 em diante (q foi onde começaram essas do Don Martin)!!!

    e daqui a uns dias eu farei uma matéria só sobre os especiais da MAD... desde a Vecchi até esses novos da panini (já tô catando as capas pra matéria)!!!

    valew!!!

    ResponderExcluir
  12. Franck Costa23/07/2012 17:49

    Ol Leo, descobri o blog hoje, muito maneiro!!!! Sobre a MAD, sempre gostei, mas eu nunca colecionei, eu lia dos amigos mesmo... tinha aquelas contracapas que se a gente juntase ou fizesse um tipo de dobradura, formava outra figura "escondida na cena" não é isso? Um abraço, e serei assíduo aqui do BLOG.

    ResponderExcluir
  13. "Ol Leo, descobri o blog hoje, muito maneiro!!!! "


    Seja bem-vindo ao "Submundo", Franck!!!

    obrigado por ter curtido o blog... sempre tento trazer matérias bem variadas pra agradar a leitores de todos os gêneros de quadrinhos!!!

    eu já fui viciado na MAD nos anos 80, rs... e hj ainda coleciono, mas só as ed. "Especiais" (q são trimestrais e trazem material P&B da fase clássica)!!!

    e ainda hj existem essas famosas "Dobradinhas" na contra-capa.... dobrando ela nas partes marcadas a junção das extremidades forma uma outra imagem (e até o texto embaixo fica alterado conforme a figura tbm muda - é uma sacada genial mesmo, rs)!!!

    dê uma olhadinha tbm na TAG/Marcador "Humor" aqui no blog, q tem outras matérias qfiz sobre a MAD e tbm a "Chiclete com Banana" (no mesmo estilo)!!!

    e apareça sempre q puder aqui... eu sempre respondo todos os comentários (mesmo em tópicos bem antigos!)!!

    Abração!!

    ResponderExcluir
  14. Eu gostava muito do mad na minha infancia de anos 80, só tem uma coisa que eu nunca entendi , por que que na fase da vecchi os balões..... eram tão tão toscos feitos a mão e na record continuou quando os textos no original, e isso é merito da mythos era 'digitalizado' ?

    o, leo, vê isso pra mim, curioso, pois o papel da vecchi era bem superior, e o da record era chamado de 'papel higienico' mas os letreiros dos textos eram horriveis

    preguiça de datilografar ? contenção de custos ?

    e leo, se lembra dessa época, nego ia as bancas comprar revista como se fosse brinquedo, feliz da vida.... nem precisava desse traquinario de internet pra ser feliz, com poucas coisas se encantávamos

    garrafinha- de vidro ! - de coca na mão e uns biscoitos merendinhas e já tava bom pro recreio

    ResponderExcluir
  15. "o, leo, vê isso pra mim, curioso, pois o papel da vecchi era bem superior, e o da record era chamado de 'papel higienico' mas os letreiros dos textos eram horriveis"


    E aí... blz??

    eu ainda tenho algumas ed. da Vecchi e da Record (incluindo alguns especiais e livros de bolso das 2 editoras)....

    e te garanto, o papel da Record era melhor (inclusive nos "Especiais" nº 3, 4 e 5 e em alguma sed. mensais de 1986 a 89... o papel da Record era bem bem branquinho e brilhoso)!!!

    as ed. q eu tenho da Vecchi ficaram com as pág amareladas com o tempo... as da Record tbm, mas bem mais leve: e essas q eu falei não amarelaram em nada - continuam branquinhas)!!!

    já a toskêra dos balões feitos à mão... era puro desleixo mesmo, hehe:

    a RGE tbm fazia isso nos gibis de heróis Marvel dos anos 70... (acho q não queriam contratar um datilógrafo e faziam nas coxas mesmo, rs)!!!

    hj em dia é tudo + fácil com a informática... mas mesmo assim, não tinha desculpa pra esse relaxamento na época, pq as outras editoras faziam direitinho os balões)!!!

    e tbm sou bem saudosista dessa época... a MAD já chegou a ser meu gibi favorito nos anos 80!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  16. bem que voce falou que respondia posts antigos...ah, meu nome é hugo, sai anonimo por que esqueci a senha do meu email!!!!!! kkkkkkkkkkk, olha, então quando for eu, vou por 'hugo' antes

    sobre a legendas, realmente, dava dó, quando a gente comparava mesmo os da record com os originais americanos, era um luxo os letreiramentos, a revista 'pancada' da abril-concorrente da mad, fazia igual nos anos 70

    será que era tudo economia mesmo ? e chegavam a encolher as letras no mesmo balão pra caber tudo, depois reiniciava maior, tudo junto !

    kkk

    ResponderExcluir
  17. "bem que voce falou que respondia posts antigos...ah, meu nome é hugo, sai anonimo por que esqueci a senha do meu email!!!!!! kkkkkkkkkkk, olha, então quando for eu, vou por 'hugo' antes"


    E aí, Hugo... tdo bem??

    é tranquilo, pode comentar em qq tópico q todos os comentários (mesmo no mais antigo deles) vai direto pro meu e-mail da mesma forma q os novos, rs!!!

    eu me lembro dessa "Pancada", era um plágio descarado hein? haha, até o "mascote" na capa era parecido!!!!

    eu tbm fiz aqui uma matéria sobre a MAD da Vecchi... com algumas das capas de edições q eu tbm tive na época!!! Só não fiz uma matéria da fase Mythos, pq não tenho nenhuma ed. desse período!!!

    atualmente coleciono só a "MAD Especial"... q infelizmente tá com a periodicidade toda bagunçada (era pra ser trimestral, mas só tivemos 2 este ano)!!!

    qto aos balões, eu acho q era economia mesmo... um datilógrafo devia ser um custo a mais pros caras, além de levar mais tempo: qdo escrever na mão devia ser + rápido!!!

    mas era desleixo mesmo, pois na Ebal (q era uma editora + antiga) eram bem-feitos e organizados os balões...

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  18. ( HUGO) se voce achou a pancada um plagio descarado, tinha uma outra a revista CRAZY que acho que vinha pela marvel- uma versão deles, olha, essa era tão ruim tão ruim que qualquer mad ruim era melhor que uma crazy boa

    eu tenho uma, de satira do flash gordon na capa, procura no google que voce acha, que coisinha ruim

    o curioso, leo, é que nos anos 80 eu nunca vi outros com essa revista, vim conhecer depois de veio, vasculhando sebos e aí descobri

    outra coisa era lenda urbana- playboy da xuxa, superaventuras marvel 1 vendida por mil cruzeiros, sei lá o que era isso hoje

    ResponderExcluir
  19. "outra coisa era lenda urbana- playboy da xuxa, superaventuras marvel 1 vendida por mil cruzeiros, sei lá o que era isso hoje "


    Hahaha... essa da Xuxa eu já tive. Mas não era uma Playboy, e sim uma "Status" (equivalente à revista "Sexy" da época). Vendi por uma nota preta nos anos 90 - se bem q se eu tivesse guardado, hj valeria mto mais, hehe!!!

    se bem q eram poucas pág com ela... em fotos q foram tiradas antes dela ficar famosa!!!

    já o "Superaventuras marvel" nº 1 eu ainda tenho na coleção... tirei uma foto dessa ed. e postei aqui no blog (tá no marcador "FOTOS" - no canto direito da pág)!!!

    e q viagem essa revista "Crazy", hein?? nunca tinha ouvido falar, haha... plagiozão brabo mesmo!!!

    lembrei de um outro descarado: o "Recruta Biruta" (plágio do "Zero", rs)!!!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  20. pois é leo, mais uma ideia além das vigarices do rob liefeld, pra voce fazer tópico

    tem no google algum material, sairam poucos numeros no brasil... era uma mistura de mad com pancada,se é que isso era possível e teve até fãs !!!!!!
    faziam satiras e filmes exatamente como na mad mas tudo errado !

    ah,e a playboy era da xuxa mesmo, me lembro da status ! mas era palyboy, hoje a coroa adquiriu todas as revistas pra ninguem vender mais !!!!!!!! a rainha fez seus ziriguiduns e deu certo

    outra lenda urbana---- jacaré que vivia supostamente nos córregos de esgoto a céu aberto, aqueles que tem no meio da via, sabe avenidão
    EU NUNCA VI NENHUM, mas parecia ocultar ALGUMA coisa

    na escola, coleguinha que jurava que já estavam feitas os filmes de star wars 1 2 e 3, já ninguem entendia por que o classico começava no 4

    alias, outra ideia pra voce, nós que somos criativos por natureza, avidos leitores de gibis...quantas vezes sonhávamos como devia ser o episodio 1 o vader como grande guerreiro, antes de ir pro lado negro...e o 2 do que se trataria ? o 1 sabiamos que talvez explicasse o que era a 'força' e tivesse o yoda, claro
    meu deus e o 3 que coisa sem igual, aí o lucas espera trinta anos pra fazer uma bosta dessas, do qual só se salva o 3 mais convincente
    tinha umas aventuras no gibi do 'hulk' bem melhores que essa das telas
    que decepção...era um amiguinho, sabe, que geralmente ia pros eua ou falador mesmo, dizia'mas os três filmes serão filmados-isso em 1990- qual nada

    legal lembrar isso
    ------HUGO-----------

    ResponderExcluir
  21. "tinha umas aventuras no gibi do 'hulk' bem melhores que essa das telas que decepção..."


    Hahaha...

    pois é, Hugo: eu tbm na adolescência imaginava como seriam os 3 primeiros filmes de SW. Minha idéia era q fossem algo parecido com as aventuras q saíam nos gibis do Hulk mesmo: histórias legais com os mesmos personagens só q se passando antes de se conhecerem, é claro!!!

    tipo, eu imaginava q os 3 primeiros mostrariam aventuras do Han Solo no início da carreira de mercenário. O triunfo do império, a origem do Boba Fett (q era bem popular na época - talvez graças à um boneco mto bacana q tinha dele), e coisas do tipo...

    mas uma coisa é certa: eu nunca teria imaginado algo tão insosso qto essa nova trilogia q o Lucas fez, rs!!! Q decepção mesmo, hein??

    Essas históiras produzidas pela Marvel nos anos 80, tbm foram as melhores q já li de SW... lá fora saiu em encadernados, sabia? um camarada meu tem os importados!!!

    vou tentar reunir umas imagens da "crazy", "pancada" e "Recruta Biruta" (entre outras)... pra uma futura matéria sobre gibis "GENÉRICOS", hehe... acho q ficaria legal, hein??

    Valeu!!

    ResponderExcluir
  22. pois é, leo, e o bendito episodio começava no 4 !!!! por que ????????? passamos gerações encucando isso, quando sai do cinema com meu pai- hoje já está com 78 anos e gagá- só sabe peidar e ver novela

    sabe o que eu pensava ? que o 1 simplesmente mostraria como surgiu os sabres de luz, o yoda mostrando como se construia, os primeiro jedi... como eram, seus ideais, e teve um grande furo
    no episodio 4 o obi wan diz- seu pai,luke, foi um grande piloto, o melhor que eu conheci- e nos 3 filmes o anakin nada .Eu sempre pensei que o vader foi um piloto daquelas naves rebeldes em forma de 'x', e grande amigo do ben

    nos filmes o lucas se esqueceu disso !, te recomendo buscar no GOOGLE ' o povo contra george lucas'que fala da revolta dos fãs com a historia original

    tinham que ter posto um nolan begins, ai mermão a gente sairia levitando de alegria do cinema

    destruiram 30 % da nossa infancia, só vale talvez pelo finalzinho do 3 onde finalmente surge o darth vader em toda a 'gloria' miseros 5 minutos
    a estrela da morte mal é mostrada, mas no geral o 3 é o melhorzinho da trilogia nova

    -HUGO---------


    ResponderExcluir
  23. "pois é, leo, e o bendito episodio começava no 4 !!!! por que ??????"


    Boa pergunta....

    agora q vimos os ep. 1 a 3, percebemos q eram histórias NOVAS feitas recentemente (e não algo planejado ou existente em papel nos anos 70)!!!

    Assim sendo, tbm não entendo pq o Lucas inventou na época uma trilogia imaginária q ele só iria escrever mesmo décadas depois!!!

    coisa de maluco, rs...

    e como se não bastasse ter feito uma nova trilogia com qualidade MUITO inferior à dos anos 70/80.... ele ainda resolveu cagar os clássicos com essas palhaçadas de Han Solo atirando ao mesmo tempo q o Greedo e mudando o rosto do fantasma de Vader no final do ep. 6.

    ainda bem q pelo menos eu tenho os originais inalterados em DVD... pelo menos isso de bom, né??

    e tbm concordo q dos novos o melhor é o 3º.... mas ainda assim, é inferior à qq um dos clássicos!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
  24. Chefe, muito massa tudo que você escreveu sobre a MAD. Lembro que na minha infância (nasci em 92) eu e meus primos adorávamos ler edições antigas da MAD que meu pai e os irmãos leram na adolescência.
    Parece loucura, mas agora que eu estava estudando uma disciplina de economia (meu curso mesmo é jornalismo) sempre que falava de troca de moedas, congelamentos de preços, etc, me veio a imagem de alguns cartuns/charges da MAD da época. Percebi que apesar do jeito tosco e idiota da revista, ela era sim muito crítica às instabilidades politicas e economicas da época.
    Isso me fez pirar cara. Me deu uma puta vontade de fazer um estudo de memória da revista, analisando a situação do Brasil pelos cartuns da MAD, e qu precisava demais encontrar um acervo digital dessa revista. Será que existe? rsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Vinicius... blz?

      A revista MAD em versões mais antigas (até meados dos anos 90 e início dos 2000) era bem mais crítica sobre questões sócio-econômicas e políticas... Hj em dia virou uma revista pra moleques com humor bobo e "inofensivo" (perdeu todo o apelo transgressor e anárquico q tinha)!

      Um estudo sobre os anos de ouro da revista (antes da Panini acabar com a reputação da MAD em sua PIOR versão de todos os tempos) renderia um belo trabalho acadêmico sim! Qto à arquivos digitais (scans) da MAD: não são mto frequentes, mas existem sim - só tem q peneirar em sites nacionais do gênero (abaixo tem um com 2 ed. da Vecchi pra baixar e procurando vc encontra mais com certeza):

      http://aspasnoir.blogspot.com.br/search/label/MAD

      Abs!

      Excluir
  25. Obrigado pelo toque, Léo. Abraço!

    ResponderExcluir
  26. Ja tive algumas das décadas de 80 e 90 (Rambo, Aliens, Spok, Campo Nudista). Os cupins acabaram com elas todas kk. Vou comprá-las novamente nos brechós de livros e revistas.
    Alguém saberia me dizer qual era a que tinha o vampiro Bento Sarneiro na contra capa???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Armando... blz?

      Infelizmente tbm não me sobrou mais nada da MAD q eu tinha nos anos 80... As únicas ed. q tenho agora são da "MAD Especial" da Panini (q durou apenas 15 edições)!

      Essa do "Bento Sarneiro - O Vampiro Brasileiro" eu não sei o nº exato, mas com toda certeza foi uma ed. da Record q saiu por volta de 1986 (por aí) q foi uma das últimas q comprei (por isso ainda me lembro dessa contra-capa)!

      Abs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...